a Luz Brilha na Escuridão

ADVERTÊNCIA: VOU FALAR DE CIÊNCIA OCULTA. SE VOCÊ NÃO SE INTERESSA POR VISÕES QUE QUEBRAM A ORTODOXIA REINANTE NA TEOLOGIA, MÍDIA E ACADEMIA ATUAIS, NÃO PROSSIGA.

SE VOCÊ NÃO GOSTA DO QUE ESCREVO, ENTÃO NÃO LEIA, É SIMPLES. MAS NÃO TENTE ME CENSURAR COM O ‘POLITICAMENTE CORRETO’, DOGMAS OU COM ‘O QUE ESTÁ ESTABELECIDO POR CONSENSO’.

NÃO VOU TE DIZER COMO INTERPRETAR O MUNDO, RESPEITO TEU DIREITO DE FAZÊ-LO COMO JULGAR CORRETO. RESPEITE O MESMO DIREITO EM MIM. AO PROSSEGUIR, VOCÊ CONCORDA EM RESPEITAR MEU DIREITO DE VER O MUNDO COMO ME PARECE CERTO, E EXPRESSAR ESSA VISÃO.

08/12/2017

A Mãe-Terra está passando por um momento complicado, como todos notam. É natural, pois é a passagem de uma civilização pra outra mais avançada.

Vários portais estão se Abrindo, tudo vai de acordo com o Plano Maior de Deus Pai e Mãe. Ainda assim, pras nossas consciências menores, que ainda estagiam na etapa humana, esse é um momento de grande confusão.

Confusão que ainda vai ser pior. A Terra dará um grande salto nesse milênio, mas esse primeiro século será de solavancos – repito, do ponto de vista da Humanidade de superfície. Pro Criador tudo transcorre na mais perfeita ordem. Ainda assim, esse seleção entre joio e trigo causará enorme desconforto nas Almas menos espiritualizadas. Dará a impressão – já está dando – que as trevas estão engolfando o planeta.

Muitos não aguentarão a pressão, e em descontrole rebaixam sua Vibração, o que faz com sejam atraídos magneticamente a Hercólobus (ou ‘Nibirú’, ‘Absinto’ ou muitos outros nomes que o ‘astro intruso’ recebeu). Pois não estão conseguindo ver além. E de fato as coisas estão bem caóticas.

Essa percepção, do ponto de vista estritamente material/emocional/mental (os 3 primeiros chacras que o Homem e a Mulher já conseguiram abrir, por isso o mundo ‘tri-dimensional’), é correta. Mas Ampliada a Visão, digo mais uma vez e quantas se fizerem preciso, entendemos que quanto mais treva, mais Luz. E quanto mais Luz, mais treva. É o Yin-Yan, não? O preto e o branco são proporcionais:

Assim, quando chega a hora de Abrirmos mais um Chacra coletivo da Humanidade, e portanto Iniciarmos a Era de uma Nova Raça de Homens e Mulheres, ou seja absorver mais Luz no planeta, essa mesma Luz ampliada mostra mais sombras, que precisam ser expurgadas, e por isso vêm a tona.

Ou, se quiser ver pelo mão oposta, no fim dá no mesmo: o aperto da situação material faz com que os que têm ‘olhos de ver e ouvidos de ouvir’ busquem a Espiritualização, quando entendem que a salvação não virá da matéria, com seus sofismas e dialéticas.

O mal menor e temporário sempre existe pra levar ao Bem maior e mais duradouro. A Luz Brilha na escuridão. O aumento da escuridão faz com que as pessoas busquem mais a Luz, percebam melhor a Luz, e num estágio mais avançados se tornem a Luz (“todos os milagres que fiz, vocês o farão”, como um Grande Mestre Ensinou). Lúcifer é um mero servo de Deus Pai e Mãe. Lúcifer significa ‘Feito de Luz’, ou ‘Luz se Fez’.

Por isso. Porque quanto mais treva a Luz Brilha mais forte. Na treva as pessoas buscam a Luz. Yin-Yan. Quanto mais Luz mais trevas ela mostra.

……….

É isso que falaremos hoje. Reproduzirei pra vocês alguns textos que fiz sobre esse tema, adicionado dos diálogos com alguns colegas sobre esses apontamentos.

das trevas a luz

PARTE 1: A TREVA – O ‘RANGER DOS DENTES’ É REAL, E AINDA SERÁ PIOR

Lamento desiludir os que esperam uma solução fácil pras tribulações que vem atingindo a Terra e sua humanidade. A coisa vai melhorar? Sim, e muito. Mas antes ainda vai piorar – e muito, infelizmente.

Estamos definitivamente vivendo os tempos do Apocalipse. De novo: é o fim do mundo? Não! Mil vezes não. O planeta ainda é jovem, e ainda tem muita lenha pra queimar. É apenas o fim do ‘mundo como conhecemos’. Há significativa diferença.

É o fim de uma Raça, de uma civilização. Mas uma Raça sucede a outra, uma civilização substitui a outra. Sempre foi assim, sempre vai ser. Lemúria e Atlântida se foram, a Terra continuou – digo mais, o Espírito da Terra (Logos/Gaia, se quiser usar esses nomes) se fortaleceu com a experiência.

É o mesmo. A civilização Ariana se vai. A Terra continua. Agora, pros que não se espiritualizarem, o processo será doloroso. E como será!

A Hierarquia já revelou: tudo que está nas Profecias se materializará, não te iludas quanto a isso – já está se materializando na verdade.

Então vamos a trechos de um emeio que circulou em 10 de setembro de 2017. Se chamou:

O Império vai cair; Eu Vou Ficar

Primeiro, é um barato Abrir o que na Ciência Oculta se chama ‘Lei do Pioneirismo’. Posto em linguagem mais popularizada, é ‘pensar fora da caixa’, em última análise é isso que é ser livre, seguir sua própria Cabeça e Coração, e não ser um robozinho da mídia e academia.

Não tive oportunidade de ir a Rússia e a China, mas eu conheço a situação. Sei que seus povos vivem um estilo de vida bem mais módico – e diria mais saudável. Os oeste-europeus e ianques, ao contrário, vivem de modo extravagante a décadas, desde o fim da Segunda Guerra. Esse desequilíbrio tende a aumentar – pois o I Ching em particular e toda Filosofia Oriental em geral nos ensinam que Energia nunca fica parada na mesma configuração, ou aumenta ou diminui.

Bem, o egocentrismo euro-ianque não está diminuindo, ao contrário, aumenta rapidamente. Se até a virada do milênio isso já não era saudável mas ainda não havia comprometido a sanidade, agora a situação é distinta: os euro-ianques claramente enlouqueceram, e partiram pra negação da Natureza, pra negação do passado, entre outras demências. 

Natural que seja assim. O Universo material é regido pela ‘Lei dos Ciclos’. Tudo alvorece, tem seu zênite, e a seguir decai. Com a raça branca oeste-euro-ianque o processo é o mesmo. Após o zênite vem a decadência. Após você chegar ao cume da montanha só resta começar a descer novamente. 

Aceito naturalmente, essa rotação não causa dor. Agora, quando você resiste, o que eu posso dizer? Ninguém vence a Vida. Quando algo acabou, acabou. Todos temos nossos momentos de glória, mas é preciso aceitar quando ela acaba e é preciso ceder a vez. Se descermos do pedestal voluntariamente e passarmos a faixa, isso não é um incômodo, no futuro ainda seremos lembrados positivamente em relação ao que fizemos pra merecermos um dia o lugar mais alto do pódio.

Entretanto, se chega nossa vez de descer e nos recusamos, a organização do evento pedirá, primeiro de modo discreto, que saiamos. Com a recusa, virá o pedido mais explícito, em público, o que já será um vexame.

Com nova recusa, virão os seguranças, e um último aviso que se for mais uma vez ignorado eles nos arrancarão a força do pedestal. Aí, como a última impressão é que fica, se lembrarão mais de nós sendo arrastados a força pelo salão porque nos recusamos a cumprir as regras de civilidade do que de nossos feitos que nos capacitaram ao prêmio. A descida marcará mais que a ascensão, se quiser ver assim.

É isso que está ocorrendo a chamada ‘civilização ocidental’ capitaneada pelos EUA/Europa Ocidental. Tudo que existe é porque precisa existir. Deus Pai e Mãe não erra, e se esse povo alcançou o ápice, é porque era disso que a Terra necessitava num determinado momento. Porém esse momento passou.

Passou e não volta mais. Os EUA/Europa do Oeste se recusam a descer do pódio e a passar a faixa. Eles serão arrancados a força de onde estão, e a faixa será tomada de suas mãos, por bem ou por mal. Eles optaram pelo mal, o mal virá. Ninguém vence a Vida.

O Império vai cair. E isso vai gerar um ‘Tsnuami de Dor e Caos’ global, alias as primeiras ondas já se fazem sentir, e ainda aumentará muito – e ‘tsunami’ no sentido tanto figurado como as vezes literal.

Muita confusão, ainda mais que hoje, está por se desdobrar. Mas a Rússia e China serão menos afetadas. Porque têm um estilo de vida mais módico, mais próximo do Tao se Entendes o que é isso. Por não estarem tão coladas a loucura, sofrerão menos quando tudo vier abaixo, o que não tarda digo de novo e quantas vezes se fizerem preciso. E nós, que decodificamos a lavagem cerebral da ‘Estrela de 6 Pontas’ e partimos pra ação nos descolamos do estilo de vida doentio imperial seremos menos afetados, igualmente.

Eu não vejo TV, não tenho carro, TV a cabo nem celular, não leio nada de mídia (exceto mídia alternativa sobre os EUA/Israel, porque estudar o Império, Ascensão & Queda, é uma das minhas Missões nessa encarnação), não ligo pra marcas ou nenhum tipo de luxo material em qualquer dimensão, não uso redes sociais (tenho algumas delas pra divulgar a página mas nunca entro, e quando entro todos os seguidores estão silenciados porque não quero saber da vida de ninguém).

Não ligo pra fama (‘Maurílio Mendes’ – que é como assino minha outra página,  a não-esotérica, que tem bem mais público que essa aqui de Ciência Oculta – não é meu nome, mas um pseudônimo porque não necessito reconhecimento pra minha pessoa, mas sim divulgar as ideias, ademais já recusei ser entrevistado por TV e rádio).

Boa parte de minhas roupas me foram doadas usadas por parentes, e tenham essa fonte ou tenham sido compradas nas lojas populares da Rua Pedro Ivo (que liga o Terminal Guadalupe a Pça. Rui Barbosa, pra quem não conhece o Centrão de Curitiba), uso cada peça de vestuário por mais de uma década ou até rasgar. Não bebo, não fumo, não como carne. Não vou em baladas de qualquer tipo. Sou heterossexual monogâmico voluntário.

Estudo diversas Filosofias, Orientais e Ocidentais. Não quero chamar a atenção pra minha pessoa, novamente. Estou te contando tudo isso porque tu não me conheces pessoalmente, apenas lestes o que escrevi (nota: esse emeio foi enviado pra um camarada quem tenho contato somente via internet, nunca nos vimos na dimensão física-densa).

Então estou dizendo isso: minha Missão é, bem, se Abrires o Escopo totalmente, Ser Um Com o Cosmos, Deus Pai-Mãe, o Tao, e de Samadhi em Samadhi chegar ao Nirvana, Processo já em Andamento. Caminhar é Chegar, Saber é Ser, Eu Caminho e Sei, portanto já estou lá, se é que me Entendes. 

Numa linguagem mais material, ainda assim bem acima do que a massa animalizada pode compreender, Estudo a como a Energia opera, como ela cruza as Dimensões. Estudo a Lei dos Ciclos, por todos os ângulos que imaginares, espirituais e materiais. 

E por isso está claríssimo o processo de queda do Império Ianque. 

Por isso eu não sou europeu. Mas sou Euro-Asiático, como já te contei e concordamos. 

O Império do Mal vem a pique, e não tarda. “Umbigo da Besta”. 

A hiper-promiscuidade hetero e pior, também a homo-sexual, já estão normalizadas. Idem pra pessoas andarem sem roupas nas ruas (especialmente na Europa, mas de uma década pra cá comum também nos EUA e já chegando ao Brasil), e em toda parte orgias e troca de casais.

Pior: também sodomia e trans-sexualismo, e modificações extremas do corpo humano com tatuagens, ‘piercings’ e mesmo cirurgias plásticas. Próximos passos: bacanais na via pública, incesto, pedofilia, necrofilia, sexo com animais, sadismo (pessoas presas em correntes sendo torturadas como fetiche sexual), decepações e queimas de cadáveres humanos pra ‘trabalhos’ nas esquinas, canibalismo, execuções em massa na praça central da cidade (ou no estádio) e breve todas as anteriores juntas.

Voltamos a era ‘gloriosa’ de Calígula, Nero e outros menos famosos. O Império Romano fundou Londres com o nome de ‘Londinium’ em 43 d.C. . A Inglaterra ocupou e colonizou a região que viria a ser os EUA pouco mais de um milênio e meio depois. Logo, há uma certa linearidade, há um contínuo entre os Impérios Romano, Britânico e Ianque.

Eu disse ‘uma certa linearidade’, e não uma linearidade absoluta. Óbvio que muitos outros fatores influíram, a origem romana da Londres não foi o único e nem sequer o principal. Ainda assim, existiu. Quem estudou o Império Romano sabe que ele é o pai do Império Ianque, senão na dimensão física na espiritual com certeza – daí o ícone de ambos ser exatamente o mesmo, a águia.

Passa o boi, passa a boiada. Cai o rei de ouros, cai o rei de espadas. Ou se preferir: ‘tal pai, tal filho’. Assim como o Império Romano teve seu auge e boa parte do mundo conhecido, mas depois na soberba se degenerou completamente na moral, econômica, política e todas as outras dimensões, e sucumbiu num oceano de dor e caos, o Império ianque segue a exata e idêntica trajetória.

A Terra vai tremer. O chão vai se abrir engolindo, o vento vai soprar derrubando, a maré vai subir afogando, a areia e a encosta vão se mover soterrando, a neve vai cair congelando multidões, o Sol vai queimar forte, faltará comida e água potável, e a guerra vai generalizar.

Vários vão cair. 

Eu Vou Permanecer. 

“Cairão mil a tua direita e 10 mil a tua esquerda, mas tu não serás atingido porque a Verdade está contigo”. 

“Conheça a Verdade e a Verdade te Libertará”.

O Sol Nasce entre as torres do Congresso somente uma vez por ano: 21/4, não por acaso – óbvio – a data da fundação de Brasília.

“Buscai primeiro o Reino de Deus que está dentro de ti; todo o resto lhe será dado por acréscimo”. 

Assim É. 

Deus o Ilumine, Irmão, em Verdade a todos nós. Vamos precisar

…………….

Aqui se encerra esse emeio. Uma colega, que é um Espírito brilhante, nessa encarnação bem-estabelecido em sua missão material, mas ainda assim Feminino e sensível, me escreveu:

”    Que medo deste futuro!!

O que devo fazer? Consumir menos? Esse é o começo?     “

PARTE 2: “FAÇA-SE A LUZ”: OS MANSOS HERDARÃO A TERRA

Respondo publicamente pra ela aqui: consumir menos certamente é preciso. Mas o que é ‘menos’? Não precisamos ser eremitas, nem regredir a idade da pedra, morarmos em cavernas sem água, luz, ou internet. Podemos ter um vida confortável, até mesmo ter alguns pequenos supérfluos. É preciso cortar apenas a maior parte do supérfluo.

E se cada um refletir, encontrará alguns supérfluos que podem ser eliminados sem sacrifício real algum, pois são ‘falsas necessidades’, mimos pra egos hiper-inflados que a máquina de propaganda te convenceu serem absolutamente ‘essenciais’ pro Homem e Mulher ‘modernos’, mas que está longe de ser o caso. Não cabe a ninguém de fora dizer a qualquer Alma o que ela precisa ou não. Com um pouco de reflexão, cada um encontrará seu ponto de equilíbrio sem a necessidade da cartilhas ou sermões.

Agora, o que é absolutamente imprescindível é a mudança nas dimensões internas, de elevação da Consciência. “O Reino de Deus está dentro de ti”, nunca te esqueças disso. Feito isso, a mudança externa será mera consequência, e virá sem sacrifícios, pois ‘Pensamento comanda a matéria e Consciência comanda toda Energia’.

O que precisamos, e isso é imprescindível, é de Homens e Mulheres, de Mulheres e Homens, que Pensem e Sintam o Universo como ele É: de forma Multi-Dimensional e Holística, Entendendo como primeiro passo que a Consciência é a Sede da Vida, é que ela é Eterna e apenas alterna as dimensões como o dia sucede a noite, pois reflete na micro-escala  a Fonte Maior da qual emana – Deus Pai e Mãe do Universo, em quem está contido tudo que existiu, existe e existirá em todas as Dimensões.

Se em tua Mente e teu Coração já tiveres Certeza disso, já fizestes o ‘Casamento Místico’. Então tu Sabes que a Consciência, sendo Eterna, jamais perece, e a longo prazo enriquece e se torna mais forte mesmo com o que a faz sofrer no curto prazo.

Assim, repito, “cairão mil a tua direita e 10 mil a tua esquerda; mas tu não serás atingido, porque a Verdade está contigo”.

Não há nada a temer. Deus É Amor. É Oni-Amoroso. E Oni-Ciente, Oni-Potente e Oni-Presente. Nada escapa do controle Dele-Dela, e tudo e todos que Ele-Ela fez, fez pro Bem a longo prazo. O mal temporário é apenas a ‘Escada de Jacó’, que é preciso escalar passo a passo.

Mesmo o que chamam de Lúcifer é um servo do Criador Deus Pai e Mãe, e age sob as ordens Dele-Dela. Já escrevi sobre isso com mais detalhes.

Um leitor me respondeu o seguinte (vide a seção de ‘comentários’ da referida matéria, ligada acima em verde):

”   Perfeito, coloquei no Google a pergunta se Lúcifer era servo de Deus, era o que eu desconfiava, agora ficou mais óbvio. Os religiosos nunca conseguiram sanar meu questionamento de Lúcifer ter se rebelado contra Deus, mesmo tendo livre árbitro, Deus permitiu que ele tentasse a humanidade, oras, se Deus permite é lógico que isso tem um objetivo. E não faz senti Deus usar um ser que o serve para que possam o amar de livre e espontânea vontade e depois destrui-lo, obrigado!    “

Eis minha tréplica:

Irmão, vamos colocar da seguinte forma: digo ainda mais uma vez, Deus Pai e Mãe é Oni-Presente, Oni-Potente, Oni-Ciente e Oni-Amoroso. Logo, tudo que existe, existiu ou existirá está dentro de Deus – se houvesse qualquer manifestação, em qualquer dimensão, que não fosse parte de Deus, Ele/Ela já não seria Oni-Presente.

Igualmente, tudo que existe, existiu ou existirá está sob o controle de Deus, ou o Criador Pai e Mãe do Universo não seria Oni-Potente. Nada pode se rebelar contra Deus, em outras palavras, é até fisicamente impossível. E sendo Ele/Ela Oni-Ciente, vê (e controla) simultaneamente o passado, presente e futuro.

Quando Deus cria algo (seja um átomo, uma galáxia ou tudo que há o meio, incluindo todas as Consciências humanas e de todos os reinos) já sabe como será o desenvolvimento completo de sua criação, por toda Eternidade. Portanto Deus não cria nada que irá dar errado. Se nós cremos que algo está errado, é porque nossa visão ainda é relativa, por motivos óbvios estamos a milênios-luz de entender o Absoluto.

Ademais, um ponto pouco frisado pelas religiões ortodoxas do Ocidente é que Deus é Amor. De Verdade, e não como apenas um mantra que serve como nome comercial de uma instituição religiosa. Deus é Oni-Amoroso. Logo, Ele/Ela jamais criaria uma Consciência voltada perpetuamente para o mal.

Atenção: não estou dizendo que o mal não existe, é óbvio que ele existe. Mas não existe nenhuma Consciência que faça o mal pela Eternidade, esse é o ponto. Existem, evidente, os irmãos que combatem a Luz. Mas sendo Deus Mãe e Pai de tudo que existe, existiu e existirá, as Consciências que hoje temporariamente vibram no mal um dia – nem que leve milênios, ou dezenas de milênios – mudarão de lado e vibrarão na Luz. “Nenhuma ovelha será perdida”: quando o Profeta declarou isso, estava enunciando essa Verdade.

Todas as Consciências são filhos e filhas de Deus Mãe e Pai. Todas são um Raio, uma manifestação do Divino. Não existem nem povos nem indivíduos “escolhidos”, todos são Amados igualmente pelo Criador. Então por que o mal existe? Porque existe livre-arbítrio, é simples. Se você pode escolher, tem que poder escolher errado. Pois escolher sempre o certo não seria escolher. As Almas são criadas simples e ignorantes, a Caminhada é sempre ‘das trevas a Luz’.

Como as Almas são criadas ignorantes e têm livre-arbítrio, podem escolher e muitas vezes escolhem errado. Aí, por terem ego, elas se apegam por um tempo a seu erro, e assim temporariamente se opõem a Luz.

Mas, é preciso Entender isso muito bem, a Consciência é Eterna como a Fonte (Deus) que a gerou e a qual espelha. A Alma vive pra sempre, apenas alterna as dimensões. Mesmo que uma alma persista no erro por milhares (ou dezenas de milhares) de anos, isso é um prazo longo (ou longuíssimo) mas ainda não é Eterno.

Um dia, toda Alma se Ilumina. Todo Hitler um dia será um Gandhi – mesmo que em outro planeta, não custa lembrar que a ‘Casa do Pai/Mãe tem Infinitas Moradas’, sobre o que também já escrevi.

Deus não tem pressa, seu prazo de Trabalho é literalmente a Eternidade. No Oriente se fala no conceito de ‘respiração de Brahma [Deus]’, que leva 4 bilhões de anos. Pense nisso. Ainda que uma Alma persista 10 mil anos no mal, isso ainda é uma fração de segundo pro Criador. Deus criou aquela Alma, todas as Almas, destinadas a Perfeição e a Luz.

Mas Deus sabe que é preciso subir ‘a escada de Jacó’, ou seja, a própria Alma precisa burilar sua Perfeição e sua Luz passo a passo. E assim está sendo feito. Se há quedas, Deus já sabia antes que elas ocorreriam, mas Deus sabe que ao final a Luz triunfará. Deus não em pressa, repito. O que não for feito hoje será feito amanhã. O que não for realizado na Terra o será em Hercólobus (também chamado Absinto, Nibiru e outros nomes) ou qualquer outro planeta. A pressa, a ansiedade, são características humanas que nós projetamos num ‘deus’ feito a nossa imagem e semelhança, e não vice-versa.

Todos chegaremos a Luz. Todos caminhamos em direção a Luz, e ‘caminhar é chegar’, estar a caminho é já estar com a Consciência na meta, o resto vem com o tempo. Seremos a Luz. “Todos os milagres que fiz, um dia vocês o farão e outros maiores”, garantiu o Profeta que jamais mentiu, nunca é demais retornarmos a esse Precioso Ensinamento até que Entendamos de fato suas Palavras. Mas antes disso é preciso resgatar os erros, afinal eles fizeram outras pessoas sofrerem. Aí que Lúcifer entra, devolvendo a cada um o que cada um plantou.

Oras, essa limpeza é necessária a própria Alma. Após essa purificação a Consciência deixa pra trás aquela fase e avança em direção a Luz, a Deus, sobe mais um degrau na ‘escada de Jacó’. Lúcifer não cria o mal contra ninguém, apenas devolve a cada um o mal que cada um mesmo gerou, sob as ordens de Deus Criador.

Um dia, toda Alma se ilumina, deixa a ‘frota escura’ das naves e parte pra Frota da Luz [falo em ‘naves’ pra deixar claro o intercâmbio inter-planetário que há sempre, mas você substituir por ‘Hierarquia Escura’ e ‘Hierarquia da Luz’, é o que quis dizer igualmente]. Mas o mal precisa existir, pois sem poder fazer o mal não há livre-arbítrio. Evolução compulsória – se fosse possível e não é – não seria evolução, é preciso escolher Evoluir em direção a Luz. Um dia todos escolhem.

Mas como Deus nunca para de Criar, nunca para de trazer novas Consciências ao plano material, cada Alma que que um dia deixa a hierarquia escura e passa pro lado da Luz (“uma Estrela se Ascende e se Acende no Céu”, na linguagem esotérica) é substituída no lado escuro por outra Alma, mais nova e que portanto ainda não tem o preparo pra manifestar a Luz nesse momento.

A Ascensão a Luz é gradual. Pois se vier de uma vez a Luz, a Verdade, cega tanto quanto a treva, e basta ver que Saulo (depois renomeado Paulo) ficou literalmente cego ao ver Jesus (que representava uma forma Superior de Consciência, simbolicamente a Luz) na ‘Estrada pra Damasco’. E isso que Paulo era uma Alma já preparada pra Missão que assumiu, conhecimento ele tinha de sobra, era poliglota numa era que a maioria dos Homens eram analfabetos, as Mulheres nem eram consideradas seres humanos.

Então se Luz cegou um erudito, o que ela faria se fosse revelada de uma vez a massa, que em todos os tempos e em todas as épocas mal se diferencia do animal? Alguns argumentam que o Homem e Mulher “modernos” são “muito inteligentes” porque “sabem operar ‘sofisticada’ maquinaria eletrônica”.

Sim, as pessoas sabem entrar no ‘WhatsApp’ e ‘Facebook’, mas qual o material acessado? É elevado, neutro ou degradante? Eu te diria que é 10% elevado (se tanto), 70% inútil e ao menos uns 20% de conteúdo abertamente involutivo, depreciativo pra Consciência. Não custa lembrar que macacos também podem operar parafernália eletrônica – ligar/desligar aparelhos de TV, computador e celular, mudar de canal – se forem treinados a tanto.

Logo, estar conectado a ‘tecnosfera’, por si mesmo, não comprova inteligência. A única conclusão possível é a que enunciei acima, o Homem e Mulher contemporâneos, que se julgam tão ‘modernos’, em verdade são mais ignorantes que seus antepassados, e não o contrário – basta você ver que nunca houve na história da humanidade um período em que predominasse o ateísmo, como ocorre agora entre a classe média da Europa e América (continente América, tanto a Anglo-Saxônica quanto a Latina). A massa pouco se diferencia do animal, e em verdade a diferença vem se reduzindo em vez de aumentar.

Em virtude dessa lamentável situação, repito: se mesmo a um erudito como Saulo/Paulo a Luz cegou ao vir de repente, o que ela faria a multidão animalizada que não consegue desgrudar 5 minutos de seus celulares ‘inteligentes’?

Obviamente a Luz então despedaçaria seus corpos, anulando sua possibilidade de encarnar como humanos por alguns séculos, até que o corpo astral fosse refeito (saga contada simbolicamente nas Escrituras Orientais do Egito quando Ísis recolhe pedaço por pedaço o corpo de seu marido Osíris, pra que ele possa voltar a viver).

Mas essa massa ignorante é filha de Deus, como os sábios o são. O sábio um dia foi ignorante também. Se Hitler será Gandhi, Gandhi já foi Hitler (em outro planeta, óbvio, mas não muda nada, a Consciência é Eterna).

Portanto Deus não abandona nenhum de seus filhos. Apenas aceita que a Caminhada deles em direção a Luz seja lenta – ‘lenta’ em nossa concepção relativa, que é ansiosa; pra Deus tudo segue no ritmo que tem que ser.

A absorção da Luz é lenta, pois se fosse rápida faria mais mal que bem. O resultado é que por tempos vivemos imersos em grandes doses de sombras – a analogia de quando estamos no útero no escuro e por isso a Mulher “dá a Luz” é exata. Estamos nas sobras, a Luz se faz gradualmente.

Assim, existe o mal, existe inferno, pois existe livre-arbítrio. E o mal sempre existirá, é preciso que haja esse contra-ponto, não há como ser diferente. Mas não existem Consciências voltadas perpetuamente pro mal, apenas momentaneamente.

Todos e todas somos Filhos e Filhas de Deus Pai e Mãe, e todas as Consciências, sem exceção, rumam em direção a Luz, ao Retorno a Casa Paterno/Materna.

Mas o caminho que leva a Luz passa pelas sombras, é uma experiência necessária ao Amadurecimento da Alma. Veja o Yin-Yan.

É por isso que escolhi essa imagem como símbolo da página, pois ele é o ‘Oráculo dos Oráculos’, resume num simples círculo como o Universo funciona, não há Luz sem sombras, portanto quanto mais Luz, mais vemos a sombra, e vice-versa.

Enquanto estão nas sombras, as Almas ficam sob a jurisdição de Lúcifer. Mas esse não obrigou ninguém a nada, apenas devolveu a cada um o que cada um escolheu. E cumpriu esse papel a mando do Criador Oni-Ciente, Oni-Potente, Oni-Presente e Oni-Amoroso.

“Lúcifer”, ou se preferir: “Luz se Fez”. O “Feito de Luz”. É na escuridão que a Luz brilha. O papel de Lúcifer, como você colocou com maestria, é jogar de volta tua própria sombra a teu redor, pra que você enfim decida por acender sua Luz interna (o Reino de Deus que está dentro de você).

E se Deus mandou que seja assim Lúcifer, o fiel servo Dele/Dela, o cumpre. “Missão Dada é Missão Cumprida”.

Assim É.

……….

Também na África está raiando uma Nova Era, de Paz e Progresso.

Fechamos com o apontamento de um outro colega, esse eu conheço pessoalmente, ele sempre escreve de azul e há vários comentários dele publicados, em minhas duas páginas:

Meu irmão.

Não tem o que tirar nem pôr. Como você (no caso eu, O. M.) escreveu:

Lúcifer”, ou se preferir: “Luz se Fez”. O “Feito de Luz”. É na escuridão que a Luz brilha. O papel de Lúcifer, como você colocou com maestria, é jogar de volta tua própria sombra a teu redor, pra que você enfim decida por acender sua Luz interna (o Reino de Deus que está dentro de você).

Esta última parte é, com efeito, ESCLARECEDORA (Cabe o trocadilho). Por sinal, me lembro da última bobagem da moda, os “terraplanistas” versus os “globalistas”. E me lembro de ter lido em algum lugar que, se a Terra fosse plana, uma pessoa com visão normal, 20/20 a olho nu, conseguiria enxergar a luz de uma vela à noite, com céu limpo à uma distância de 20 Km!

Então, por menor que seja a fonte de luz, é o entorno dela que demonstra todo o seu potencial.

É no escuro que a Luz Brilha. Tão óbvio no plano físico, vale pro Plano Espiritual também.

E isso é tão evidente, que do ponto de vista “prático” se comprova. Durante a segunda guerra, uma das formas de se identificar aeronaves à noite – mesmo com luzes de posição apagadas – era pelas ocasionais explosões dos escapes dos motores…

Fraternal abraço.  ”

Que Deus Pai e Mãe Ilumine sua Caminhada pela Eternidade.

Ele-Ela proverá 

Anúncios

Eu Sou “o Louco do Tarô”

20/09/2017

A.S.: antes que interpretem mal minhas palavras, não sou contra o conhecimento, exatamente ao contrário. Por isso Sou Estudante, e o que é “estudar” senão buscar adquirir conhecimento?

Apenas sou Estudante com ‘E’ Maior. Minha Escola – e meu Templo, Morada e Local de Trabalho – é o Cosmos Infinito, em todas as suas Dimensões, materialização do Espírito Cósmico que é a Consciência Una, Deus Mãe e Pai

Não sigo cartilhas. Sou auto-didata e estudo diversas doutrinas, Ocidentais e Orientais. Então, mais uma vez, não sou contra o conhecimento, mas sim contra o culto a ele como um fim em si mesmo. Sou contra o intelectualismo, a ‘ignorância refinada’ que defini esses dias em outro texto. 

A Ciência Oculta Trabalha com todo Espectro. Infra-Consciente, Consciente e Supra-Consciente. Se preferires uma analogia na Ótica, com o que enxergamos tanto quanto infra-vermelho e Ultra-Violeta. Por isso no Esoterismo a Visão é sempre Multi-Dimensional e Holística, não há o limitante (e militante) paradigma newtoniano-cartesiano. Assim, quando uma linearidade é válida, não exclui outras. Como diz o Budismo, “de quase tudo que pode ser afirmado como Verdade, geralmente o exato oposto é igualmente Verdadeiro”.

Ou melhor, não sou contra o intelectualismo, e caminho pra um dia não ser contra nada. Sendo Estudante, e Adepto da Visão Oriental, sei bem que tudo que existe é porque precisa existir.

Deus Pai e Mãe não erra, e se a Terra foi engolfada por grossas trevas, é porque muita Luz está vindo também. Pelo Yin-Yan que é o Oráculo dos Oráculos Entendemos que quanto mais Luz, mais escuridão a espelha. O ponto mais escuro da noite marca justamente o princípio do Amanhecer. 

Apenas eu não sou intelectualista, sou Estudante e portanto Espiritualista, fiz o ‘Casamento Alquímico’  do racional com o Místico.

………..

Isto posto, vamos ao texto. Há um camarada que é criticado como um tolo em seu círculo, porque ele e a esposa professam uma religião heterodoxa, o que os leva, entre outras coisas, a serem desapegados das posses materiais. Por isso são mal-vistos mesmo por muitos na família. Eu já creio exatamente no contrário. 

Escrevi que a China está substituindo o Império Euro-Estadunidense porque “quem afronta as Leis mais básicas da Biologia, Física, Magnetismo e Espiritualidade não é digno mesmo de possuir uma Civilização. Então põe tudo abaixo. Sem piedade dos ‘revertidos’.”

Em nosso tema de hoje isso também fica claro. Puxei algumas imagens pra vermos como diferentes povos e épocas veem o “Louco do Tarô”. Geralmente é um Homem que traz flores e um bastão nas mãos, seja num ritual de magia ou apenas um instrumento pra amarrar suas trouxas de roupas. E geralmente há um cachorro branco solto a acompanhá-lo. Mas aqui o Louco está sobre um gato preto e sob o arco-íris. Logo. . .

Ele comentou: ” Estamos numa fase de grandes mudanças em que os povos que viram o grande desenvolvimento na matéria e só do lado econômico, está chegando ao fim finalmente, e agora poucos estão preparados para essas novas mudanças que só podem ser de índole espiritual. “

Aqui se encerra o emeio dele, sou eu (O.M.) de novo. 

Viste? Esse irmão e eu temos exatamente a mesma visão, a de que a raça branca normanda judaico-cristã (na verdade uma sub-raça, a 5ª sub-raça, e portanto o ápice, da 5ª Grande Raça Ariana) teve seu grande ciclo, mas se cegou por seu sucesso e vendo só a aparência se esqueceu da Essência. 

Aí natural a incompreensão do que está vindo, que é o Renascimento da Dimensão Espiritual no Homem e na Mulher, pondo fim a essa era hedonista, niilista, consumista, egocêntrica e sodomita

Virá, ao contrário, uma Era Espiritual, Holística, Mística, quando os Homens e Mulheres se Harmonizarão entre si e com o Cosmos, a Natureza e suas Leis, em todas as Dimensões. 

Agora, óbvio, os estúpidos que se acostumaram e lucram com o atual estado demente das coisas querem que tudo permaneça como está. “Estar bem adaptado a uma sociedade profundamente doente não é sinônimo de saúde, mas de doença“, já disse alguém. 

Então claramente há um conflito, entre o que igualam ego=mente=Consciência de um lado, e entre os Espiritualistas do outro. 

Quem crê que a Alma humana só venha uma vez a matéria não pode mesmo Entender como funcionam as formas de Consciência mais elevadas que a mente. 

. . . a mesma simbologia em sua forma feminina, a “Louca do Tarô”. Pela sua própria altíssima densidade, o plano físico-denso se divide em 2 polaridades. Respeito o livre-arbítrio de todos e a busca de cada um em ter as experiências que necessitam. Ainda assim, aponto que essa divisão tem um motivo de ser, logo atacá-la mostra ignorância sobre a Lei Universal, e nunca sabedoria. Alma Neutra, matéria polar. Mas os Planos Imateriais estão livres dessas amarras, por isso ilustro as ‘Loucas’ ao lado de seus consortes ‘Loucos’, pra ficar completo. Nessa imagem como na anterior e outras, há borboletas, mas só nessa as mãos estão livres e não há nenhum mamífero quadrúpede ao lado.

Da mesma forma, uma dia o Homem e a Mulher igualaram seu corpo físico com sua Consciência – alguns ainda veem assim, daí a proliferação da promiscuidade atual.

O corpo, assim como a mente, ambos têm sua própria mini-consicência, é certo. Em eras ainda mais obscuras, essa consciência corporal era tudo que podíamos perceber, daí se igualar a consciência corporal com ‘c’ minúsculo com a Consciência com ‘C’ Maior. 

Hoje, avançamos um pouco e descobrimos a mente. Igualmente há uma mini-consciência no plano mental. Mas, assim como a mini-consciência corporal, a mini-consciência da mente com ‘c’ menor não é a sede da Vida, da Alma. O pré-histórico – e os hiper-promíscuos ainda hoje – criam e creem que o corpo era tudo que existia, pouco identificavam da Alma além dele. 

O Homem e a Mulher “modernos”, hiper-intelectualizados, descobriram a mente, e zombam dos seus ancestrais que criam que a sede da Alma era no corpo. Mas eles cometem um equívoco de mesma monta, achando que a sede é na mente. Erro crasso! 

Corpo e mente, ambos têm cada um seu próprio nível consciencial. Sempre com ‘c’ minúsculo, porque são ambos camadas de um todo. Acima do corpo, e acima da mente, está a Alma ou Espírito.

Claro, repito, quem crê erroneamente que só se vem a matéria uma vez não poderá jamais transcender a mente. E nossa personalidade nessa encarnação é exatamente o ego, então quem não crê em outras vidas também não poderá transcender o ego. Assim, pra esses idiotas, ego, mente e Consciência são o mesmo. 

Os Estudantes, os Espiritualistas, ao contrário, temos muito claro que o Espírito vive Eternamente e desce a carne centenas de vezes.

E natural, pois mesmo voltando muitas e muitas vezes a matéria em distintos sexos, continentes, condições sociais, financeiras, de saúde, de acesso a educação, diferentes campos profisionais, ou seja mesmo variando tudo as armadilhas das forças opostas a Luz estão travando o Homem e Mulher terrícolas saírem desse estado infantil de compreensão.

Mesmo experimentando muitas frequências, com todas ou ao menos múltiplas combinações possíveis, está difícil Abrir a Visão em termos Reais.

O cachorro é castanho e somente nessa versão está encoleirado.

Resultando que em apenas uma vida, vivendo em apenas um ego, um corpo, um sexo, uma condição social/profissional/religiosa/nacional e por aí vai, estando por aqui por apenas pouquíssimas décadas – e muitos nem isso, morrem jovens ou crianças – é que não haveria mesmo qualquer aprendizado. 

Nós Somos Um com o Cosmos, com o Pai/Mãe, e portanto Somos Eternos como Ele/Ela, e Sabemos que a sede da vida não é corpo nem a mente, mas sim que esses são instrumentos de Algo Maior. 

Todos Somos Eternos. Os idiotas que negam a re-encarnação também re-encarnam, pois essa é a Lei, e não depende de seu livre-arbítrio.

Negar a re-encarnação não te torna isento de re-encarnar, pois o Oni-Ciente, Oni-Potente, Oni-Presente e Oni-Amoroso Criador Deus Pai e Mãe evidentemente não precisa pedir licença aos imbecis com seus egos ultra-ultra-inflados pra Formular e Aplicar as Leis do Universo. 

Pelo gogó-de-Adão, o Louco voltou a ser Masculino. Mas a apresentação visual (vestuário e cabelo) ainda vibram na Sintonia Feminina, pelo menos a aparência feminina contemporânea.

Então todos Somos Eternos, queiramos ou não. Afirmar que “somos finitos” não muda isso, pois se mesmo os Sábios não têm o poder de mudar a Lei, certamente não serão os tolos que o terão. 

Mas “Ser é Saber, e Saber é Ser”. Se você não sabe, no nível de Consciência não é. Como ‘Tudo no Universo é Energia’ e ‘Consciência comanda toda Energia’, se você limita sua Consciência, limita sua existência

Você ainda irá re-encarnar querendo ou não pois isso não se altera jamais, mas enquanto está aqui na matéria você terá o livre-arbítrio de negar a re-encarnação. Apenas você está se tornando um imbecil fazendo isso. Está limitando sua Consciência, ao igualá-la a mente e ego

Não se preocupe, não há ‘pecado’ algum nisso. O Universo é Infinito, e ‘nenhuma ovelha será perdida’. Quero dizer com isso que sempre haverá lugar para os imbecis em alguma parte do Cosmos. 

A questão é que o papel que eles desempenharão na suas próximas encarnações não será muito de seu agrado, mas eles mesmos escolheram assim ao se auto-limitar. Ação e Reação. 

Quando você nega a re-encarnação, você coloca toda sua força consciencial na atual vida. Assim falta pras próximas. É matemática, não é punição. Ao contrário, é respeito ao seu livre-arbítrio.

Igualmente, se você recebe seu salário e vive como um rei/uma rainha no primeiro fim-de-semana, você terá que passar como um mendigo os outros 28 dias que faltam pro novo pagamento. E a culpa é de quem?, do patrão que honrou seu contra-cheque na data correta, ou tua, que detonou o valor em poucas horas?

Você pode afirmar o quanto quiser que “não há re-encarnação”. Ainda assim, há. Não é minha opinião, é a Lei. Negando esse fato, você mesmo está negligenciando seu planejamento pra viver seus próprios ciclos vindouros na matéria. Naturalmente então viverá pior, por sua exclusiva escolha. Não estou tentando te intimidar, ganhar na pressão. Apenas espera e verás, daqui um século retomamos essa conversa…

Todos Somos Eternos, vivemos muitas vidas em muitos planetas de várias galáxias. Ser é Saber, e Saber é Ser. Se você o Sabe, o É de forma Consciente.

Se não sabe, continuará a re-encarnar pois não cabe a ti escolher isso, mas limita sua Consciência, até que os rudes choques materiais a despertem. Essa é a origem das ‘quedas de anjos’ e ‘expulsões de paraísos’ das Escrituras, a auto-limitação de Consciência por igualá-la ao ego, por pôr mais ênfase na aparência que na Essência. 

…………

Então claramente há um conflito. 

Há uma vibração das massas, imbecilizante. E por ‘massas’ eu incluo os intelectuais, alias esses são os mais imbecilizados. Mas como quase todos estão coletivamente idiotizados, eles se masturbam mutuamente no campo intelectual e se creem muito inteligentes. 

Bem, eles amam o ‘Império do Mal’, e nada mais natural, pois esta nação opressora – tu sabes a qual me refiro – é a fonte de 90% da idiotice planetária atualmente.

Cada um cuida de seus lacaios dando-lhes mimos pra que se sintam ‘especiais’, e inversamente cada um afaga a mão que o alimenta, os cães abanam o rabinho pro seu dono quando ganham os restos do almoço. 

E são esses que se acham muito ‘especiais’, que se auto-denominam muito ‘racionais’ e ‘inteligentes’ porque todos vibram juntos na mesma sintonia idiotizante, mas como todos repetem a lavagem cerebral creem estar muito certos, são essas pessoas os que classificam o colega que me escreveu como um tolo. Bem, dizem o mesmo de mim.

Qual lado tem razão? Não é preciso brigar, pois o tempo dirá. 

Mais uma “Louca”, o cão virou uma raposa, a borboleta está impressa na roupa – e o abismo ainda está distante, ela apenas inicia a Caminhada. Ou podemos dizer que a solidão faz o papel do abismo. Não necessariamente isolamento físico, mas a solidão necessária a Iniciação – quando você pensa por si mesmo, atrai a ojeriza da multidão, e é exatamente por isso que essa mensagem começou. Só sozinho é que ‘se Cruza a Grande Água’, só  mergulha nas Trevas interiores pra lá Ser a Luz – a Alma que se emancipou do ‘pensamento/ sentimento de rebanho’.

Por isso eu nunca entro em conflito direto com eles, alias evito qualquer tipo de interação além do estritamente necessário.

Se for possível ignorá-los por completo é o que faço, senão um breve cumprimento mas a troca de palavras não vai muitos segundos além de quando as mãos se soltam. “Não jogais pérolas aos porcos, pois que as esmigalham com os pés entre a lama e tudo se perde”. 

Mas pensando melhor eles nos fazem um favor. Escreveu Kardec, não com essas palavras mas com esse sentido:

“A Fé que não incomoda o populacho não é Fé de Verdade. Se você está muito confortável, só indo com a corrente, fazendo o que a maioria faz apenas pra não receber críticas, não está evoluindo espiritualmente”. 

A multidão grassa com galhardia na ignorância, fruto de sua extrema preguiça espiritual. Repito, os intelectuais são os mais ignorantes entre todos.

Logo, a imensa maioria dos Homens e Mulheres estão acomodados ao ‘status quo’.

A Verdadeira Fé vem pra sacudir o ‘status quo’. “Não vim trazer a paz, mas a espada”, isso te diz algo?

“Se queres encontrar o Reino de Deus – que está Dentro de Ti – pega tua cruz e me segues”, aclarou o mesmo Profeta

Natural que os que busquem se focar no lado espiritual sejam desprezados pelos intelectuais, pois somos exatamente a prova que sua estupidez não é um destino, mas uma escolha. 

O cão – também castanho – tenta impedir o dono de descer ‘ao Reino do Dragão’. Pois o animal representa a multidão animalizada, que teme o desconhecido. Eles quem enxergam somente ‘loucura’ em quem pensa ‘fora da caixa’, por si mesmo. O Louco é em Verdade o Sábio.

Ninguém chuta cachorro morto, obviamente. 

Podem jogar pedra. Podem jogar ovo, tinta, barro, guspe, fogo [molotov], podem gritar e mesmo pôr uma bomba no caminho. O Caveirão não se detém, chega sempre a seu destino.

Nota: estou usando os símbolos do filme ‘Tropa de Elite’ exatamente dessa forma, como símbolos.

Não estou entrando nas implicações políticas, e não, obviamente não estou defendendo nenhuma forma de violência, nem a praticada pela polícia tampouco pelas quadrilhas de ‘comandos’ dos morros. 

Essa página é sobre Ciência Oculta, logo destinada a Homens e Mulheres já Despertos, que Saibam usar a Mente Maior Abstrata [3º Olho já Aberto] e Trabalhar com simbologia.

Falo em ‘Caveirão’ e ‘Farda Preta’ como símbolo da missão cumprida contra todas as adversidades, sem, repito, chancelar nenhuma forma de tortura ou execução sumária no plano físico-denso. Isto esclarecido, sigo na mesma Sintonia: 

Minha farda não é bege, é preta. Missão aceita é missão cumprida e vamos até o final, doa quem doa, caia quem caia.

Os intelectuais se auto-masturbando mentalmente nos tacham de tolos, ou de loucos.

Pois bem. Como no ‘aikido’, vamos usar o golpe do inimigo contra eles mesmos. Não vamos negar seu argumento, vamos estendê-lo: 

“Somos os Loucos e Loucas do Tarô” – se tens ouvidos de ouvir, nenhuma outra argumentação se faz necessária. 

Eu encerro meu caso. 

E Deus Pai e Mãe proverá.       

” Faça-se a Luz !”

13/09/2017

Vou publicar aqui trecho de uma postagem maior anterior.

Lá eu falo detalhadamente como Brasília é ‘Um Portal Inter-Temporal’, que analisada esotericamente pelos que têm ‘olhos de ver’ revela um significado muito, mas muito mais amplo que pode entender a multidão ignorante de Homens e Mulheres materialistas/adeptos de religiões dogmáticas.

Sem comparação possível. A Brasília que concentra a corrupção como sai na mídia de massas é uma gota d’água no Oceano em relação a Energia Aglutinada em Brasília nos Planos Imateriais, razão suficiente  pra um Iniciado tê-la corretamente batizado como ‘ A Cidade Concebida pra Reescrever a História da Humanidade ‘, nada menos. Tá bom pra ti ou queres mais?

(Nota: não estou negando que a corrupção existe, que fique bem claro. Assim como não estou negando que a gota d’água exista, apenas porque ela é infinitesimalmente menor que o Oceano. Nós vivemos numa era confusa e corrupta, e como o Brasil é um país – como todos os outros – habitado majoritariamente por Homens e Mulheres não-iniciados, naturalmente no geral os estados mandam pra capital federal o que têm de pior, e não de melhor.)

(A realidade material, que é a única que a chusma de ‘cegos que conduzem outros cegos ao abismo’ consegue captar, existe. Mas pra quem têm Consciência Multi-Dimensional – pré-requisito pra continuar encarnando na Terra após a conclusão da purificação já em curso – Realidades muito Maiores se fazem visíveis, sem que as menores sejam negadas. Assim como o Oceano não prescinde da gota, ao contrário, é composto delas.)

Seja como for, nessa atual postagem que estão lendo o tema não é Brasília, apenas um Ritual de Iniciação que pode ser reproduzido na sua Catedral (não sou católico, falo sempre em ermos ecumênicos, simbólicos, da Verdadeira e Única Religião, que é a Fé em Deus Pai e Mãe independente de manifestações materiais).

Quem mora ali, ou já visitou essa cidade, e ao mesmo tempo é Iniciado na Ciência Oculta, certamente não perdeu de vista a simbologia.

Mas mesmo quem não tem a chance de visitar fisicamente a capital do Brasil pode compreender o Significado dessa Passagem, e mesmo realizá-lo em outras Dimensões, sem a necessidade compulsória de estar fisicamente no local.

O que marca a diferença entre os profanos (do latim ‘pro-fanus’, ou seja, ‘fora do templo’, ainda não preparados pra verem ‘Ísis sem véus’) e Estudantes – e por ‘profanos’ eu incluo os membros de religiões dogmáticas igualmente ao lado de ateus – é que os Estudantes têm a Visão Multi-Dimensional, portanto sabem que tudo é um Símbolo, mesmo que exista fisicamente: ‘o que está Dentro está fora’, ‘como é Acima é abaixo’, ‘o que for ligado na Terra será ligado nos Céus’.

Criador & Criatura.

O Reino de Deus está dentro de ti, em tua Mente e Coração. O templo externo portanto é somente a representação do Templo Interno. Se você fisicamente fizer ou já fez o Ritual Iniciático na Catedral, Sabe disso. Se não o fez fisicamente, pode fazê-lo da mesma maneira em Espírito, o resultado final é o mesmo já que ‘Pensamento comanda a matéria’, ‘Consciência comanda toda Energia”.

Essa mensagem surgiu porque informei que me mudei, da Zona Sul pra Zona Leste de Curitiba. Na verdade as casas distam 200 metros, mas como cruza a ponte muda o bairro e também a ‘zona’. Um colega me escreveu.

 
”  Diretamente da capital egípcia do Brasil, meus cumprimentos pela nova morada. Fraternal abraço.  ”
 
……….
 

Ele mora aqui na Grande Curitiba, visita o Centro-Oeste provavelmente por motivos profissionais. De qualquer forma, eis minha tréplica:

Valeu irmão.Absorva bem a Vibração Atlante/Egípcia Multi-Dimensional, Infinita e Holística, e depois devolva-A amplificada ao Universo. Estamos precisando, depois desse enorme período regido pela sintonia ariana linear, limitada e limitante. 

Seja esse Armazenador/Condutor/Transformador de Energia. Todos o Somos, toda Consciência o é, em potencial. Mas enquanto não o sabemos, em estado inconsciente, portanto descontrolado e muito fraco.

Mas quando o Sabemos, e tu o Sabes, de forma Ordenada e Potente. De Forma Consciente, resumindo. O Salto Quântico, a Iniciação, ou . . . o Nirvana. A Entrada na Câmara – não a dos deputados, embora no futuro essa [depois de purificada] cumprirá também esse papel.

Não deixe de Fazer o Ritual Iniciático ao Adentrar a Catedral (eu não católico, enfatizo de novo. Falo da Sintonia Religiosa e Política no Sentido Esotérico já Purificado, e não do exotérico como a massa entende, a confusão atual) :

1) Consciêcia Externa, voltada pra matéria: o Homem e Mulher chumbados a Terra, pois escravos da Matéria. 

A Caminho da Luz: na Catedral, dupla simbologia da Alma em sua luta pra se libertar das amarras materiais. Do lado de fora, estátuas soldadas ao solo, presas. Simbolizam o Homem e a Mulher em sua etapa animalizada, condicionados pelos instintos e dificuldades materiais.

2) Iniciando a passagem. Adentremos o Reino de Deus. Tu o Sabes mas digo ainda mais uma vez, o Reino de Deus está dentro de ti, em tua Mente e Coração.

Assim, o templo externo é apenas uma simbologia do Templo Interno: o que está dentro está fora, como é Acima é abaixo, o que for ligado na Terra está ligado nos Céus.

Pra adentrar ao Templo, é preciso descer por um túnel. Ou seja, a Alma que decide se libertar da matéria tem que olhar pra dentro de si mesma.

3) Façamos a Passagem. A Treva toma conta de tudo. São nossos próprios demônios internos que temos que domar, como os mitos explicam:

Os 12 Trabalhos de Hércules, o Labirinto do Minotauro, as Peregrinações de Sidarta Gautama e Jesus de Nazaré, que eram Médiuns Divinos, Unos com o Buda e o Cristo, os exemplos são muitos.

É difícil olhar pra si mesmo. Bem mais fácil é ter uma militância política, ir a passeatas, ocupações e panelaços, sejam da esquerda ou direita o processo é o mesmo, todo militante está exigindo que os outros mudem, que os outros se adequem a visão de mundo que eles, os militantes, acham correta.

Um túnel escuro. A Senda Iniciática é difícil, só os Fortes a trilham. Pelos motivos grafados acima, é mais fácil focar no outro que em si mesmo.

4) Mas vale a pena!  Eis o Nirvana, que não pode ser relatado, só Vivenciado:

Ao concluir o trajeto: “Faça-se a Luz”, ordena o Pai-Mãe Eterno. As estátuas agora voam, são livres, símbolo do Homem e Mulher libertos das amarras materiais.………

Pra relembrar:

Brasília, Cidade Egípcia: a “Religião Eterna” desce a matéria‏‏

Brasília, a Cidade Eterna: Homem + Mulher = Lei de Deus Pai-Mãe

Seguimos na Caminhada Eterna.

Um Passo a Frente e Você Não Está no Mesmo Lugar.

Que Deus Pai e Mãe o Ilumine, Sempre e pra Todo Sempre. 

O Universo precisa muito de tua Luz e Sabedoria.

Como Fluidificar sua Própria Água

04/08/2017

Como todos sabem, nos Centros Espíritas (Kardecistas/Umbanda) existe uma mesa pra ‘fluidificar a água’, que na verdade em é o mesmo que a ‘água benta’ de outras doutrinas mais ortodoxas.

É facílimo, são apenas alguns passos. Encha a jarra.

Pois bem. Num Centro aqui da Zona Sul de Curitiba ensinaram como você mesmo pode fluidificar em casa sua própria água. Vou publicar pois quem sabem esse conhecimento pode ser útil a alguém. É bem simples.

1) Encha uma jarra d’água.

2) Coloque na cabeceira, ao lado de sua cama.

3) Cubra a jarra com um pano branco. E deixe coberta todo o tempo.

4) Importante: não beba a água no mesmo dia que você preparou. Deixe o líquido passar a primeira noite intocado, pra que ela seja preparada por seus Espíritos Protetores.

E, 5), No dia seguinte, beba um gole logo ao acordar, antes de fazer qualquer outra coisa, e outro logo antes de dormir, novamente que essa seja a última atividade do dia de seu corpo material. Faça o mesmo todos os dias por uma semana, ou até tomar todo o conteúdo.

Deixe-a ao lado da cama.

Claro, nem é preciso dizer, durante todo o processo, elevando seus Pensamentos e Sentimentos a Deus Pai e Mãe Criador do Universo, seus Emissários e suas Leis.

Vá Mentalizando a cura do desequilíbrio que lhe aflige, ou caso esteja tudo bem contigo física e espiritualmente, Visualizando-se Prosseguindo na Estrada Infinita da Iluminação.

Outra recomendação fundamental, que a maioria das pessoas sabe mas não custa reforçar: 

Deve ser preparada uma jarra pra cada pessoa, e cada um deve consumir a sua própria água. Não deve haver compartilhamento, mesmo que as Almas sejam próximas como Marido & Mulher, pois mesmo que haja um Karma em comum parcial, cada Alma ainda tem seu Karma e sua frequência individual. Água fluidificada é um remédio, cientificamente falando. Pois as Consciências Maiores que nos assistem do Plano Espiritual manipulam os elementais, o que altera a composição da água.

Cubra com pano branco.

E esse Espíritos-Guias preparam cada água de acordo com as necessidades energéticas específicas de determinada pessoa. Assim como no Plano Físico-Denso você não pode se auto-medicar e ingerir o remédio que foi receitado pra outro paciente, o mesmo vale aqui.

Se possível, o recipiente e o tecido que o cobre devem ser ‘virgens‘, isso, não terem sido usados antes pra outros fins. Não havendo essa possibilidade não há problemas, apenas a partir dali reserve-os pra esse propósito e não os use mais pra outras tarefas ‘laicas’, pois eles também estão energizados com o trabalho.

…………

É claro que o melhor é fluidificar a água no Centro Espírita de sua preferência. No Centro o ambiente está mais energizado, evidente. Mas é um recurso válido. Deus Pai e Mãe é Oni-Presente, e os Espíritos-Guias não conhecem distância física, assim é viável a fluidificação de sua própria casa.

Não tome no dia que preparou, deixe passar uma noite, inicie o tratamento na manhã seguinte.

Se quiser, pode manter a água junto a outros objetos que remetam ao Plano Espiritual, pois tudo ajuda a compor a Sintonia.

Veja nas duas fotos do meio que além dos rosários e fitas amarrados a cama há também pedaços de vegetais (um deles ganho nesse exato Centro que me ensinou a técnica) e  minerais. Dentro da gaveta há outros símbolos religiosos, que não é preciso descrever.

Que Deus Mãe & Pai Ilumine a todos os seus Filhos e Filhas.

“Os mansos Herdarão a Terra”: Quem Constrói Vai Vencer Quem Destrói.

                   Até Adis-Abeba tem metrô; se preferir: “chinês chegô” – o Império do Mal vai cair, e breve

11/06/2017

2015: a China (maior PIB do globo quando medido em poder real de compra, e não convertido a dólares) inaugura moderníssimo metrô na Etiópia (uma das nações mais pobres do planeta). Amanhece a Nova Terra, onde o mais forte vai ajudar o mais fraco, e não saqueá-lo.

Os mansos herdarão a Terra”, diz a Profecia, como todos sabem. Mas, fora do terreno místico, o que isso significa de fato, aqui no plano material? Isso poucos compreendem. Ainda mais nesse tempo de ignorância aguda, em que a “Cabala Escura” (“Illuminatis”) semeia a des-informação e a confusão através de seu domínio sobre a mídia e academia globais.

As Profecias vão se cumprir – quando genuínas, claro, e por isso o ‘P’ maior. Evidente que não estou dizendo que qualquer delírio que todo idiota fale com uma ‘aura mística’ artificial se tornará verdade. Aqui como em toda a parte é preciso separar o joio do trigo.

Mas as Profecias que têm valor Divino, cujos Profetas foram enviados pela Hierarquia, se materializarão, uma vez que é possível prever o futuro, mesmo entre os não-iniciados. Pois o ‘futuro’ do plano físico-denso já aconteceu em outras dimensões em que o tempo não existe. E quando a Mensagem vem dos Iniciados, é porque Deus Pai e Mãe quer que saibamos que será daquela forma. Será dessa forma, “os Mansos Herdarão a Terra”. E isso será um ‘milagre’?, o planeta passar do conflito pra cooperação entre os seres humanos. Se você quiser pode chamar assim. Mas não será nada sobre-natural, entenda a diferença. A mudança se dará pelas mãos, Mentes e Corações dos Homens e Mulheres aqui encarnados, e ocorrerá respeitando as Leis da Matéria (“Não vim quebrar a Lei, mas cumpri-la”). Entendamos que Deus Mãe e Pai é Oni-Presente.

A única conclusão possível é que a matéria também é Divina, também está impregnada em cada molécula pela Essência Maior. E cada Filho e Filha, cada Homem e Mulher da Terra, também é parte de Deus, é um representante do Criador nesse Plano. Portanto a Terra irá se purificar, mas não precisa que pra isso anjos se materializem no éter. Sim, o que se chamam ‘anjos’ irão descer a matéria – re-encarnado, e assumindo um corpo de carne e osso. E aqui, como encarnados, essas Grandes Almas, os Mestres da humanidade, na forma de Homens e Mulheres, irão dar o impulso que o planeta precisa. De forma natural e contínua, e não em grande arroubos sobre-naturais.

As imagens mostram sempre o sistema de transportes de Adis-Abeba, Etiópia. Todas as tomadas dessa matéria vieram do sítio Bus-Planet, visite a fonte. Os créditos não apenas estão mantidos como reforçados.

Isso já vem ocorrendo. O que irá ocorrer, já vem ocorrendo repito, é a ‘passagem de bastão’. A substituição de uma raça por outra como a Regente da Evolução. A Grande Raça Ariana cumpriu seu ciclo na Era de Peixes. Na Era de Aquário outra virá, esse processo é permanente e natural, repito, já estamos finalizando a 5ª grande raça da humanidade. O que chega ao final é a Civilização Ariana, que teve em sua sub-raça Normanda (euro-ianque) seu ápice. Fim de uma Civilização não é o fim do planeta.

A partir da segunda metade desse milênio estará plenamente implantada a Sexta Raça. Mas antes disso haverão dois períodos de transição, um maior e outro menor. O maior está ainda germinando, o menor está em pleno vapor. Quais são eles? A transição maior pra Sexta Raça, virá na forma da “Raça Americana”, e antes disso, como ‘transição pra transição’, o Poder material da Terra será transferido do Atlântico Norte (EUA/Europa do Oeste) pra Eurásia (China, Índia, Coreia, Japão [caso consiga independência política dos EUA], processo que terá participação da Rússia).

América é um continente, não um país, não preciso te lembrar. Os naturais dos EUA são os ‘ianques’ ou ‘estadunidenses’, pois em Espírito os EUA são ainda europeus. Na Verdade a “Raça Americana” se refere aos Latino-Americanos, e é também uma sub-raça, a última sub-raça da Raça Ariana. E por ser a última, já é a transição de 5ª pra 6ª Raça, assim mescla características de ambas. A sub-raça Americana está em formação a meio milênio (lembre-se, pro Logos ou Gaia isso é apenas alguns meses de trabalho), e eclodirá de forma plena apenas no século compreendido pelo período 2075-2175. Antes disso, de 2020 (no máximo 2025, a partir de 2030 de forma plena) ao fim desse século, re-emergirá um breve período euro-asiático, liderado pela China que será auxiliada pela Rússia (tanto chineses quanto russos são lemurianos, os chineses plenamente, os eslavos são a transição entre Lemúria e Ariana. Assim a Terra reviverá brevemente a recapitulação do período lemuriano antes de vir o Novo).

Da parte ‘mística’ já deu. Vamos falar agora de como tudo isso vai se desdobrar a matéria. De como vão surgir o ‘Novo Homem e Nova Mulher’, que serão brandos e pacíficos pois já terão feito o ‘Casamento Místico’ interno. E eles herdarão a Terra Purificada, na Verdade eles a Purificarão. Esse processo já está em andamento.

É simples de entender: quem constrói fatalmente vai vencer quem destrói. Quem é que destrói? Os EUA e seus satélites da Otan; Quem é que constrói? A China. Quem é que será a primeira potência em termos políticos e econômicos já a partir de 2025, e muito mais de 30 em diante? Não resta qualquer dúvidas que será a China.

Nos primeiros meses os chineses conduziam os trens, os africanos iam ao lado como treineiros. Após pouco tempo os próprios etíopes assumiram o posto. Ou seja, a China não doa apenas infra-estrutura, mas também conhecimento.

As fotos dizem tudo, eu não preciso dizer nada. A Etiópia é um dos países mais pobres do mundo, como é sabido. No entanto, por fazer parte da “Nova Rota da Seda” Chinesa (“Uma Rede, Uma Rota – U.R.U.R.” na sigla em português, ‘OBOR’ em inglês) sua capital Adis-Abeba desde 2015 conta com um moderníssimo metrôconstruído pela China, claro. Enquanto a vizinha Somália foi destruída pelos EUA em uma série de intervenções que começou em 1992 (‘Falcão Negro em Perigo’) e se intensificou a partir de 2006.

Isso é só a micro-escala, uma gota no oceano. A re-construção do planeta, pela China e aliados, vai muito além do metrô etíope. Assim como a destruição e morte em escala também global por parte de EUA e seus asseclas vai muito além do genocídio somaliano. A longo prazo, qual dessas estratégias triunfará? Creio que a resposta seja óbvia pra todas as pessoas que não têm a mente lavada pela ‘Estrela de 6 Pontas’.

……….

Eu sou busólogo. Isso quer dizer que estudo ônibus e transporte urbano em geral ao redor do planeta. Já havia visto fotos dos ônibus etíopes antes da intervenção chinesa. Cara, o negócio era de dar dó. Os busões caíam aos pedaços. Literalmente, não é modo de falar. Era exatamente o estereótipo que muitos têm da África: 4º mundo total, o negócio beirando a pré-história.

Agora, bicho, quanta diferença. Primeiro, a China implantou esse metrô moderníssimo – praticamente sem custos pra Etiópia, que nem poupando seus parcos recursos por um século poderia arcar com essa belezura, acabou ganhando por camaradagem.

Não se restringe ao metrô, a modernização abarcou também os ônibus. Eu sou busólogo, estudo os sistemas de transporte urbanos ao redor do mundo. Já conhecia como eram os ônibus da Etiópia antes da intervenção chinesa. E, bem, sinto vergonha de mostrar mas é preciso pra comparar: os ônibus de Adis-Abeba eram assim, caindo aos pedaços. Literalmente, não é modo de falar.

Segundo, não se restringe ao metrô. A China também entregando moderníssimos ônibus a Etiópia, incluso articulados, com direito a letreiro digital.

Terceiro, esse metrô (na verdade um V.L.T. – Veículo Leve sobre Trilhos ou ‘Bonde Moderno‘) e ônibus novos são apenas um troco, um pequeno espólio, do investimento que a China faz no país:

A China, como dito, integrou a Etiópia ao URUR/Rota da Seda. Criou um moderno parque industrial nos subúrbios de Adis-Abeba. Desde que a Eritreia se tornou independente em 1993, a Etiópia não tem mais saída pro mar. Pois bem. A China construiu também um moderno porto no vizinho país chamado Djibuti, e uma moderna ferrovia trans-nacional ligando o porto djibutiano ao polo industrial etíope.

Por exemplo. Esses busos novos que circulam hoje em Adis-Abeba são produzidos por uma corporação chinesa. Mas a fábrica fica localizada em solo etíope, gerando renda e de uma certa forma transferindo tecnologia pra Etiópia. O mesmo vale pras pessoas que trabalham nos trens.

Veja nas fotos que a princípio técnicos chineses operaram as composições. Mas a seu lado estavam os etíopes como aprendizes. 2 anos depois (escrevo em junho.17) certamente os maquinistas locais já assumiram a boleia. Está evidente que a China transferiu o ‘saber-fazer’, ensinou a uma nascente classe de africanos uma profissão técnica. Mesmo quem não tem tanta qualificação foi trabalhar com carteira assinada em diversas outras profissões nas estações: guardas, equipe de limpeza, bilheteria. Notamos nas imagens que boa parte do pessoal empregado nas estações é do sexo feminino, inclusive policiais. Portanto a China vem permitindo as várias Mulheres africanas terem um emprego estável e bem pago pros padrões locais.

Mas tem muito mais. Considere que a URUR se concentra na Ásia. Ela vem se expandindo e abarcando também Europa, África e América. Mas o grosso de suas operações é na Ásia. Nada mais natural. O poder tecnológico global se concentra cada vez mais nesse continente, semente essa que foi lançada pela modernização do Japão no pós-segunda guerra. Porém o Japão tem diversas restrições que impedem seu desenvolvimento como super-potência. Primeiro, está ocupado por mais 30 mil soldados ianques, na verdade foram os EUA quem escreveram sua constituição. Segundo, o Japão é uma ilha muito pequena, carente de recursos naturais.

A China saiu atrás na corrida tecnológica, mas vem recuperando o atraso rapidamente. Atualmente a China já superou os EUA em super-computadores, tanto em qualidade quanto quantidade. E também já produz mais estudos científicos que os ianques. A China não é colônia estadunidense, e tem um território vasto rico em minérios. Lhe falta petróleo, mas já veremos como ela fez pra suprir sua deficiência sem ficar nas mãos dos árabes/EUA. O primeiro passo foi se aliar a Rússia, com quem tem grande fronteira – portanto imune a ação da marinha dos EUA. Os ianques, pro seu grande desespero, não podem fazer nada pra impedir o livre intercâmbio entre China e Rússia. Esses dois gigantes enfim entenderam que os EUA não admite a emergência de países independentes de fato, e por isso se uniram. Ao fazerem isso, se tornaram uma super-potência, pois são em muitas dimensões complementares:

Reforçando mais uma vez: antes da China intervir, assim era o transporte público na Etiópia. Ainda tinha que melhorar muito pra ser ‘lamentável’.

A Rússia tem amplo território forrado de recursos minerais, inclusive petróleo e gás natural, que faltam a China. A Rússia possui avançadíssima tecnologia militar, e também, por ser um país de raça branca, grande desenvoltura pra peitar os EUA/Europa Ocidental/Otan nas arenas política e midiática globais.

E ela de fato assumiu a linha de frente na batalha global pela informação. Lançou sítios em inglês que têm cada vez mais audiência em todos os continentes, assim se contrapondo a ‘Estrela de 6 Pontas’ sediada nos EUA. Igualmente a Rússia é enorme produtora de alimentos, ultimamente ela baniu os transgênicos, o que fez com que se tornasse uma das maiores exportadoras de grão, pois há grande mercado pra comida não contaminada pelas aberrações da Monsanto, Cargill, Bayer e cia.

Óbvio que Rússia e China têm problemas. Mas sua união de forças neutralizou boa parte de seus pontos fracos. Vejamos: a China tem gente demais e terra fértil de menos. Com a Rússia ocorre o oposto, devido a baixa taxa de fertilidade entre a raça branca, assunto sobre o qual já me ocupei com detalhes. Naturalmente saiu ‘casamento’. Primeiro, a Rússia tem arrendando milhões de hectares na Sibéria pra agricultores chineses.

Segundo, os EUA pra tentarem dobrar a Rússia impuseram sanções unilaterais ao arrepio da lei. Oras, a Rússia contra-atacou banindo a importação de alimentos da Europa. Isso reviveu o setor agropecuário russo, que de importador passou a auto-suficiente e logo a seguir exportador de comida, movimento que coincidiu com o banimento dos transgênicos, potencializando o salto. Um de seus maiores compradores é justamente a China. Além disso, os EUA calcularam, erroneamente, que a Rússia faliria sem ter pra quem exportar seus recursos energéticos – caso fosse imposta nova ronda de sanções, pois pelas que estão em vigor o fluxo de gás natural e petróleo pra Europa Ocidental não foi cortado, já que não há quem substitua o fornecimento. Caso os EUA consigam trazer pra Europa hidrocarbonetos de outras fontes (notadamente o Catar) aí sim eles embargarão também os recursos energéticos russos.

De qualquer forma a Rússia já fechou também esse canal de chantagem. Por outro lado, como antes a China dependia demais do Oriente Médio pra importar petróleo, e o transporte é marítimo por vias que os EUA podem interromper militarmente quando queiram, a China também estava na mão dos estadunidenses. Mais uma vez russos e chineses olharam sua enorme fronteira comum e decidiram unir forças. A China, que tem dinheiro de sobra e energia em falta, assinou um acordo pra comprar na próxima década 300 bilhões de dólares em petróleo e gás natural russos. Assim ambos ficam imunes a pressão dos EUA. A Rússia garantiu mercado, a China assegurou o fornecimento.

“Chinês Chegô”, tudo mudou pra melhor. Modernos articulados com painel eletrônico. Tem mais: de uma fábrica de capital chinês, mas produzidos na Etiópia. A China não apenas dá o peixe, ela ensina a pescar. Os chineses construiram um parque industrial na Etiópia, e uma ferrovia até o porto no Djibuti, que a própria China também modernizou. Assim a Etiópia se tornou exportadora de produtos manufaturados. A apenas uma década isso seria um sonho impossível, mas com a mão da China é possível. Da água pro vinho, das trevas a Luz, das lutas a Paz.

Tem mais: falei em ‘dólares’ só como referência. As transações comerciais de China e Rússia, entre si 100% e sempre que possível com outras nações também, não são mais conduzidas em dólar, e sim nas moedas locais. Não é difícil entender o porque da adoção dessa estratégia:

A moeda ianque não tem qualquer lastro, desde que Nixon em 1971 eliminou a paridade com o ouro. O que garante o dólar é Pentágono, com suas mais de mil bases militares em mais de 100 países. Por sua vez, o que permite aos EUA gastar mais de um trilhão de dólares por ano em armas é o fato que o dólar é a moeda global. Ou seja, um alimenta o outro, o dólar garante o Pentágono, o Pentágono garante o dólar.

Portanto pra eliminar o poder dos EUA, ou você quebra o Pentágono, ou quebra o papel do dólar como moeda global. Obviamente se você atacar os EUA militarmente eles reagirão, e essa guerra extinguirá a vida na Terra. Por isso o que a China e Rússia fazem? Não usam mais o dólar em trocas comerciais, como dito acima. Entre elas em definitivo, e cada vez persuadem mais outros países a fazerem o mesmo. Assim que a demanda por dólar vier abaixo, seu poder como moeda mandatória global de troca despenca junto. Por consequência o Pentágono também perderá sua força.

China e Rússia vem replicando a estrutura de poder dos EUA/Europa, assim se tornando países independentes de fato, e permitindo a outros terem mais opções. Elas agora têm sua própria versão do Banco Mundial, pra financiarem seus projetos e de terceiros sem depender dos banqueiros da Rua do Muro em Nova Iorque e da ‘Cidade’ de Londres. Estão criando também seu próprio ‘Banco Central’ mundial. Pra quem não estudou economia, todos os países do mundo têm seus bancos interligados a uma rede, pra poderem fazer transações internacionais.

Moderno painel de controle do VLT.

Pois bem. Essa rede é controlada pelos EUA. Assim quando quer pressionar alguém o Império Ianque exclui uma nação da rede. De forma que o alvo dessa ação fica como os ‘intocáveis’ da cultura hindu: um pária internacional, não pode trocar dinheiro com ninguém, obviamente portanto não pode exportar nem importar nada exceto recorrendo ao mercado negro, cujas taxas pagas aos atravessadores são exorbitantes. Recentemente os EUA usaram dessa torpe artimanha contra o Irã. Entretanto, quando a rede paralela sino-russa estiver a todo vapor, isso não ocorrerá mais.

Entenda que ela não será mutuamente excludente, os países poderão fazer parte de ambas, a ocidental que já está consolidada, e a oriental que corre paralela. Não será preciso romper com os EUA, mas também não mais será preciso ser colônia dele. Assim os EUA perderão o poder de impor sanções unilaterais, o que eles fizeram contra Irã, Cuba e outros, caso os governos não sigam obedientemente as suas ordens pra entregar todo patrimônio e erário nacionais nas mãos das corporações euro-ianques e FMI.

Agora a melhor parte: o re-erguimento da Etiópia não é um projeto isolado, uma bênção que por acaso beneficiou somente essa sofrida nação do ‘Chifre da África’. Ao contrário: foquei na Etiópia porque é talvez o exemplo mais cristalino da mudança, mas tudo que vemos aqui é somente uma engrenagem de um projeto global, a “Nova Rota da Seda”. O mapa é em inglês, mas mesmo quem não entende esse idioma irá captar pela linguagem visual.

China e Rússia também têm sua própria rede de GPS, não-interligadas aos computadores espiões da CIA. Suas comunicações pela internet, ao menos o que for relevante comercial e politicamente, não passam pelos cabos e servidores controlados pelos EUA, pra assegurar que os governos e corporações dessas duas nações euroasiáticas conversem sem que os super-computadores ‘1984’ da N.S.A./C.I.A. escutem e gravem tudo em tempo real.

Russos e chineses têm seus próprios satélites no espaço, assim não ficarão no escuro em caso de conflito armado contra os EUA. Ademais, doam satélites pra países de 3º mundo. Por exemplo, a Bolívia também tem seu próprio satélite, de fabricação chinesa. Assim essa pequena e mediterrânea nação sul-americana nossa vizinha agora é nesse campo imune a chantagem estadunidense de “faça como eu mando ou…”. Pois pra quem quem não dispõe desse privilégio, os EUA podem quando queiram desligar a internet de um país inteiro, o que eles fizeram com o Iraque em 2003 antes de sua invasão.

Mas é na indústria, na produção pesada, que a liderança chinesa se torna mais evidente. Quem conhece história sabe: como os EUA e Europa do Oeste enriqueceram e se tornaram potências, no fim do século 19 e começo do 20? Com indústrias e ferrovias. E o que EUA e Europa fazem atualmente? Se desindustrializam (com a parcial exceção da Alemanha), e no caso dos EUA não investem mais em ferrovias.

E o que a China faz? Investe pesado em indústrias e ferrovias. O projeto chinês URUR é pouco comentado na mídia capitalista, que repete no mundo todo as “notícias” escritas nos escritórios da CIA. A razão é óbvia. O URUR vai pôr o poder dos EUA a pique. A China enriquece sendo no século 21 a ‘fábrica do mundo’ e interligando toda Ásia, Europa e em menor medida África com ferrovias modernas.

Você sabia que a China já tem mais da metade da rede férrea de alta velocidade (“trem-bala”) no mundo? A outra (pouco menos da) metade está distribuída entre Europa Ocidental e Japão. Quantos quilômetros de Trens de Grande Velocidade (T.G.V.) têm os EUA? Zero. Sim, zero km desse modal mais moderno. Enquanto a China conta com mais de 50% do total mundial.

O Exército do Povo Chinês é somente pra defesa, e não pra agressão. Veja, nem mesmo Taiwan a China ocupou militarmente, prefere a negociação, isso que não resta dúvidas que Taiwan era parte da China até a década de 50, e que seria ‘brincadeira de criança’ re-ocupar a ilha caso a China desejasse. Se Israel ocupou a Cisjordânia em 6 dias, a China levaria 6 horas pra tomar posse de Taiwan, fosse sua vontade. Mas a China opta sempre pelo diálogo pra fazermos justiça, o Tibete é exceção. Ali a realmente a China ocupa e não negocia, não tapo o sol com peneira. Mas comparemos: a China ocupa um país estrangeiro. Os EUA têm bases militares em mais de 100 países. Bem diferente, não?

A China tem hoje as duas maiores redes de metrô do mundo, nas suas capitais política e econômica Pequim e Xangai. E ambas se expandem em ritmo impressionante. O metrô de Xangai é de 1993. Em menos de duas década e meia saiu do zero pra 600 km, maior que Tóquio, Nova Iorque, Paris, Berlim, Londres. Pode escolher, Xangai vence todos, é o maior do mundo como dito.

O segundo maior é Pequim, com mais de 500 km. Em 2013 era o maior do mundo, perde agora pra Xangai, mas até 2020 promete ser o maior de novo. Aliás, dentro de 3 anos tanto Pequim quanto Xangai terão mais de mil km de metrô cada uma. O metrô de Pequim é dos anos 60, mas das 16 linhas 12 foram feitas nesse milênio.

É tanta expansão ferroviária que o território chinês se tornou pequeno. Estão em projeto/construção e em alguns casos já em operação ferrovias de altíssima velocidade ligando a China a Cingapura (passando por toda Indochina), ao Paquistão, ao Irã, a Europa via Rússia, pra citar apenas as maiores. Vizinhos da China como Nepal e Mongólia também estão sendo integrados.

Outra vertente do URUR é a marítima. O comércio naval da China ainda passa basicamente pelo Estreito de Málaca, na Indonésia, que é controlado pela marinha ianque. Portanto, repetindo o que já foi falado, os EUA podem sufocar a China em caso de divergências. Os Canais de Suéz (no Egito) e do Panamá também estão sob jugo dos EUA.

O que forçou a China a achar alternativas, integrando os modais de trem e navios. Na América, China e Rússia vem construindo o Canal da Nicarágua, paralelo ao do Panamá. Quando concluído, os EUA não terão mais o monopólio de determinarem quem pode cruzar do Atlântico pro Pacífico e vice-versa sem ter que contornar o distante Estreito de Magalhães na Terra do Fogo, quase no Polo Sul.

Na Ásia, aliada a rede de ferrovias e gasodutos a China vem construindo/ampliando portos em todo continente. Myanmar (antiga Birmânia), Tailândia, Paquistão e Irã já firmaram acordos de cooperação. A China amplia portos desses países e em terra constrói os canais de transporte (seja em trilhos ou dutos) pra levar/trazer os produtos pra seu território. Sempre é bom ter várias opções pra se a CIA com suas ‘revoluções coloridas’ fizer uma operação de ‘mudança de regime’ em algumas dessas nações a China tem outras cartas na manga.

Além do Irã, Paquistão, Tailândia, Indonésia, Myamnar, Mongólia, Nepal, diversas repúblicas ex-comunistas da Ásia Central e mesmo as Filipinas (até pouquíssimo tempo atrás colônia ianque em tudo exceto no nome) vem aderindo ao projeto chinês de portos e ferrovias, em graus variados de entusiasmo, uns já abraçaram com tudo, outros se mantém receptivos a negociações e se integrarão mais conforme mais frutos apareçam.

Interior do trem: climatizado, limpo, seguro, pontual, bem-sinalizado, organizado, como os africanos merecem, mas estava lhes sendo negado. Não mais. É a Nova Terra que amanhece.

Israel já foi também sondado. O país hebraico tem duas costas, a principal no Mediterrâneo, mas, isso é o que interessa a China, um pequeno litoral no Mar Vermelho. Na fronteira com a Jordânia e não longe da Arábia Saudita e Egito há a cidade litorânea israelense de Eilat. A China pretende modernizar esse porto, e construir uma ferrovia/gasoduto até os portos do Mediterrâneo, cruzando Israel, e dali a mercadoria segue via marítima ou terrestre pros demais países mediterrâneos.

Com isso cria-se uma alternativa ao Canal de Suez. Como o Sul de Israel, no Deserto de Neguev, é disparado a parte mais pobre do país, é evidente que não há motivos pra recusar um grande investimento em infra-estrutura (gerando muitos empregos) onde é mais necessário. Isso na arena econômica. Politicamente as coisas são mais complicadas, vamos ver se os judeus e orientais se entendem e batem o martelo, eu diria que as perspectivas são boas.

………..

Esses dias um camarada me mandou um texto sobre o URUR, assunto que estudo intensamente pois ele será a mola-mestra que porá o Império do Mal Ianque abaixo. Porém o material que chegou (não escrito por esse colega, e sim ele enviou somente a ligação) era de péssima qualidade, o autor repetia a lavagem cerebral euro-estadunidense. Respondi no mesmo tom, ‘como veio vai’. E enviei a ligação de um cara que esse sim entende muito do projeto URUR, e escreve com propriedade. Trata-se de um estadunidense, Willian Engdahl:

http://journal-neo.org/author/william-engdahl/

Agora um brasileiro de nascimento que se converteu um peregrino pelo mundo, já tendo morado em diversos continentes, Pepe Escobar.

https://sputniknews.com/authors/pepe_escobar/

http://www.atimes.com/writer/pepe-escobar/

Um ianque e um brasuca, como dito. Mas que publicam em sítios russos e chineses.

……..

Ademais, como dito, a China estende o projeto pra África. Na Etiópia já está funcionando, melhorando inclusive a rede de transporte urbano da capital. A Ilha de Madagascar foi convidada a aderir.

Maquinista chinês, situação temporária que já deve ter se encerrado. As estações são limpas e seguras, sempre bem policiadas. Tem mais: veja que a policial da esquerda é Mulher.

Eu estive na África, e comprovei com meus próprios olhos: a África já é da China. A primeira cena que vimos no continente negro foi o anúncio de um banco de capital local, no Aeroporto de Joanesburgo. Mas a seguir um anúncio gigante, cujos painéis emendados somavam dezenas de metros, do Banco da China. Cara, todo o trajeto entre o ‘dedo’ de desembarque do avião e o posto da PF local era decorado pela China, não havia outro anúncio além desse. Sinal evidente de quem está se tornando o maior parceiro comercial da África. Há outras provas, irei publicando elas ao poucos, você pode acessar as matérias sobre a viagem nessa ligação.

A África do Sul, que foi a nação que visitei, é mais desenvolvida, foi colonizada por Normandos (Norte-Europeus, nesse caso específico especialmente ingleses e holandeses, mas também alemães e franceses) e por isso com mais laços com a Europa. As nações mais pobres da África, entretanto, eram território virgem, e que portanto foram arrebatadas com tudo pelo Dragão Chinês. Nos confins africanos, por exemplo, as pessoas se locomoviam a pé ou espremidas as dezenas nas carrocerias de caminhões. Ou seja, com extremo desconforto, lentidão e/ou risco a vida. Dezenas de milhões delas, entretanto, migraram pra motos baratas chinesas.

Sim, é isso. Pra uma multidão de negros, a China representa o Portal que lhes deu passagem pra apreciarem pela primeira vez o conforto e rapidez do transporte motorizado individual. De forma inédita o fundão da África é tratado como gente, e não mais como gado. E não se resume ao fornecimento de motocicletas. Por toda África, em seus 4 cantos, quem constrói hospitais e toda rede de infra-estrutura? A China.

…….

Que Belezura! Moderno metrô, modernos ônibus com painel eletrônico, esses últimos feitos na Etiópia. Agora Adis-Abeba tem articulados, a maioria dos países da África não conta sequer com ônibus não-articulados de tamanho normal, seus sistemas de transportes urbanos ainda são com vans, moto-táxis, micro-ônibus e mesmo gente na caçamba de caminhões. Não para por aí: veja os prédios modernos em construção ao fundo, essa tomada é perto do Centro.

Amigos, é certo que a China não faz tudo isso por altruísmo. É óbvio que ela também visa seu próprio lucro ao investir em outros países. Já vai longe a época que a China dispunha de excesso de mão-de-obra barata e não-qualificada. O tempo passou, a China adquiriu dinheiro e tecnologia. A urbanização, maior acesso a educação e ‘política do filho único’ aburguesaram a China, portanto diminuindo o excedente de ‘exército industrial de reserva’, que se dispunha a trabalhar em qualquer serviço, não importa o quão precário, por qualquer salário, não importa o quão mirrado.

Centenas de milhões de chineses emergiram a classe média. E hoje querem ir como turistas ao estrangeiro, e não se matar de domingo a domingo num emprego insalubre e mal-pago. Não é o mesmo que você deseja pra si mesmo e seus familiares? Os chineses também são humanos, e também querem conforto se isso lhes for ofertado.

Em boa parte da África, entretanto, a miséria é rampante. Assim, a instalação de um parque industrial e de uma moderna rede de transportes, tanto urbana quanto internacional, é muitíssimo bem vinda. Centenas de milhares de etíopes vivem melhor depois da intervenção chinesa em seu país. Agora eles têm oportunidade de renda estável, e de acesso a educação. A China está propiciando a formação de uma classe operária, que muitas nações africanas ainda não haviam tido. Não é pouca coisa.

Os operários etíopes das fábricas e trens trazidos pela China ganham pouco? Depende do ponto de vista. É notório que seus salários são muito menores que o dos operários da Europa e da própria China. Certamente assim é. A China não deslocaria seu parque industrial pra outras nações e continentes se isso não lhe trouxesse economia. No entanto, considere o que era a Etiópia antes. Poucos empregos formais. A China, repito, trouxe pra uma multidão carteira assinada e acesso a qualificação profissional. Tudo isso gera um ciclo virtuosos de desenvolvimento, breve os próprios etíopes acumulam capital (financeiro e de conhecimento) e começam seus próprios negócios, uma coisa puxa a outra.

Agora na periferia, a mesma coisa: a implantação desse metrô gerou também uma explosão no ramo da construção civil.

Por que muita gente não sabia do parque industrial e ferrovia que a China fez na Etiópia e Djibuti? Porque quem investiu ali, a parte da própria China, foram corporações também orientais, da Índia, Turquia, Arábia Saudita e igualmente de outros países da África. Portanto gerou desenvolvimento pro Leste e Sul do mundo, e não mais pro Oeste e Norte, que eram acostumados a ganhar sempre, e muitas vezes por vias desonestas como as sanções, embargos e apagões virtuais que os EUA fazem, pra não citar suas intervenções militares e golpes de estado da CIA/Pentágono.

A questão é que a China não visa somente a seu próprio lucro. Ela propõe negócios que também são bons pra outra parte. A Etiópia é o exemplo máximo. Basta você ver como era o transporte coletivo na capital. As imagens falam por si mesmas. A China constrói. Por altruísmo, pura e simplesmente? Certamente não. A China lucra. Mas os países que ela intervém também lucram.

…….

E os EUA, o que fazem? Os EUA destroem. Pepe Escobar, a quem eu citei e dei a ligação acima, apropriadamente apelidou os EUA de ‘Império do Caos’. A Inglaterra e França foram extremamente cruéis na construção e manutenção de seus impérios. Mas ao menos elas implantaram uma rede de infra-estrutura básica nas ex-colônias. África do Sul, Egito e Índia, por exemplo, têm extensa rede ferroviária, e boa parte herança inglesa.

Os EUA, por comparação, fazem Inglaterra e França parecerem santas. Os EUA nada constroem nos países que eles chegam, ao contrário, seu poder se baseia em desmantelar o estado, implantando guerras civis de ‘todos contra todos’. Já escrevi com detalhes como isso se deu na Colômbia. Como exemplos mais recentes, veja a Líbia, Iraque e Síria. Os 3 tinham regimes laicos. Certamente eram ditaduras, não vou idealizar Gaddafi, Saddam e Assad. Mas eram países que não promoviam limpezas raciais, os diferentes grupos religiosos/étnicos/linguísticos conviviam em paz, e onde as Mulheres podiam estudar e levarem vidas independentes.

Centro. (Até Adis-Abeba tem metrô. É só mesmo Curitiba que não tem . . .)

Com as intervenções dos EUA (vitoriosas na Líbia e Iraque, e sangrenta mas ao fim repelida na Síria) a situação regrediu, e muito. Onde os grupos de ‘jihadistas’ tomaram o poder, implantou-se o caos: sequestros, torturas, execuções em massa, retorno da prática bizarra da crucificação em pleno século 21, volta de epidemias já extintas, opressão total a Mulher, destruição completa da infra-estrutura estatal tanto física quanto política. Mais de 2 milhões morreram apenas nessas guerras, mais de 20 milhões se tornaram amputados/refugiados internos ou externos/viúvas(os), órfãos.

Em menor escala, a Europa tampouco foi poupada. Os EUA retalharam a ex-Iugoslávia ainda nos anos 90. Vários dos regimes que surgiram nos novos países criados pelas guerras ianques hoje são comandados por máfias que vivem do tráfico de drogas, armas, órgãos e pessoas. Por exemplo o Kosovo, que como se sabe está sob o jugo duma ‘guerrilha’ chamada ‘ELK’ (‘Exército de Libertação do Kosovo’). Na verdade trata-se de um comando da Máfia Albanesa. Já nesse milênio a Ucrânia teve o mesmo destino, e agora é conhecida como “a Somália que neva”.

Periferia, sempre novos prédios sendo erguidos ao lado da linha. Esse metrô levou a Etiópia a um espiral positivo de desenvolvimento, e essa é a intenção da China.

Apenas de 98 pra cá os EUA já bombardearam Sudão (que depois foi partido, criando uma das guerras civis mais sangrentas do planeta), Iraque (inclusive com napalm, escrevi sobre isso a época, depois a ‘Estrela de 6 Pontas’ acusa Assad de usar armas químicas, mas os EUA usaram napalm contra a indefesa cidade de Faluja, e ninguém falou nada – veja nota abaixo), Afeganistão (a mais longa guerra ianque, quando escrevo já são 16 anos [2001-2017] e sem dar sinais que vai acabar), Paquistão, Iêmem (depois também dilacerado por armas ianques manejadas pela Arábia Saudita), Somália (com incursões no vizinho Quênia), Palestina (os EUA fornecem as armas e a cobertura política, Israel ‘põe a mão na massa’), a lista é longa. Nem vou citar intervenções ‘menores’, como os golpes de estado em Honduras e Paraguai (sobre o último já escrevi em outra parte).

(Nota sobre o macabro episódio em que o exército ianque despejou napalm na cidade iraquiana de Faluja: tecnicamente eles vão dizer que não foi ‘napalm’, e sim ‘fósforo branco’ que foi usado. Trata-se de mais uma mentira da CIA/mídia capitalista [que são um e o mesmo]. Tanto napalm quanto fósforo branco são armas químicas que têm idêntica fórmula, com a única diferença que napalm é feito com gasolina e fósforo branco com querosene. Oras, gasolina ou querosene, ambos são combustíveis derivados do petróleo. O resultado final é o mesmo, os tristes infelizes sobre quem essa monstruosidade é despejada são queimados vivos – e se você molhar [a reação instintiva de quem está sendo queimado] a queimadura se agrava. Assim, mudado o nome e um ingrediente por outro que tem exatamente o mesmo efeito, a verdade não muda: em pleno século 21 os EUA queimaram a população civil de uma cidade [Homens não-combatentes, Mulheres, velhos, crianças] com napalm, como eles haviam feito com os coreanos e vietnamitas nas décadas de 50 a 70 do século passado. Repito a advertência: lembre-se desse fato quando ‘Estrela de 6 Pontas’ [braço de comunicação da CIA] acusar Assad ou qualquer outro de ‘usar armas químicas‘. A CIA/Pentágono/Rua do Muro/mídia lá sediada são a ‘Epítome do ‘Mal’, são a ‘Perfídia Infinita’, o ‘Anjo da Morte’, ou se preferir simplesmente o ‘Império do Mal’.)

Os EUA gastam mais de um trilhão de dólares por ano em armamentos. Nisso se incluem o orçamento do Pentágono, do Departamento de Segurança Interna (um nome orweliano, que quando adotado fez os europeus que tinham idade suficiente se lembrarem da Stasi, SS e KGB), da CIA (esse é secreto, só há estimativas), das ‘ajudas’ militares a outros países (os maiores ‘beneficiários’ são Israel, Egito e Colômbia, na verdade o dinheiro nem sai dos EUA, pois é preciso gastá-lo comprando armas do próprio EUA, assim é uma jogada entre o governo e fabricantes bélicos, os países ‘beneficiados’ entram só de laranja), as ocupações do Iraque, Afeganistão, partes da Síria, etc, as mil bases em mais de 100 países, etc, etc, etc.

São duas linhas, uma tem os trens em verde . . .

A lista é longa, repito porque é evidente. Tudo somado, 1 trilhão de dólares, com ‘t’, por ano. O famoso ‘complexo industrial-militar’ que o ex-presidente Eisenhower (ele mesmo general 5 estrelas do exército ianque) alertou.

Amigo, faça a conta. 1 tri por ano dá quase 2,8 bilhão de dólares por dia, contando fim-de-semana e feriados. 114 milhões de dólares por hora. Quase 2 milhões de dólares por minuto. Sim, dois milhões de dólares a cada 60 segundos.

O tempo que você leva pra ler o parágrafo o complexo industrial-militar sugou dos cofres públicos ianques capital suficiente pra comprar um prédio inteiro de luxo na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Em apenas uma semana eles poderiam comprar toda a cidade do Rio de Janeiro, e em pouquíssimos meses todos os imóveis do Brasil, do Oiapoque ao Chuí. E esse fluxo financeiro incalculável se mantém constante 24 horas por dia, 365 dias por ano (e 366 nos bi-sextos). É muita, mas muita grana que sai de do bolso de muitos pro cofre de muito poucos. Pense num esquema de ‘Robin Hood ao contrário’, imagine um Tio Patinhas em carne-&-osso, literalmente nadando em dinheiro, enquanto bilhões pelo planeta apenas sobrevivem (inclusive cerca de 50 milhões de pessoas dentro do próprio EUA), e muitas dezenas de milhões mundo afora nem isso, morrem por falta de alimentos, água potável, saneamento básico, agasalhos e remédios simples e baratos, tudo isso já deveria estar universalizado.

. . . e a outra em azul.

Vamos ser claros. Os EUA transferiram sua base industrial pra fora, e importam quase tudo que consomem, notadamente da própria China. Os EUA hoje só produzem armas. De todos os produtos industrializados pra uso civil – tudo que você possa pensar, de celulares a canetas a computadores a carros a remédios a brinquedos a roupas, enfim qualquer coisa – só existe um item que os EUA exportam mais que importam: aviões.

Eu disse produtos de uso civil. Porque armas de destruição em massa os EUA são disparados os maiores exportadores globais. Eles exportam mais aviões civis que importam porque oras, são as mesmas fábricas que produzem tanto aviões civis quanto os de guerra. Como os EUA têm uma indústria aeronáutica bélica fortíssima, isso acaba respingando um pouco na aviação civil, daí esse único item que eles têm superavit. O único, entre milhares de produtos industriais catalogados, de camisetas a caminhões pesados.

A Ambev quer que você tome mais refrigerantes e cerveja. A Rede Globo quer que você veja mais televisão. A CBF quer que você passe maior tempo acompanhando a Seleção Brasileira. Eu, esse Humilde Mensageiro, quero que você passe bastante tempo acompanhando blogues na internet, assim lerá mais textos que eu produzo.

Duas linhas por enquanto. O sistema está em constante expansão. “Ritmo Chinês“, né? Agora também na África!

Você entendeu, né? Cada um obviamente pretende expandir seu próprio mercado. Oras, os EUA não produzem quase nada de uso civil. O único, repito, o único produto que está em azul em sua balança comercial é o avião, o resto tudo no vermelho.

O que os EUA produzem, então? Armas. Muitas armas. Assim, natural que interesse aos EUA que o mundo tenha mais conflitos armados. Não importam a dor e as perdas humanas e materiais, afinal quem colhe os frutos amargos são outros povos e nações.

Natural, não? Quem fatura 1 trilhão por ano, 2 milhões por minuto todo e cada minuto evidentemente quer que esse fluxo permaneça e aumente. 2 milhões de mortos em 3 intervenções no mundo árabe? ‘Efeito colateral’.

Voltemos aos vizinhos (e infelizmente inimigos) Etiópia e Somália. Até a virada do milênio, igualmente miseráveis, e igualmente manipulados pelos EUA. A verdade tem que ser dita, tristemente a Etiópia já foi fantoche do Império Ianque. Em 2006 os EUA resolveram invadir por terra a Somália. Mas eles não iriam colocar seus próprios soldados ali, até porque eles já estavam ocupando – e morrendo em grande número – no Iraque e Afeganistão, então o Pentágono não tinha recursos humanos, logísticos e políticos pra iniciar nova ocupação.

Num trecho elevado no Centro, as duas linhas repartem o mesmo trilho. Por isso o trem azul passa pelo ponto verde. Atrás sempre modernos espigões sendo erguidos.

Lamentavelmente a Etiópia fez o serviço sujo pelos EUA, e ocupou a Somália. A Etiópia era miserável, e desgraçadamente aceitou o pequeno suborno que a CIA ofereceu. O desespero e a fome são maus conselheiros. Foi um erro grotesco, e não vou justificar. Logo a Etiópia entendeu o quão bizarro foi aceitar a proposta de ‘terceirização’ da ocupação somali. Enfrentou tremenda resistência, e cansada de sacrificar sua juventude por interesses imperiais alheios a Etiópia sabidamente retirou suas tropas da Somália, onde seus soldados jamais deveriam ter pisado pra conversa começar.

E como uma bênção voltou os olhos a outro império, o Chinês, que se expande pacificamente. Repito: a China é altruísta, pura e simplesmente? Obviamente não.

A China quer lucrar com sua expansão. Mas ela permite que os outros também lucrem. Ao se aliar a nação oriental, a Etiópia entrou numa espiral positiva de desenvolvimento. A China constrói. Ela é vista por centenas de milhões de africanos como o “Anjo da Vida”, como o Salvador. Caso você não saiba disso, eu perguntaria: alguma vez você se interessou a fundo em entender como os africanos Pensam e Sentem o mundo? Se sim, você sabe que estou dizendo a Verdade.

A infeliz da Somália teve o azar de cair na mira da CIA/Pentágono. Entrou numa espiral negativa de aniquilação do pouco que estava ali construído. Já era pobre, agora é o inferno na Terra. Os EUA, inversamente, destrói. O próprio “Anjo da Morte”. “Pássaro de metal põe ovos de fogo”, como diz na Profecia. Uma tropa de elite da força aérea ianque tem como símbolo literalmente a morte com a foice, não é maneira de falar.

Quem está se tornando mais rico e influente, e quem está esgotando seu poder?

……..

Pra que você nunca se esqueça: assim era a Etiópia antes da China chegar.

Quando eu estava em Joanesburgo, África do Sul, conversei com um taxista sobre a situação política do continente em geral. Ele disse que vão pra África do Sul centenas de milhares de imigrantes negros de outras nações africanas, o que eu já sabia, alias em Durbã conversei em português com um moçambicano operário da construção civil.

Voltando ao dia em Joanesburgo. A África do Sul é pobre, suas favelas são miseráveis, muito mas muito mais que as brasileiras. Mas, comparada a outras nações africanas, a África do Sul é riquíssima. O taxista me falou que os imigrantes se impressionam que na África do Sul as estradas têm asfalto, porque no interior da África até isso é luxo. Comentei a ele resumidamente o que falamos aqui, que está sendo separado o joio do trigo. Os EUA destroem, e estão destruindo não apenas aos outros como a seu próprio poder. A China constrói, e está erguendo a si mesma e a outras nações, em vários continentes.

EUA: mais de 50% do orçamento militar do planeta, zero km – sim, zero – de trens de alta velocidade. China: mais de 50% dos trens de alta velocidade do planeta, orçamento militar desprezível quando comparado ao Pentágono/CIA.

Diante do exposto, não resta dúvidas. Fiz esse desenho pra mostrar que lado estou no conflito China/Rússia x EUA/Otan.

A China quer estabilidade e crescimento, os EUA querem guerras e caos. Disse ao rapaz que dirige o táxi que a organização terrorista ‘Boko Haram’, que começou na Nigéria, já se expandiu e agora tem bases em países vizinhos como Senegal. E por quê? Eles deram esse salto exatamente quando os EUA, após derrubarem Gaddafi, saquearam o arsenal do exército líbio, e distribuíram a organizações terroristas clientes da CIA, como a ‘Al-Qaeda’ (cuja uma das facções se renomeou ‘Estado Islâmico’) e o próprio Boko Haram.

Mas a seguir arrematei: “Nem tudo está perdido. Pelas próprias Leis da Natureza, quem constrói vai vencer quem destrói. O fim do Império do Mal não tarda, nós o presenciaremos. E aí haverá paz na Terra. Que Deus Abençoe a África”.

O taxista respondeu: “Deus Abençoe você também, irmão. Que Assim Seja”.

Assim Será. Os Mansos Herdarão a Terra Purificada. A Etiópia e sua participação na Rota da Seda Chinesa já é a Semente da Nova Terra, a prova que quem constrói será abençoado, e irá prosperar. Enquanto os que com ferro ferem com o mesmo ferro serão abatidos. “Pássaro negro retorna ao ninho”. E o dia não tarda.

Amém.

Deus Abençoe a África, a Etiópia, e toda Terra.

Ele/Ela proverá

Gênese revisitada: quando Homem e Mulher se separaram

ADVERTÊNCIA: VOU FALAR DE CIÊNCIA OCULTA. SE VOCÊ NÃO SE INTERESSA POR VISÕES QUE QUEBRAM A ORTODOXIA REINANTE NA TEOLOGIA, MÍDIA E ACADEMIA ATUAIS, NÃO PROSSIGA.

SE VOCÊ NÃO GOSTA DO QUE ESCREVO, ENTÃO NÃO LEIA, É SIMPLES. MAS NÃO TENTE ME CENSURAR COM O ‘POLITICAMENTE CORRETO’, DOGMAS OU COM ‘O QUE ESTÁ ESTABELECIDO POR CONSENSO’.

NÃO VOU TE DIZER COMO INTERPRETAR O MUNDO, RESPEITO TEU DIREITO DE FAZÊ-LO COMO JULGAR CORRETO. RESPEITE O MESMO DIREITO EM MIM. AO PROSSEGUIR, VOCÊ CONCORDA EM RESPEITAR MEU DIREITO DE VER O MUNDO COMO ME PARECE CERTO, E EXPRESSAR ESSA VISÃO.

17/12/2011

Hoje vamos tratar de um tema da Ciência Oculta, energia fechada por sua própria definição:

É a Lemúria, continente submerso no que hoje é o Pacífico, que foi o primeiro lugar habitado por seres humanos na dimensão material na Terra. Por isso a Mãe da Humanidade. Em amarelo no mapa.

Pra falar dela vamos abordar uns pontos da Gênese Bíblica, em especial a parte de Adão e Eva.

……….

A Atlântida (em vermelho), outro continente que afundou, estando agora sob o Oceano que nomeia, é bem mais conhecida. Foi descrita inclusive por Platão. Pois bem. Como sabem, a Lemúria foi o continente que veio antes de Atlântida. Cada grande ciclo humano em um planeta tem sete grandes raças, as raças-raiz.

A atual raça – a Ariana – é a 5ª Grande Raça. Em Atlântida habitou a 4ª Raça. Na Lemúria, a 3ª na contagem total, e primeira que emergiu a matéria. Pois as duas primeiras foram imateriais, pro nosso padrão. No decorrer desse texto vamos exoterizar (isto é, tornar público, o contrário de esoterizar, que é fechar pros iniciados) até a passagem da Gênese de Adão e Eva – em sua versão correta, como ocorreu de fato, e não como a raça ariana interpretou.

Verão que a Mulher Original nunca foi desmembrada do Homem Original. A errônea interpretação corrente se deve a nossa civilização usar o mesmo termo, ‘homem’, tanto pra espécie quanto pra sua metade masculina. Um erro, que gera outro erro, naturalmente. Veem que em meus textos nunca uso simplesmente ‘o Homem’ pra me referir a espécie, e sim ‘o Homem e a Mulher’. Homem e Mulher, ambos vieram de um molde neutro, não-sexuado. Tudo isso se deu exatamente na Lemúria. Mas já chegamos lá.

…………..

Comecemos do começo. Deus decide criar um sistema solar onde antes não havia nada. Não havia nada em termos materiais. Em dimensões mais sutis, ainda incompreensíveis a nós, tudo existe desde sempre, pois tudo é parte de Deus, assim Eterno como Ela-Ele. Seja como for, Deus resolve fazer emergir a matéria um novo sistema solar. De uma matriz que já existe (vamos dizer que é uma estrela, talvez não seja 100% apurado astronomicamente como a ciência material entende, mas é uma figura de linguagem útil pra compreendermos, uma parábola, já que lidamos com fenômenos que se desenrolam em dimensões muito acima do que a Mente humana pode apreender em seu presente estado, sendo necessário então usar essas parábolas pra que comecemos a pegar o fio da meada – considere tudo como uma semente, o entendimento pleno vier quando atingirmos o Nirvana, aqui é só pra pôr em movimento) então explodem os corpos materiais que irão girar em torno daquele Sol.

Já voltamos nesse ponto. Aproveito pra apontar que essa estrela que originou os planetas já havia anteriormente sido gerada pela explosão de uma estrela maior, na qual por sua vez gravita – no caso de nosso Sol, Sírio é essa estrela, o Sol do nosso Sol. Essa estrela maior, por sua vez, é oriunda de outra ainda maior, e assim sucessivamente.

De forma que a teoria da Grande Explosão está correta ao afirmar que todo o Universo que conhecemos teve origem numa explosão. Mas está errada ao reduzir tudo isso ao mecanicismo, achando que foi por acaso. Tudo é controlado pela Suprema Inteligência. Achar que o Universo, na perfeição que É, é fruto de uma explosão ao acaso é a mesma imbecilidade de crer que um livro pode ser obra de uma explosão ao acaso de uma gráfica. Os materialistas são mesmo ‘os cegos que conduzem outros cegos’, então segue o baile.

Outra coisa. Sublinhei ‘que conhecemos’ porque essa é a questão. Nossos instrumentos, e mais ainda nossa compreensão, são extremamente limitados. Por isso disse acima que pra Revelar uma Verdade Maior a princípio se usam parábolas como sementes. Depois a Consciência se Inicia e pode ver ‘Ísis sem véus’, mas no começo é preciso velar pois a Luz tem que ser gradual ou cega tanto quanto a treva – veja o exemplo de Saulo (depois Paulo) a caminho de Damasco. É fato que o Universo que conhecemos veio de uma grande explosão. Só que o Universo – mesmo que nos atemos a dimensão material – é ainda assim Infinito e Eterno. Além da parte que conhecemos, há outras. Essa é a definição de Infinito, e sendo nossa compreensão finita, jamais abarcaremos o todo. Jamais a mente humana compreenderá o Infinito. Só em etapas futuras, sobre-mentais, é que as coisas ficarão claras, após termos passado por algumas Iniciações.

Além da parte material – por si só Infinita e Eterna, ao contrário da lavagem cerebral materialista – o Universo tem Infinitas dimensões. Então uma pequena parte do Universo teve sim origem na “Grande Explosão”. Mas além do que conhecemos haviam partes materiais que já existiam – algumas delas ainda existem, outras se recolheram ao Imaterial, seguindo a Lei dos Ciclos. E desde sempre existiram e sempre existirão dimensões imateriais, que nunca serão captadas por vias materiais.

Tudo isso coordenado pela Mente Única. O ‘acaso’ é o dogma e a muleta dos imbecis.

……………

O tema é obviamente complexo, assim essa mensagem é apenas uma única peça de um quebra-cabeças imenso, em Verdade Infinito, que você vai montando em sua Mente e Coração. Vamos tentar retomar o fio da meada. Essa Mente Única, Mãe-Pai Eternos de tudo que existe, existiu e existirá em qualquer dimensão, resolve criar novo sistema solar. Assim uma estrela explode e libera pequenos pedaços, que serão os planetas que gravitarão em torno dela.

Os planetas começam então a resfriar, o que os torna aptos a receberem Vida – a isso me refiro aos reinos de maior complexidade material. Tudo no Universo é vivo, inclusive o que consideramos minerais ou vácuo, pois tudo é ocupado por átomos, em graus variados de densidade, e átomos são vivos, são materialização da Energia Básica Universal (Deus), que diversos povos chamam de ‘prana’, ‘tao’, ‘chi’, ‘ono-zone’, e mesmo o que Reich classificou por ‘orgone’. Deus está em tudo, tudo está em Deus, e Deus é Vida, cada parte do Universo é vivo, ainda que em dimensões menos complexas que a humana. Se não vemos, não significa que não existe, pois o cego material não vê o Sol, mas o Sol está lá. Perante as Origens do Cosmos, o Homem e a Mulher atuais são em sua maioria cegos, não custa enfatizar ainda mais uma vez.

Mas voltemos. O planeta que se separou do Sol já contem vida, mineral e em outras dimensões menores, atômicas e mesmo imateriais. Chega uma hora que a Mãe-Pai resolve que é hora dele ser habitado por Vida na dimensão humana. Então primeiro há uma Graduação, e uma leva de Almas nos últimos estágios do Reino Animal passam a ser Homens e Mulheres das cavernas. Paralelamente a isso, chegam outras Almas prali, e essas já são humanas, oriundas de outros planetas, onde já não são mais úteis.

Quanto aos macacos que acabaram de se tornarem humanos, esses são os verdadeiros nativos do planeta, os que viraram Homens e Mulheres pela primeira vez ali. Nesse ponto a ciência material está correta em descrever essa evolução, apenas erra feio em negar a existência da Alma. Todas as Almas que hoje são Homens e Mulheres estagiaram antes pelos reinos infra-humanos, animal, vegetal, mineral, elemental e outros ainda mais primários.

Então como essa linha de evolução já está bem compreendida, vamos nos focar naqueles que já vieram na frequência humana de outros planetas, sofreram lá seu degredo. A Terra passa por um degredo, o chamado “Êxodo de Aquário”. Pois bem. Assim como agora mandamos bilhões de Almas humanas pra planetas mais primários, esse processo é permanente no Universo. Um dia, foram outros planetas que mandaram bilhões de Almas humanas pra cá. No começo, essas almas humanas ainda não estão na matéria. 

Pelo menos não estão na frequência que nós consideramos matéria. Pois pra eles seu plano pode ser tão material e concreto quanto o nosso é pra nós. Assim como quando você sonha, os objetos ali são materiais pra ti. Seja como for, os primeiros humanos estão num plano que não consideramos matéria. A materialização é gradual.

Na Terra ocorreu o mesmo. As duas primeiras raças humanas estavam em planos que nós consideramos imateriais. A terceira, a lemuriana, foi a primeira que existiu na matéria. Terceira na soma total. Cada ciclo humano tem sete grandes raças, as Raças-Raiz. Lemuriana, terceira. Atlante, quarta. Ariana, quinta (3ª materializada). Como já disse acima.

Mais duas se seguirão, sendo a última novamente imaterial. O ser humano começa a povoar um planeta no estado imaterial, se materializa, chega a ponto máximo de materialização (que estamos agora, com atraso), inicia a sutilização e termina imaterial, como começou.

…………

Como já escrevi muitas vezes, a Raça Ariana é que vai do Irã a Portugal, incluindo tudo que está no meio. Europeus ocidentais, persas, árabes, muçulmanos, cristãos e judeus, todos são arianos. Todos são brancos. No caso dos muçulmanos, me refiro aos árabes. Nigerianos e indonésios, entre muitos outros, são muçulmanos não-brancos, portanto não-arianosTodos os não-brancos são não-arianos.

Mais uma vez: estou fazendo uma simplificação extrema de um processo extremamente complexo, que ocorre em dimensões que nossa linguagem sequer tem palavras pra descrever, pois ela foi feita pra descrever o plano físico-denso. Óbvio que não é tão simples assim, ‘os brancos são arianos’. Repito mais uma vez e quantas se fizerem preciso, tudo isso é apenas uma semente pra começarmos a moldarmos a ideia. ‘Pronto o aluno, o Mestre aparece’. Quando tivermos uma ideia básica formada, ainda que extremamente simplificada e por isso esse estudo é útil, mais elementos virão esclarecer novos pontos, damos apenas mais um passo numa Caminhada Infinita. Tendo claro que essa é uma simplificação extrema, ela é válida. Persas, árabes, judeus e oeste-europeus são os arianos, grosseiramente falando. Os leste-europeus, que se agrupam em torno do Cáucaso, são também bastante arianos mas ainda tem uma boa mescla de lemurianos, tanto que o alfabeto cirílico é oriental.

As outras raças materiais, a vermelha (Ásia e América) e negra (África e partes da Polinésia), são justamente descendentes das outras raças espirituais, resquícios do que existiu antes da Ariana, ou seja oriundos de Lemúria e Atlântida.

Já os brancos são os arianos, apenas lembre-se que judeus, árabes e persas também são brancos.

Os eslavos são transição entre lemurianos e arianos, quanto mais arianos quanto mais ocidentalizada a cultura, mais lemurianos quanto mais rejeitarem a ideologia dominante nos EUA-Otan.

………………

Na Lemúria Deus Pai/Mãe dividiu a Si mesmo, pra criar as metades Masculina e Feminina da Humanidade. Desde então nós, os Filhos e Filhas, vivemos a busca de nossa ‘cara-metade’, ansiando retornar a Unidade Original.

Então a raça lemuriana foi a primeira a emergir ao que hoje se considera matéria. Eles eram bem diferentes do ser humano atual. Iniciavam a etapa humana. Ainda não tinham totalmente formada a mente analítica, da forma como entendemos esse termo, é o que isso quer dizer. Eram mais puros, mais próximos de Deus, nesse sentido mais parecidos com os animais. Sendo Deus Oni-presente, tudo é Deus, em Todo o Tempo, em Todo o Espaço. Logo nós estamos tão imersos em Deus quanto os lemurianos e todo o mais que existiu, existe e existirá. Ainda assim, os lemurianos, sem livre-arbítrio, eram mais próximos do Criador em mais dimensões que nós, enquanto os arianos cultuam outras coisas, nem todas elas Divinas.

E os lemurianos eram inteligentes, construíram cidades complexas. Na próxima mensagem seguem fotos de uma cidade lemuriana submersa, achada em 1985 perto do Japão. Até porque há formas de inteligência que não dependem da mente. Quando o raciocínio não está tão desenvolvido, usa-se mais a intuição, assim como quando a visão não está disponível a audição, o olfato e o tato se apuram infinitamente mais.

Tudo o que quero dizer é que os lemurianos não tinham mente, ao menos nem sombra da nossa, e isso tem um lado bom e um ruim. Seu livre-arbítrio era bem mais reduzido. Novamente, isso por si só não é bom nem ruim. Os animais não tem livre-arbítrio. O ser humano tem. Só que os Profetas (Jesus, Buda, etc) também não tem livre-arbítrio, apenas seguem a missão. Logo o livre-arbítrio é uma etapa, que começa, amadurece, tem seu auge, e será superada. O livre-arbítrio não é o supra-sumo da evolução.

Os lemurianos estavam em uma etapa anterior a nossa. Tinham inteligência humana, mas diferente, pois não-mental. Ainda mais uma vez aqui caímos na ‘armadilha da mente’. Como (ao menos entre a massa não-iniciada) vemos e entendemos tudo pelo raciocínio analítico, que é linear, reducionista, densificador material e comparativo, não conseguimos ‘pensar fora da caixa’, isso é fora da mente, que é apenas uma das múltiplas formas de Inteligência. Viciados que estamos na energia mental, não conseguimos como outros não tem a mesma dependência, mas assim É. Buda e Jesus também tem inteligência não-mental, assim como todos os do reino angélico, a que eles pertencem. Logo há formas de inteligência acima e abaixo da frequência mental.

Os lemurianos estavam abaixo, assim eles não pensavam como nós pensamos, mas não quer dizer que não ´pensavam de todo. Abrir a dimensão mental é justamente a missão da Raça Ariana, a terceira raça materializada. A missão dos Lemúrios, 1ª raça materializada, era abrir precisamente a dimensão física – exatamente por ser a primeira raça física. De forma que podemos dizer que a Ariana é primeira raça puramente mental.

……………..

Logo retorno ao ponto. Por hora, digo que nada mais lógico, cada raça cumpre um ciclo. As duas primeiras fazem a adaptação ao planeta. Por isso foram não-materiais, nem temos muitos vestígios delas, e só teremos provas concretas quando soubermos explorar melhor o plano astral. Lemúria e Atlântida são ‘encarnações anteriores’ da humanidade da Terra, digamos assim.

Bem como a maioria dos Homens e Mulheres da massa não conhecem sua encarnações anteriores individuais, coletivamente os arianos não conseguem ter acesso aos tempos lemurianos e atlantes, mas eles existiram. Os Lemurianos emergem a matéria. Sua missão é abrir a dimensão material. A seguir vem os Atlantes. Já pegam a primeira dimensão, o primeiro chacra, abertos, abrem o segundo, a dimensão emocional. A raça Ariana já pega as duas dimensões abaixo formadas, abre o terceiro chacra, a dimensão mental. A próxima raça – cuja sub-raça Americana da Raça Ariana é um prelúdio, uma transição, como já escrevi com detalhes em outro texto (breve no ar) – abrirá o plano intuitivo, quarto chacra (coração).

Mas deixemos o futuro pra depois e voltemos ao passado. Os lemurianos fizeram a passagem do imaterial ao material – sempre segundo nosso padrão de matéria, não custa repetir. Eram bem diferentes de nós, e logo dou mais detalhes. O fato é que os lemurianos foram os primeiros a existir na “matéria”.

E por isso os lemurianos marcaram outra importante passagem da espécie humana: foi na Lemúria que a espécie se dividiu em dois sexos.

É isso mesmo, os primeiros lemurianos eram assexuados, se reproduziam por formas que não há como entrar em detalhes aqui.

Eram mais próximos a imagem e semelhança de Deus, que é Pai-Mai, Masculino-Feminino em si só. Na Lemúria ocorreu a ‘queda’ do ser humano, narrada na Gênese sob a alegoria de Adão e Eva.

…………………

Vamos fazer um apêndice importantíssimo aqui. Tudo que está narrado na Bíblia ocorreu de fato. Mas algumas coisas não no Plano Físico-Denso, eis o pulo do gatoA saga de Adão e Eva existiu, mas não no que nós julgamos matéria. É um arquétipo. Relata a multidão como Deus planejou a espécie, como Ele-Ela criou o molde da Humanidade, e ocorreu como foi narrado, mas em outras dimensões não tão densas. Tudo se deu num plano Divino, e nunca foi no Planeta Terra. A Espécie Humana habita, habitou ou habitará todos os planetas do Cosmos Infinito.

A faixa de frequência que é o Homem e Mulher exatamente como estamos agora povoa todos os planetas, em algum tempo. E Deus criou o molde da espécie humana uma vez só. Não foi na Terra, portanto, pois muito antes da Terra pensar em existir houveram Infinitos Planetas habitados por Homens e Mulheres, que vieram de um único molde na Mente Eterna. Esse molde, repito, foi criado imaterialmente, e atemporalmente. Sempre existiu. Existe nos planos Divinos, inacessíveis a nós por hora e é aplicado em cada novo planeta que emerge a matéria.

Deus de fato criou o ser humano a partir de uma matéria mais bruta, representada pelo barro. No molde, no arquétipo, no Plano Imaterial, é que existiu apenas um casal, que é o princípio Feminino e Masculino Divino. Na matéria é falso que toda humanidade descenda de um casal material. Adão e Eva são o arquétipo, o molde, que existe sim, mas de forma não-material e não-temporal. Outra falsidade: a de que o elemento Masculino tenha sido criado primeiro.

É mentira. Primeiro gerou se molde neutro, o Filho Original, que não tinha vagina nem pênis. Imagem e semelhança de Deus. O molde neutro é quem se dividiu, sob as ordens Dele-Dela, gerando, ao mesmo tempo e com a mesma importância, as metades Feminina e Masculina.

……………..

Como é Acima é abaixo”, eis a Lei. Nos Planos Divinos, esses sim imateriais por qualquer parâmetro, Deus criou seu Filho original em sua imagem e semelhança, sem polaridade sexual. A seguir o Pai-Mãe ‘separou a Si Mesmo’, digamos assim, e fez cada metade da humanidade espelhar uma metade sua de cada vez. Que a alma humana é neutra e encarna alternadamente nos dois sexos não é novidade alguma pra nós Estudantes.

No molde, que sempre existiu e fica nos Plano Imateriais, um único Filho Original gerou um único casal. Na matéria é preciso adaptar a escala do que será feito, que é incomparavelmente maior que o arquétipo, obviamente. Então o molde é uma espécie inteira. Milhões de indivíduos, por enquanto no estágio pré-sexual. E quando há a divisão logicamente milhões de casais se formam. No arquétipo, um casal basta. Na matéria, digo de novo, é mentira que todos descendem de um só casal.

Falemos mais um pouco desse arquétipo. Deus, o Pai-Mãe, Homem-Mulher numa única Consciência, criou seu Filho Original, imagem e semelhança Dele-Dela. Portanto esse filho era ele-ela como a Fonte. Sem pênis nem vagina. Por isso milhões de lemurianos, já na matéria, não tinham pênis nem vagina. Se reproduziam por maneiras que não é possível detalhar aqui. Mas pra dar uma pista: a atmosfera, na Lemúria, fazia a transição entre o plano astral e o físico-denso. O plano astral é aquele que você está nos sonhos. Nos sonhos são experiências comuns a muitas pessoas nós termos a capacidade de voar, atravessar paredes, ter contato amistoso com animais selvagens, e mesmo termos um corpo do sexo contrário ao que estamos encarnados. Logo, a matéria do astral é mais maleável, atende mais prontamente aos comandos da Consciência que a dimensão física-densa. Portanto a reprodução na Lemúria, por ainda ter uma pitada de astral, era mais consciencial que física.

Aí, no arquétipo, Deus dividiu o Filho Original em duas metades. E como Ela-Ele fez isso? Simples. Deus podia, obviamente, ordenar o molde conforme Sua vontade, como nós podemos modelar a vontade um boneco de barro ou de massinha – é sabido que os Iniciados moldam sua forma como quiserem, no astral e mesmo no físico-denso. Se uma consciência mais evoluída comanda a matéria – por isso Jesus andou sobre a água e fez todos os outros milagres, o que dizer da Consciência Suprema e Única? Por isso foi escolhida a palavra ‘barro’. De fato nossos átomos materiais vieram da terra, mas aqui se indica também sua moldabilidade nas mãos do Eterno.

Ele-Ela pegou o molde, que podia modificar a sua mercê, e entre suas pernas instalou o princípio genital. Colocou uma área sensível a energia sexual. Ainda o molde único. E ainda sem órgãos genitais. Não tinha pênis ou vagina, mas entre suas pernas tinha o ensaio do que viria a ser o centro emissor/receptor do prazer sexual.

Como não fazia sentido acrescentar energia genital sem energia sexual (isto é sem diferenciação entre os sexos), o Pai-Mãe fez com que sua porção Mãe, Feminina, Negativa, Atrativa, imediatamente puxasse a região genital pra dentro do corpo. Onde havia a pele lisa, a força centrípeta fez surgir a vagina, abrindo uma fenda no corpo, que até então era plano. Como ocorre se colocamos uma toalha sobre duas mesas que estão juntas e afastamos as mesas um pouco, surge um buraco na toalha onde a gravidade a puxou pra baixo.

De forma reversa e reflexa, a porção Pai cumpriu o efeito oposto. A Energia Masculina, Positiva e Ativa, com sua força centrífuga, empurrou o centro de prazer sexual pra longe da superfície do corpo. Como claro esse centro não poderia ficar desconectado do seu dono, a medida que foi se afastando foi formando o pênis. Voltando a comparação da toalha, o mesmo que se alguém imergisse a mão por baixo dela e levantasse um dedo em riste, elevando junto um pouco de tecido.

De forma que, digo de novo, é mentira que a Mulher veio do Homem. O Homem é quem vem da Mulher, e pra tentar ocultar esse fato que a Raça Ariana distorceu como tudo ocorreu. Parte do problema é chamarmos por ‘Homem’ a espécie, o que é incorreto. Por isso eu só escrevo ‘ser humano’ ou ‘Homem e Mulher’.

……………

Vamos analisar esotericamente, no Plano-Matriz Fonte da Energia, e não no plano consequencial físico-denso-mental que é o único que os arianos entendem. Pois como podem ver se analisarmos corretamente o arquétipo de Adão e Eva vemos que o pênis e a vagina tem uma origem comum. Surgiram do mesmo ponto, que é a região entre as pernas do Filho Original, que ainda não tinha saliência ou reentrância.

Posto de outra forma, a vagina e o pênis são a mesma energia com sinais trocados. Veja por essa forma, pela matemática, que tudo ficará claro: quando a ponta do pênis toca o fundo da vagina, a Energia Original novamente se ativa, por poucos minutos que seja. É a “Volta pra Casa” de ambos. Eram Um no começo, e nesse encontro Homem e Mulher voltam a Fonte Primeva.

Ao se tocarem, neutralizam seus sinais inversos. Voltam a ser Neutros. Por isso quando um Homem e uma Mulher fazem sexo, unem suas almas, se tornam Um, se fundem, viram novamente imagem e semelhança de Deus, com as metades Masculina e Feminina em harmonia. Transcendem a divisão, transcendem a polaridade, e essa divisão exatamente é o que prende a Consciência nesse plano denso e escuro do Universo. Quando uma Mulher e um Homem se Encontram, se isso alinhar seus chacras unindo suas Almas e Corpos, ela e ele Se tornam Divinos.

Já disse muitas vezes que o sexo de maneira heterossexual monogâmica voluntária entre adultos nos leva a Deus, faz com que sejamos Um com o Criador. E essa é a explicação energética. Agora, é claro que pra essa Magia Tântrica ocorrer é necessário o Choque entre os opostos. Outras fórmulas de cópula, muito em voga na mídia e academia da decadente raça ariana (‘Kali Yuga’) não produzem o mesmo efeito, óbvio, pois densificam ao invés de sutilizar a Consciência. Assim como um pilha que tenha dois polos iguais jamais irá funcionar.

Isso não é moral, é magnetismo. A forma de neutralizar a carga sexual da polaridade que recebemos é uni-la com sua antítese, pra retomar a Síntese Neutra. Carregar com a mesma carga que já temos é como por gasolina em um incêndio. Posto que a Alma é neutra, mas a matéria é polar, e deve continuar sendo. O que implica na Lei de Atração e Diferenciação dos Opostos Materiais. É preciso transcender a Lei das Polaridades, e não negá-la.

Na matéria, essa divisão se deu na Lemúria. Os primeiros habitantes eram neutros, assexuados. Uma vez que eram pouco materiais. Ou se preferir eram materiais, mas mais astrais que físico-densos. O astral tem forma, logo é material, pois forma é matéria. Como a Lemúria era a transição do astral pro físico-denso, é a também a transição do assexual pro sexual, do neutro pro polarizado. Conforme os lemurianos foram se adensando, foram ‘passando o portal’ do astral pro físico-denso, foram se sexualizando polarizadamente. Ser polar é característica da vibração material densa que estagiamos. Só haverá novamente neutralidade conforme houver grande sutilização.

Antes de sermos Neutros sexualmente de novo, precisaremos ter desenvolvido a telepatia a muitos milênios. Isso dá uma ideia de como a diferenciação entre macho e fêmea não acabará tão cedo, ao contrário do que afirmam os magos negros. Enfim, a Terra definitivamente está presa no ‘Maya’, está na Kali-Yuga, uma era de densificação extrema da Consciência, o que obviamente gera grande confusão.

Mas tudo que tem começo terá também um final. Tudo o que é separado será reunificado. Um dia, a Consciência será Neutra de novo, sutil, e bem menos material. Alma Neutra, matéria polar. Assim, enquanto o plano físico-denso for o palco de nossa manifestação, Um Homem = Uma Mulher é a Imagem e Semelhança de Deus Pai/Mãe desdobrada a matéria. Da 3ª a 6ª Grandes Raças, eis a Lei.

Rosa + Azul = Violeta. Vamos Abrir esse Raio.

Que Deus ilumine a todos.

Deus proverá”

a Vida é Eterna e alterna as dimensões; não é opinião, é a Lei

amanhece-em-curitiba111/10/14

Esses dias o pai de um colega desencarnou. Escrevi a ele: 

“ Então cara, falando agora da passagem do teu pai pra outra dimensão.

Fiquei feliz com o que contou. Ele fez uma transição tranquila, e está numa dimensão melhor agora.

As pessoas querem crer que todos que morrem é assim. Não é. É preciso buscar essa tranquilidade, e ele buscou.

Ele se preparou pra mudança. Por isso tudo correu como deveria.

Teu pai tá muito bem.a-passagem

A Vida Continua, irmão. Sempre continua. Pra ele também.

A Alma, a Consciência, nunca teve começo, nunca terá fim. Sempre existiu, sempre existirá, porque o tempo só existe nas 3 dimensões mais materiais. A Alma simplesmente Existe, acima do tempo e do espaço.

Oscila entre as dimensões, Evoluindo Sempre. Vem pra matéria, volta pro astral, desce a matéria de novo, retorna ao astral.

Natureza mulher anjo borboleta pássaro flores segurando vestidoAté que um dia não retorna mais a matéria. E ele deu um passo decisivo pra isso.

O corpo foi devolvido a Mãe-Terra. A Alma dele permanece. Muito antes do que aparenta agora, vocês estarão juntos de novo em mais uma etapa da Caminhada Eterna.

A Vida Continua. Sempre Continua. Pra você e pra ele também. ”
…………

Ele me respondeu:

Valeu! A sua abordagem sobre o assunto é sempre bastante agradável.

Gosto de pensar que ele tenha se preparado para essa passagem. Que tenha, como você disse, encontrado a tranquilidade antes de partir.

Mais uma vez, obrigado pelas palavras e pela reflexão.

Abraço! ”

………

Palmas Tocantins google estrada céu nuvens branco ponteContinuando de forma pública a comunicação:

Fico feliz que minhas palavras tenham feito bem a ele. Entretanto, que a Alma é Eterna, nunca teve começo e jamais terá fim, apenas Evolui Eternamente se alternando de dimensão, e que é preciso se preparar pra ter um bom giro nessa ‘roda de sansara’, encurtando-a e um dia findando-a, nada disso se trata de minha opinião ou abordagem.

Trata-se da Lei. É assim que as coisas são. Tomemos Consciência ou não, queiramos ou não, a Vida (com ‘V’ Maior) é Eterna, sendo a vida(com ‘v’ menor) e a morte ambas parte dela.

………

E é preciso se preparar, tanto pra vir pro lado de cá, quanto pra retornar pro lado de lá.amanhece-em-curitiba

Andando pelas periferias de toda América (e virtualmente por outros continentes também) me deparo com frequência com pichações nos muros homenageando os que já morreram, dizendo “Fulano esteja em paz”. 

Inclusive com frequência pra jovens que viviam no crime, e morreram assassinados justamente em guerras de quadrilhas em disputas por butins de roubo ou pontos-de-venda de droga, ou por sobre-dose dessa mesma droga que vendiam, ou por acidentes automobilísticos em que o condutor estava embriagado e/ou drogado.

Não julgo ninguém, e peço a Deus Pai-Mãe que abençoe esses seus Filhos que ainda não acharam seu rumo.

Agora, é evidente que esses não estão “em paz”, e nem em bom lugar. A passagem pro “além” não torna ninguém melhor. A vida lá  é continuação da daqui. Muda a densidade, claro, e várias Leis da matéria e Energia são distintas. Mas a Consciência é a mesma, e mantém seu grau evolutivo.

a-boa-viagemQuem estava em paz na matéria estará em paz no astral. Quem viveu de forma violenta e conflitada aqui, lá encontrará exatamente isso, apenas em escala maior.

………..

Voltando ao pai desse colega. Ele foi meu professor quando fiz cursinho. Ainda assim, não tive qualquer contato com ele depois disso.

Mas os relatos que me chegaram foi o de que ele viveu de forma tranquila, especialmente seus últimos anos. Mudou-se pra praia, e lá levava um estilo de vida mais despegado da sociedade materialista, que é um câncer pra Alma evidentemente.

Ao sentir a passagem se aproximar, ele passou a meditar. O que fez com que o momento exato da transição fosse sereno.buda iluminado meditando aura mestre rio mata lótus

Esse é um ponto-chave:

Se você tiver a Consciência tranquila, e mais que isso, Estudar as Leis que regem as passagens entre Energia e matéria, poderá atravessar o Portal de forma lúcida.

E isso faz toda a diferença:

Foi revelado que teu último Pensamento na matéria, aquele que você emite logo antes de fechar os olhos pela última vez, é importantíssimo pra dar o tom de sua próxima encarnação.

Imediatamente antes de desencarnar, Gandhi falou “Rama”, ou seja, Deus. Aprendamos com a “Grande Alma”.

Mas não há mágica ou milagre. Teu último Pensamento numa encarnação será a Síntese exata de todos os teus pensamentos, sentimentos e atos nessa encarnação.

Vive na matéria tranquilo, desencarna tranquilo, vive no Astral tranquilo, re-encarna tranquilo.

Tudo é uma sequência, uma continuação, comandada pela Consciência.

…….

elevacao-espiritualNote que o arrependimento sincero de um criminoso (falo em termos da Lei Natural, e não da lei humana, já que ela codifica como correto diversos crimes espirituais, tais como a ganância) não equivale a serenidade, exatamente ao contrário.

Seu grito de dor, ainda que genuíno, está impregnado por tudo de ruim que ele fez na encarnação. Se arrepender é um bom começo, e o Pai-Mãe lhe dará nova chance, alias a re-encarnação visa exatamente cumprir esse papel. “Nenhuma ovelha será perdida”, e assim É.

O que estou colocando é pra que não sejamos sentimentalistas, e não confundamos um arrependimento tardio por uma vida de crimes – ainda que sincero – com a paz de espírito de quem já não cometeu esses crimes pra conversa começar, ao menos não na última encarnação.

Pouco adianta que um assassino grite “Deus” como sua última palavra. Certamente não irá pra mesma Dimensão de Gandhi, e não é preciso ser Grão-Mestre nas Leis da Energia pra dimensionar isso, não é mesmo?amanhece

………

A raça branca, que como já escrevi muitas vezes embora hiper-tecnológica e pseudo-científica – na Verdade exatamente por causa disso – é a mais ignorante em termos Reais, distorceu todo o conceito de carma.

Pras raças europeias e europeizadas, mesmo quando se adota uma abordagem que reconhece a re-encarnação como Lei básica do Universo, o carma adquiriu um conceito fatal e macabro. Quando algo ruim nos acontece, as pessoas dizem “é o carma”.

comecar-de-novoCarma não é isso, ou ao menos não é só isso. Carma quer dizer “saldo”. O carma pesa todo e cada ato, pensamento e sentimento que você fez, soma os positivos, desconta os negativos, e diz qual teu saldo, se está no vermelho ou no azul.

Assim, fácil é ver que o carma não é fatal. Sim, quando alguma coisa negativa nos atinge, é nosso carma. Se estamos no negativo,fatos ruins vem, pelo resgate.

Mas não é fatal. Antes do acontecimento negativo, a Vida te dá chances de resgatar o carma sem sofrimento. Basta que a gente produza boas ações, anulando as más anteriores, e com isso a conta sobe, se tornando desnecessária a tragédia.

serviaO carma é mutável, é importantíssimo entender isso.

A raça branca fala dele como inevitável e ruim pois o adaptou as doutrinas de visam apenas infligir a culpa e o sofrimento nas Almas, tão comuns nas religiões arianas carregadas de “pecado original” e destinos irreversíveis (“céu e inferno”) como cristianismo, judaísmo e islamismo.

Note que de fato Jesus é um dos Grandes Mestres da humanidade. O problema do cristianismo são “os falsos profetas que falam em nome dele”, como o próprio nos havia alertado que ocorreria.

……..

Mestra Pórtia Mestre São Germano saint germain raio violeta deus pai mãe azul rosaO destino não é fixo, é mutável. Se você está devendo no banco e for lá depositar o valor de sua dívida, deixa de dever. Seus bens não serão mais arrestados, pois não há mais débito. Agora, se deve e não paga, a coisa se complica cada vez mais. Na Escala Maior, do Espírito, é exatamente igual apenas numa precisão ainda mais exata.

O carma depende do modo como tua Consciência age.

A serenidade no desencarne também.

Quem viveu de forma tranquila e Estudou a Lei fará uma passagem tranquila, pois seu último Pensamento refletirá isso.

Quem, ao contrário, foi egoísta/violento, terá um último Pensamento conturbado, e isso se refletirá no além, e na futura encarnação.

……

O pai desse colega, que retornou ao astral, teve, até onde sei, vida serena, e se preparou pra passagem. Isso não é automático, depende do Trabalho.Espiral Luz caminho iluminado espaço sideral estrela cosmos caminho iluminação iniciação galáxia

Ele Trabalhou, e agora está a colher bons frutos.

Isso não opinião, é Lei.

É assim que Eternamente É.

Deus Pai-Mãe proverá”

Amor Maior

celebrando

Seres “irracionais”, mas não abandonam os amigos.

08/11/2013

A cegueira consciencial do Homem e da Mulher “modernos” está levando a aniquilação dessa civilização, como é notório. Ainda assim, se acham a espécie mais evoluída do Universo, sem qualquer contestação.

Nada poderia ser mais distante da realidade. Conheça uma estória de amizade sincera e verdadeira, entre duas… baleias.

Eis a ligação:

http://www.treehugger.com/natural-sciences/whale-waits-his-tangled-friend-be-rescued-then-celebrates.html#13839506525321&action=collapse_widget&id=812594

Abaixo, a notícia traduzida:

O oceano é um lugar escuro e perigoso, mas muito menos quando você tem um bom amigo .

No fim de semana, a tripulação de um navio de observação de baleias na costa de Long Island (próximo a Nova Iorque-EUA) avistou uma cena infelizmente muito comum – uma baleia-jubarte enredada em uma rede de pesca, presa, incapaz de nadar. Assim que eles se aproximaram pra avaliar melhor a situação, eles logo descobriram que a baleia, embora desesperadamente imobilizada, pelo menos não estava sozinha. A amizade se mostrou uma força maior que as dificuldades.

Christine Callaghan, uma guia da empresa especializada em observação de baleias chamada ‘Caverna do Pirata’, diz que o que ela viu na ocasião foi “inesquecível”. Essas duas baleias, chamadas Foggy e Grommet, visitam frequentemente a região, mas a profundidade de sua amizade não era conhecida até aquele dia. Callaghan conta que Foggy “estava com a rede enrolada sobre sua cabeça, por onde ela respira. E à medida que nos aproximamos com cuidado, pudemos ver que ela também tinha um nó da rede prendendo seu pedúnculo (a parte mais estreita de sua cauda), arrastando consigo diversas armadilhas pra lagostas”.

“A outra baleia, Grommet, estava solta, e poderia simplesmente ter ido embora. Entretanto, ela nunca saiu do lado de Foggy. Em vez disso, Grommet era vista pulando freneticamente sobre a superfície da água, como que a pedir a ajuda dos seres humanos que se aproximavam. “Eu desafio qualquer um que afirma que os humanos são os únicos seres que possuem empatia e inteligência a explicar isso”, diz Callaghan. “Mesmo depois que a tripulação começou a socorrer Foggy soltando-lhe as cordas, Grommet continuou a seu lado o tempo todo, observando o progresso da operação. Em seguida, os socorristas conseguiram cortar todas as cordas, liberando o animal de sua situação agonizante.”

Agora vem a parte verdadeiramente incrível: no instante em que a cabeça de Foggy se livrou das cordas, Grommet começa a dar pulos pra fora d’água em uma explosão de alegria espetacular”, escreve Callaghan (foto).”Quem poderia negar que isso era uma celebração?”. As duas baleias foram vistas pela última vez nadando juntas, lado a lado, se afastando da costa rumo ao mar aberto.

………….

mar lago aral ásia uzbequistão casaquistão secou devastação ambiental alteração climática deserto desertificação navios barcos abandonados ruínas

Seres “racionais” (!!!!!) Será mesmo???

É isso aí. A notícia original se encerra no pontilhado.

Amor Maior é isso, e não há outro.

Os arrogantes seres humanos deveriam aprender um pouco com seus irmãos “irracionais”.

Amai-vos uns aos outros como eu vos amei”, ensinou e praticou um Grande Mestre da humanidade.

Pena que, com poucas exceções, só os animais entenderam….

Quem tiver ouvidos, que ouça.

Deus Pai-Mãe proverá”

evolução ou extinção, eis o dilema

73-99-04-09

Lago de Aral, Ásia Central, em 1973, 1999, 2004 e 2009: nas últimas décadas do século passado a água vinha secando, porém lentamente. Depois da virada do milênio o processo se acelerou muitíssimo.

 19/05/2011

Enfim escrevo uma mensagem que planejo desde quando fui a Manaus-AM, oito meses antes (a viagem foi em setembro de 2010, e o emeio é de maio de 11). É pra lhes mostrar os efeitos da poluição, e o que ela vem fazendo com o planeta. Vocês já sabem de tudo que vou escrever, mas é que as imagens são muito impressionantes, e valem por mil palavras. Sim, mais uma vez vou ter que me repetir, mas fazer o quê? Digo mais uma vez e quantas se fizerem necessárias:

A Terra simplesmente não comporta esse estilo de vida consumista, hedonista, niilista e extremamente egoísta que a maioria das pessoas adotou, tanto no Brasil como em outros países. Simplesmente não suporta. Se não mudarmos já, tudo entrará em colapso. Ressalto o “já”. Esse colapso do planeta será extremamente doloroso a todos, e não, não irá ocorrer daqui a algumas décadas, quando você não estiver mais aqui. Por isso não importa sua filosofia de vida, é indiferente se crê em “vida após a morte” ou não, porque o caldo vai engrossar agora, enquanto você ainda está encarnado.

É ainda pior que isso, pois estou usando o tempo errado. A Terra não ‘entrará’ em colapso. Já está entrando. Ainda dá pra evitar o pior, mas é preciso agir hoje mesmo. Se acha que estou exagerando, veja as fotos e ligações que lhe mando, as imagens falam por si só e as matérias de jornal não foram escritas por mim, obviamente.

Eis a prova de que é preciso mudar o tempo do verbo: acesse o artigo da wikipedia sobre o que um dia foi o Mar de Aral, entre o Cazaquistão e o Uzbequistão, Ásia – antes dele começar a secar era tão longo que atingia até o Turcomenistão.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Mar_de_Aral

Reproduzo partes do 1º parágrafo: “Mar de Aral era (ênfase meu) um lago de água salgada, localizado na Ásia Central. O nome (em português, Mar das Ilhas) refere-se à grande quantidade de ilhas presentes em seu leito (mais de 1500). Este já foi o quarto maior lago do mundo com 68 000 km² de superfície e 1100 km³ de volume de água, mas em 2007 já havia se reduzido a apenas 10% de seu tamanho original, e em 2010 estava dividido em três porções menores, em avançado processo de desertificação. (idem)”.vai-vendo-_

As fotos falam por si mesmas. Veja os esqueletos de navios. Onde estão as pessoas era um porto. Era… Observe o mapa, como eram as águas em 1973, em 1999 e em 2009. A aceleração da mudança da Terra está aí posta. Veja que em 10 anos (99-09) a água diminuiu muito mais que nos 26 anteriores. Olhe (ao lado e logo abaixo) o tamanho das embarcações abandonadas pra morrer na areia seca e quente. Por aí você calcula quanta água desapareceu. Era o quarto maior lago do mundo – sua área equivalia aos estados do Espírito Santo e Sergipe somados. Chegou a ter mil e quinhentas ilhas, que o nomearam. E desapareceu em 3 décadas. Mando também uma foto que retrata essa ‘evolução’, ou melhor, involução do lago. Mataram um gigante. Matarão a Terra, e a todos que estão nela, se não acordarmos.

Não pense que esse é um problema restrito a Ásia, e que nós americanos estamos livres. Muito pelo contrário. Até porque a ideia de lhes escrever isso surgiu quando viajei a Manaus. Presenciei cenas de destruição inenarráveis na Amazônia. Embora o escopo da desgraça seja indescritível, as fotos e meu relato lhes darão uma ideia da gravidade da situação. Explico: todo ano, no segundo semestre (o período das secas), toda a Amazônia está sendo coberta por uma densa capa de fumaça. Como a imagem mostra. Isso está destroçando o clima em todo continente americano. Novamente, quem mora em outras partes da América do Sul não pense que está livre do que ocorre no Centro-Norte desse continente. Já falaremos disso. Antes deixa eu relatar minha viagem.

era-o-4o-maior-do-mundoFui de Curitiba a Manaus pelo Oeste brasileiro. Fiz escalas em Campo Grande-MS, Cuiabá-MT e Porto Velho. Até Cuiabá tudo era normal. O céu era tão limpo que pude identificar com clareza o trajeto. Bem, conheço um pouco de geografia. Já fiquei infinitas horas olhando a América do Sul e outros continentes pelas fotos de satélite, Deus abençoe o ‘google mapas’. O fiz em diversas escalas. Então, pra mim viajar de avião foi como repetir a experiência, a única diferença é que eu não podia comandar o roteiro e a escala do que via. Já vão entender onde quero chegar.

Um tempo após decolar de Curitiba, vi uma cidade grande abaixo do avião. Decidi saber qual era. Mas não perguntei a ninguém. Apenas olhei com mais atenção. Logo vi que era Maringá. Mirando um pouco mais a leste, vi Apucarana, Arapongas e logo a seguir Londrina.

antes-depois

Mar de Aral em 2004, em preto como o tamanho que ele ocupava em 1850.

Citei apenas pra vocês verem como o céu estava claro, como de dentro do avião se podia perfeitamente ver o solo. Foi assim até um pouco depois de deixarmos Cuiabá. Então a situação mudou radicalmente. Assim que adentramos na Amazônia, o avião passou a sobrevoar uma espessa nuvem de poluição. Simplesmente não era possível ver mais nada abaixo. Não, não eram nuvens comuns, como alguns poderiam se apressar em argumentar, querendo manter seu auto-engano, achando que essa civilização tem salvação.

Observe as fotos, a parte poluída em contraste como é nítida a visão do alto um avião num céu com menos poluição. Veja de novo a capa de fumaça cinza que recobria toda a Amazônia. Não se vê nada além da nuvem negra. Compare com a outra imagem, onde pode-se identificar cada rio ou cidade que há lá embaixo. Vi Maringá claramente, com e suas avenidas e praças ricamente arborizadas, tão nitidamente que nunca tive dúvidas que era a ‘Cidade-Canção’. Não pude ver Porto Velho, a não ser já praticamente em cima do aeroporto.

Não há como negar o que você vê. Tirei também uma foto de uma nuvem comum. A diferença é evidente entre ambas. As nuvens comuns são iguais vistas de cima ou de baixo. Todos os que já andaram de avião sabem que é assim, e se alguém não andou, bem, é dessa forma, as nuvens são iguais do lado de cima, brancas e irregulares, formam flocos (desenhos pros que conseguem captar), e dão uma sensação de paz. Sempre há espaços vagos entre elas.

lago

Diminuição gradual do lago, cada vez mais acelerada. Enfatizando de novo, a fonte é a página da Wikipédia. Lá, essa apresentação está em ‘gif’, animada.

Muitíssimo distinta é a nuvem de poluição. É escura e espessa, uma massa compacta, dá uma sensação péssima em quem vê, pois acaba com qualquer ilusão de que a espécie humana irá sobreviver – a não ser que ajamos já, ressalto ainda mais uma vez.

era-um-porto-era_

Um dia, aqui foi um porto no Mar de Aral. Os pontos escuros na areia são os navios.

A coisa está tão feia que um habitante de Porto Velho-RO nos ressaltou que nos dias em que a nuvem negra está mais forte você não consegue ver os prédios do Centro da referida cidade. Não estou querendo dizer que você não vê os prédios do avião. Do avião não se vê nada, prédios ou o que seja, só a nuvem negra. Estou dizendo que você não consegue ver o topo dos prédios do solo, estando quase em frente a eles. É como uma neblina fortíssima, só que é a neblina negra, fedorenta e sufocante, e que não se dissolve com o sol.

Tudo isso está alterando o clima de formas que estamos insistindo em ignorar, numa miopia literalmente suicida. Os rios do norte do continente estão secando. Presenciei isso tanto no Brasil quanto na Colômbia. E olhe que no Amazonas eu fui na época de secas, e no país vizinho na de chuvas.

porto

A entrada do porto, agora ao nível do solo.

Sim, como disse, quando estive em Manaus (setembro) era mesmo época de seca. Todo ano nesse período os rios baixam, é cíclico – a questão é que a seca em 2010 foi a mais severa da história. Os rios baixaram tanto que estavam se tornando inavegáveis. Vamos pôr a coisa no contexto aqui. A Amazônia é uma civilização aquática. Nós do Centro-Sul brasileiro (eu moro e morei toda minha vida em Curitiba) temos dificuldade em entender isso. Pra nós o modal rodoviário é tão natural quanto respirar. Muito diferente é o que ocorre no Centro-Norte da América do Sul. Pegue o mapa do estado do Amazonas. Quase não há estradas. Toda a comunicação, de bens e pessoas, se faz por barco. Veja fotos do porto de Manaus. É vinte ou trinta vezes maior que a rodoviária, simplesmente porque ninguém chega de ônibus na cidade, exceto os que moram nas poucas cidades bem próximas.

Essa situação se repete em boa parte da Colômbia, Equador, Peru, Bolívia e Venezuela. A Amazônia é o pulmão do mundo, só há vida humana na Terra por causa daquela floresta. E a floresta depende dos rios. Os rios estão morrendo, quando estive lá os relatos nos jornais eram diários de municípios no interior que estavam decretando estado de emergência (quando não de calamidade pública) porque não estava mais sendo possível chegar de barco ao local, pois o rio estava muito raso. E os que arriscavam, por não ter outra opção, muitas vezes acabavam sofrendo acidentes, com os bancos de areia que estavam virando ilhas.

erosao-estado-do-pr

Não pense que a ‘morte’ do planeta se restringe a Ásia. Veja a erosão no estado do Paraná.

…….

Pois bem. Os rios estão secando. No Amazonas, me restringi a capital, não fui ao interior. Então só li esses relatos. Porém escolhemos ir de Bogotá a Medellin de ônibus, exatamente pra vermos o interior do país. Foi muito triste. Vimos diversos rios que simplesmente morreram, pontes que cruzavam cadáveres de cursos fluviais, que um dia correram mas já não existem mais. E ao contrário do que quando fui a Manaus, dessa vez a região estava na estação de chuvas. Tanto é que diversos desabamentos estão ocorrendo nas favelas de Bogotá, Medelím e Cali. Em todos os casos com pessoas perdendo a vida.

Então vá somando tudo. Os rios estão morrendo. Não pense que só no Norte da América do Sul. Aqui (Centro-Sul da América do Sul) também. Mas chegarei em nossa parte do continente. Por hora voltemos pra lá. Belém, Manaus, Cali, Bogotá, Medelím, todas tem agudos problemas de desigualdade social, com percentual altíssimo de pessoas com moradias precárias, seja nos morros ou em palafitas nos igarapés. Com os rios (alma e sustento mesmo da civilização amazônica) secando, pouca opção resta aos índios e brancos pobres da região que senão irem engrossar as favelas das cidades, que já são enormes. Tudo isso aumenta os desabamentos, fora as epidemias de cólera, dengue, pra não falar da lepra.

erosao_estado-de-sp

Aqui no estado de São Paulo.

Falando nisso, se pensa que a hanseníase é algo que só existe nos livros, está muito enganado. Sim, no Centro-Sul brasileiro essa doença que vai amputando os membros das pessoas está extinta, e é estudada na história da medicina. Mas no Pará a lepra ainda existe e mata, de forma extremamente dolorosa, até porque a maioria é pobre, e nos postos de saúde os serviços estão longe de atingir um nível satisfatório, como não é difícil calcular. Não há remédios nem pessoal em número suficiente pra lidar com uma enfermidade tão complexa, quando os casos se multiplicam. A lepra existindo ainda em algum lugar pode ressurgir onde já foi erradicada, assim como a dengue autóctone ressurgiu nos EUA após 50 anos.

http://blog.ambientebrasil.com.br/?p=2175

E isso que nem toquei na questão da violência urbana. É claro que se milhares de agricultores perdem suas terras porque os rios secaram e aí vão aumentar as favelas, alguns rapazes serão seduzidos pelo crime e aumentarão as fileiras de grupos armados, tenham motivação política ou simplesmente o objetivo de vender drogas.

É inegável que se não houvesse esse êxodo rural provocado pelo desequilíbrio ecológico tanto as cidades quanto o campo seriam melhores. Só isso já seria motivo pra nos preocuparmos com a Amazônia. Até porque a nuvem negra que por lá se instala na época de secas é resultado das queimadas, e as queimadas existem pra produzirem bens (carne e madeira) que são consumidos em boa parte no Centro-Sul, que é mais rico. Mas fica pior. Muito pior.

A nuvem negra da Amazônia vem afetando o clima de todo o continente, e não apenas da área que ela cobre com sua fétida sombra. Os ventos trazem o desequilíbrio pra toda parte. Em agosto de 2010, houve chuva negra no Rio Grande do Sul. E a causa é a devastação na floresta bem mais ao norte e oeste. Chuva negra” não é figura de expressão. A chuva que caiu na fronteira entre Brasil e Uruguai era negra de fato. Veja:

http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default.jsp?uf=1&local=1&section=Geral&newsID=a3013281.xml

2010: fui de avião a Manaus e constatei que toda a Amazônia estava coberta por espessa camada de fumaça originada das queimadas. Vou ser específico: do Norte do Mato Grosso seguindo pelos estados de Rondônia e Amazonas, tudo estava tapado por essa massa cinza de poluição, não se via nada embaixo.

Como leram, na fronteira meridional de nosso país a chuva foi negra, enquanto na Região Metropolitana de Porto Alegre a chuva foi laranja. É a chuva ácida. Causa corrosão, ou seja, se for muito forte derrete os tecidos do que ela toca. Esses são os primeiros avisos. Se não agirmos tudo irá piorar. Está escrito nas Profecias que “irá chover fogo”. Os materialistas descreem, e dão risadas. O que escapa a compreensão desses falsos sábios é que as Escrituras (de diversas religiões, não apenas da cristã) estão codificadas em linguagem simbólica.

A Bíblia poderia ter dito “vai chegar uma época que a poluição, provocada pelo consumismo em massa, mudará o ph da água, e com isso ela será laranja ou negra, e irá queimar onde tocar”. Mas a multidão simples e ignorante da época não ia entender nada. Não existia ciência da forma como entendemos o termo em boa parte do mundo de então, como é notório. Assim optou-se por um símbolo, e esse se mostrou correto. Já está caindo uma chuva laranja e que queima. É o Zero Hora quem diz isso, não eu. Felizmente por enquanto ainda está fraca. Mas irá piorar se nada for feito.

Compare com uma nuvem normal, não-poluída. A coloração e o formato são totalmente diferentes. Na poluição é cinza e uniforme, e a nuvem normal é branca e bastante ondulada.

Agora me diga: por acaso o fogo também não é laranja, e também não queima? Então se a chuva ácida piorar, e as gotas tiverem a cor do fogo e queimarem como ele, por acaso não estará cumprida a profecia de que irá chover fogo? Não era isso que as Profecias disseram desde sempre, afinal? Quem poderá negar então? Quem terá razão no fim, os materialistas ou as Profecias?

Veja bem, não quero converter ninguém a nada. Não estou falando aqui de temas esotéricos, debatendo se algo previsto irá ou não acontecer. Estou falando sobre coisas que já estão ocorrendo. O tempo do verbo mudou, como abri o texto dizendo. A chuva ácida já ocorreu, e assim foi reportado por um jornal do conglomerado RBS, que é afiliado a Rede Globo. Dificilmente alguém pode dizer que esse é um grupo místico ou que está interessado em combater o capitalismo, não é mesmo?

E a coisa ainda fica pior. Em alguns lugares do Rio Grande do Sul, a chuva é acida. Em outras partes do estado, simplesmente não chove. O Oeste e partes do Sul do Rio Grande do Sul estão virando desertos. Em Bagé, as torneiras estão secas 13 horas por dia, e não está sendo suficiente (nota: lembre-se que o texto é de 2011, e relata o que ocorria na época. Não acompanhei pra saber se o problema da seca no RS permanece ou foi amenizado).

http://www.clicrbs.com.br/especial/rs/diario-gaucho/19,222,3316533,Racionamento-de-agua-pode-aumentar-em-Bage.html

O Norte e o Leste gaúchos não estão melhores. Ciclones com ventos de mais de 100 km/hora tem atingido Porto Alegre com frequência, as vezes todos os meses. Veja exemplos.

http://www.metsul.com/secoes/visualiza.php?cod_subsecao=39&cod_texto=238

http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default.jsp?uf=1&local=1&section=Geral&newsID=a3110546.xml

(Nota escrita em 2016: nesse caso eu fui conferir se a situação mudou. Não, continua a mesma. Ciclones e vendavais continuam a fustigar as terras gaúchas com frequência. Acima são as ligações de 2010/11. Cinco anos depois, a situação permanece idêntica.)

http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2016/11/regiao-central-e-fronteira-oeste-concentram-estragos-de-temporal-com-vento-de-100-km-h-diz-defesa-civil-8123898.html

http://zh.clicrbs.com.br/rs/porto-alegre/transito/noticia/2016/11/apos-vendaval-queda-de-arvores-bloqueia-vias-em-porto-alegre-8121667.html

Próximas 2: além disso, as nuvens normais de vapor d’água nunca são contínuas, você vê claramente a paisagem em baixo na maioria do trajeto.

Por vezes, os ciclones, que não ocorriam em nosso país até um passado recente, têm atingido também o litoral tanto do próprio Rio Grande do Sul como igualmente dos estados de Santa Catarina e São Paulo. A causa é mais uma vez a desflorestação. As matas de pinheiro, tão características do Sul do Brasil, impediam os ventos fortes de castigarem as cidades, por suas copas altas. Mas foram derrubadas. O resultado é esse que você está presenciando.

Não para por aí. Todo o Oeste da Região Sul do país está virando deserto, não apenas no Rio Grande do Sul, mas no Paraná e Santa Catarina também. Quando trabalhava fazendo pesquisas, fui algumas vezes ao Oeste do Paraná, tanto pro Centro-Oeste (região de Campo Mourão) quanto Noroeste, perto de Umuarama. Muitas vezes vi as cidades do interior definhando, pois não chovia há meses, e a lavoura estava seriamente comprometida. Vi as pessoas, em suas conversas, agradecendo a Deus uma eventual chuva, como no sertão do Nordeste.

Pequenos fazendeiros estão desistindo da terra, e suas propriedades estão sendo engolfadas por latifúndios gigantes. A situação está se tornando crítica, mas pouca coisa é divulgada, porque as terras, antes férteis e de pequenos proprietários, estão sendo ocupadas por enormes fazendas monocultoras de soja transgênica. Então o fato que milhares de famílias estão perdendo suas terras (que se tornaram inúteis) é vantajoso pros grandes fazendeiros, que têm a imprensa no bolso, como é lógico crer.

O céu está seco, a terra infértil – ao menos comparados com o que eram pouco tempo atrás. Mas como as plantações de soja transgênica utilizam intensivamente irrigação e adubação artificiais, o ser humano em sua cegueira e prepotência acha que ‘venceu’ a Natureza. Ledo engano. A reação não tarda. De alguns anos pra cá, enormes valas começaram a aparecer em terras antes férteis do Noroeste do Paraná e Oeste de São Paulo, como as imagens mostram. Não há como duvidar. Observe que sobre as crateras há algumas árvores, o que indica que antes havia uma floresta. Até mesmo a mídia capitalista está sendo obrigada a noticiar alguma coisa, pois o solo da região começa a parecer lunar.

Em 2011 a notícia estava publicada na página do jornal, quando jogo no ar em 2016 a matéria não existe mais, por isso não reproduzo a ligação aqui. Mas fazendo um resumo, claro que na matéria diz que o governo já está ciente do problema e ‘tomando as providências necessárias’. “Ações conjuntas combatem a erosão no campo”, é o portentoso título da matéria. A mensagem? ‘Não se preocupe com nada. Não mude seu estilo de vida. Continue consumindo, nós estamos de olho e breve tudo estará corrigido’. Afinal logo após essa reportagem, ou na próxima página, entram os comerciais, onde você pode ver os últimos modelos de carros e celulares, e também os participante que estarão no próximo ‘Big Brother’ (!!!!).

Mais uma vez vemos a nuvem normal, a que não é originária de poluição mas sim da evaporação da água. Nota-se claramente a paisagem, nesse caso fazendas e árvores, e quando é o caso cidades. Já a nuvem cinza de fumaça das queimadas, digo de novo, é contínua. Do Mato Grosso a Manaus (são mais de mil km em linha reta) não dava pra ver nada abaixo.

E o que dizer dos desabamentos no estado do Rio de Janeiro (quando fiz esse texto, a desgraça que devastou a Serra Fluminense tinha recém-ocorrido)? Alguns se apressarão em apontar que sempre houveram essas tragédias por lá. De fato é assim. Sempre houveram mortes nos desabamentos pelas chuvas no Rio nessa época do ano. Porém eles matavam dezenas de pessoas, e não centenas. Agora já houveram dois casos em que morreram 200 pessoas ou mais em cada tragédia. Cidades inteiras deixaram de existir. Isso nunca havia ocorrido.

Por conta de tudo isso, eu sou obrigado a ir na direção oposta da mídia. Não está tudo bem. Não serão algumas ‘medidas conjuntas’ que irão acabar com a erosão, e nem com as outras tragédias que o planeta vem passando. Não basta apenas reciclar e com isso ‘lavar a consciência’. Reciclagem apenas minora a agressão que fazemos a Natureza com nosso modo de vida artificial e auto-destrutivo. E a partir do momento que alguns se contentam em reciclar e acham que assim estão livres pra consumir quanto quiserem, a ênfase na reciclagem pode começar a se tornar um remédio pior que o mal.

Porto de Manaus. Os rios são a vida da Amazônia. Se os rios morrem, morre a Amazônia, e depois toda a Terra.

As imagens e reportagens não deixam dúvidas da gravidade da situação, que só será revertida se mudarmos radicalmente nosso modo de vida, e a forma como nos relacionamos uns com os outros e com a Terra, que é a Grande Mãe de todos nós.

Não pretendo com esse texto criar pânico nem matar a esperança. Ao contrário. Há tempo de salvarmos o planeta, e por extensão a nós mesmos. Mas é preciso agir já. É preciso reduzir o consumo. Reciclar é importante, mas não basta. É preciso consumir menos. E é preciso começar hoje. Pense nisso a próxima vez que for tentado a trocar de celular, ou a consumir qualquer aparelho eletrônico, ou vestuário da moda, ou o que for, por mais ‘indispensável’ que essa compra possa parecer a primeira vista.

Não esqueça que um planeta saudável é o nosso bem mais indispensável. Sem isso não há outros bens, sem isso não sequer humanidade.

Nada está perdido. Ainda. Mas é preciso agir já. Os avisos estão aí. Ignoremos por nossa própria conta.

Consumir menos. Não há salvação além disso. Por um tempo, pudemos adiar essa decisão. Agora não dá mais. É evolução ou extinção – e extinção de maneira indescritivelmente dolorosa.

Chegou a hora de escolher. Esteve previsto desde sempre, e agora chegou.

O Homem e a Mulher ‘modernos’ (ou ‘pós-industriais’, no jargão de alguns) perderam a Fé no Criador e em suas Leis que regem o Universo. O ‘deus’ dos hedonistas e niilistas que pululam sobre a Terra é a ‘ciência’, mídia e estado.

E por isso creem que podem agir como quiserem, em todas as dimensões, sem sofrerem as consequências de seus atos.

Nada poderia ser mais distante da realidade, os fatos estão apontando nessa direção e a coisa vai se agudizar tremendamente na década de 20.

Precisamos recuperar a Fé em algo Maior que o ego humano, ou vai haver caos. Eu não estou brincando nem exagerando.

E por Fé eu não me refiro a religião organizada. A Consciência de cada Homem e Mulher é livre pra fazer a sua ligação com o Pai e Mãe Divino como lhe parecer mais correto a sua mente e coração. Quando a massa enxergar isso, nada mais há a temer, só a Trabalhar.

O que não pode é o egocentrismo, materialismo, niilismo e hedonismo permanecerem, pois isso dará ‘perda total’ no planeta, e não vai demorar.

Bem, se a crise tiver uma vantagem, é que ela levará as pessoas a re-espiritualização. Quando a sociedade que tem fé na mídia, ‘ciência’ e dinheiro falir por completo – o que não está longe – as Consciências ‘voltarão pra casa’, e re-descobrirão que existe Lei no Universo, o que elas sempre souberam entretanto nessa encarnação o foco demasiado em seus egos as fez ‘esquecer’.

O correto Entendimento e Cumprimento das Leis Eternas pode se dar pelo Amor ou pela dor.

Cabe a ti, e a cada um de nós, fazer essa escolha. O momento chegou, enfatizo ainda mais uma vez e quantas se fizerem preciso.

………..

É como vejo a questão. Cada um que aceite ou rejeite essa mensagem conforme sua consciência determinar.

Que Deus ilumine a toda humanidade. Vamos precisar.

“Ele-Ela proverá”

Implosão Populacional: tempos difíceis virão

crise populacional gravíssima; porém exatamente ao contrário do que muitos ainda estão pensando

fertilidade Europa-2013

Taxas de fertilidade na Europa, 2013. Apenas França, Irlanda e Islândia superam 1,9 filhos por Mulher. E esse número ainda está 10% abaixo do necessário pra uma população se manter, pois é preciso pra isso 2,1 filhos por Mulher. Imagine então a situação nos outros países. Na Alemanha, Itália, Grécia e algumas nações do Leste, o número é abaixo de 1,5, e na Península Ibérica, Polônia e Moldávia, abaixo de 1,3. Isso é uma calamidade, e as pessoas não se deram conta ainda.

06/07/2014

Fomos acostumados, eu diria doutrinados, a pensar de acordo com as circunstâncias do século 20, que não existem mais. Na época, se temia uma explosão populacional que comprometesse a civilização. E na África, Sul e Centro da Ásia (sub-continente indiano e Mongólia) e talvez partes da América Central realmente o crescimento sem controle no número de pessoas permanece um problema sério, como era no fim do século 20.

Mas na Europa, Leste da Ásia e cada vez mais na América também, vamos nos deparar com o problema inverso: falta de pessoas jovens pra sustentarem um contingente de idosos cada vez maior, e que consome cada vez mais remédios, que são caríssimos. E essa situação igualmente dará um doloroso colapso na civilização.

Vamos falar da Implosão Populacional, problema seríssimo enfrentado pelas nações da Europa e do Leste da Ásia. Suas taxas de natalidade são baixíssimas, a população ao invés de aumentar vem diminuindo.

Pra isso vou compilar aqui várias mensagens que produzi (por emeio) ao longo dos tempos sobre o tema.

Todos os dados dessa matéria foram tirados dessa página aqui:

http://www.citypopulation.de/

É um sítio muito interessante, que analisa, como o nome indica, as variações populacionais do planeta.

…….

Vendo as variações populacionais da Europa você começará a ficar muito, mas muito preocupado com o futuro da humanidade.

Bulgaria

A Bulgária tinha praticamente 9 milhões de habitantes no fim do comunismo. Hoje mal supera os 7 milhões. Desapareceram 1,8 milhão de búlgaros em menos de 3 décadas. Ressalto porque a situação é gravíssima: a Bulgária perdeu 20% de seus habitantes em somente uma geração. A partir de agora a situação se agravará em PG, será uma bola de neve.

Vou dizer sem meias-palavras: a Terra irá passar em breve por crise populacional gravíssima. Mas, ao contrário do que você calcula se baseia sua análise apenas pela mídia capitalista, o problema não será de excesso de gente, mas de falta.

Não pense que enfrentaremos uma explosão populacional. Exatamente o oposto é verdadeiro, a Europa enfrenta uma implosão populacional, o problema inverso, mas que é tão grave quanto.

……

Digo, o Centro da América, o Sul da Ásia e quase toda a África ainda tem taxas de natalidade elevadíssimas. Ali, de fato problema é o excesso de gente pra poucos recursos pra alimentar a todos.

Ainda assim, e você vai se lembrar de minhas palavras, muito em breve chegaremos numa época em que a Europa vai viver o pesadelo oposto, o de não ter Homens e Mulheres em número suficiente pra povoar seu território, mover sua economia, e principalmente pra sustentar seus idosos, que serão em número altíssimo.

Letonia

A Letônia também perdeu mais de 20% da população em 2 décadas e pouco.

Nada menos que 15 países europeus, no mínino, estão tendo quedas em seu quadro populacional, em alguns casos queda livre, vertiginosa mesmo.

A começar pela Alemanha, país do autor do ‘city population’. E veja, trata-se da 4ª maior economia do planeta, atrás apenas de China, EUA e Japão.

O que põe por terra o argumento que a migração irá suprir as baixas taxas de natalidade entre os brancos europeus. Chega um momento que nem isso é mais suficiente. O Japão também tem queda populacional. Ou seja, dos 4 maiores PIB’s do planeta, 2 enfrentam redução populacional.

Uma economia desenvolvidíssima não tem bastado mais pra aumentar a população. Em breve vai haver desgraça, porque, repito, não haverá quem sustente o número cada vez maior de velhos nessas nações.

Lituania

A vizinha Lituânia também encolheu perto de 20%.

……….

Da Alemanha e Japão falaremos melhor mais abaixo. Enquanto isso vamos vendo os gráficos de diveros países europeus que estão enfrentando queda no número de habitantes. 13 são que se chama Leste Europeu, ou seja, ficavam atrás da antiga cortina de ferro do comunismo. Mas há também a Grécia. Esses dados são anteriores a crise que se abateu sobre esse país, ou seja, a coleta não está contaminada. Significando que a coisa está pior ainda do que é mostrado aquí.

É sabido que depois que a Grécia foi saqueada pelas aves de rapina da ‘Rua do Muro’ e ‘Cidade de Londres’ – o Império Anglo-Ianque, com sua roupagem política de UE, Otan e outras instituições – dezenas de milhares de gregos morreram por falta de recursos, sendo que muitos se suicidaram. E outras dezenas de milhares, quem sabe centenas de milhares, de gregos no auge da idade produtiva emigraram para economias mais desenvolvidas, o que agrava o problema sob todos os aspectos.

Ucrania

A Ucrânia já havia perdido 10% da população antes da guerra que eclodiu em 2014 se iniciar. Os combates se amainaram, mas a crise econômica/política é agudíssima e segue sem solução. Resultando que a Ucrânia já perdeu mais de 20% da população igualmente.

Ou seja, a crise grega destruiu a Grécia, mas deu um gás a mais pros países mais ricos do Norte da Europa, especialmente Alemanha e Inglaterra, posto que houve a chamada ‘drenagem de cérebros e braços’. Sem opções em sua terra natal, muitos foram buscar trabalho em outras nações, amenizando a situação delas mas entregando de vez sua terra-natal aos urubus. É evidente que a imigração ameniza o problema, pras nações que recebem a mão-de-obra.

No Oeste da Europa, que é rico, as taxas de natalidade são tão baixas quanto no Leste. A população da França, Inglaterra, Bélgica, Holanda, Itália, etc, só não está diminuindo exatamente porque levas de imigrantes vindos do 3º mundo chegam todos os anos pra fazerem os serviços braçais – e cada vez mais também o ramo gerencial.

Polonia

Estagnação na Polônia

No passado, faltava gente pro ‘colarinho azul’, o operariado, os trabalhadores braçais dos setores industrial e de serviços. Hoje, entretanto, está faltando gente nativa na Europa Ocidental até pro ‘colarinho branco’: trabalhar em bancos, escritórios, etc.

Então claro que a migração influi. Entretanto, chega uma hora que a coisa fica tão crítica que nem isso adianta, e, digo mais uma vez, se não fosse dessa forma Alemanha e Japão não teriam porque se preocupar. Entretanto, eles estão muito, mas muito preocupados, e com razão.

……….

Ainda pior é no Leste Europeu. Veja, em pouco mais de 20 anos, a Ucrânia perdeu 6 milhões de habitantes, nada menos que 20% de sua população. Esses dados são de 2013, logo não estão contaminados pela guerra civil que eclodiu nessa eslava pátria agora em 14. Ou seja, como no caso grego, a coisa é ainda muito pior que o mostrado aqui.

Além dos que morrerão diretamente nas frentes de batalha, muitas centenas de milhares de outras pessoas deixarão a Ucrânia, seja por medo dos combates, seja pra fugir do desemprego, fome, destruição da infra-estrutura, etc, que toda guerra acarreta. Boa parte deles nunca retornará ao país, ainda que os enfrentamentos cessem.

Grecia

O problema não se restringe aos antigos países comunistas. A Grécia tem uma das menores taxas de natalidade do planeta, e por isso nesse milênio sua população praticamente estagnou e já teve inclusive pequena queda nessa década. Novamente, esses dados são anteriores a gravíssima crise econômica que se instalou na Grécia. Quando saírem os dados que levem em conta esse choque, veremos que a Grécia terá perdido perto de 10% da população nessa década.

Esse texto é de 2014. Atualizando em 2016, dá para ter uma noção melhor do tamanho do estrago. A Criméia optou em plebiscito por se reunificar a Rússia, onde pertenceu por séculos, sendo artificialmente incorporada a Ucrânia na época da União Soviética, quando Rússia e Ucrânia eram o mesmo país.

Agora que não são mais, a Criméia decidiu voltar para onde saíra. Apenas com isso a Ucrânia perdeu quase 2 milhões de habitantes. Mais cerca de 3 milhões emigraram, sendo 1,5 também para Rússia, e a outra metade foi no rumo oposto, para outros países da Europa. Portanto apenas na secessão crimeia e na emigração mais 5 milhões de ucranianos se foram. Mais algumas centenas de milhares morrerão por causa da guerra, diretamente em combates – reconhecidamente uma pequena maioria – mas muito mais gente por falta de assistência do estado.

Volta o texto original. Do fim do comunismo até hoje a Rússia, sua irmã maior, perdeu outros 5 milhões de habitantes.

De 2010 pra cá houve levíssimo aumento na população, mas muito pouco. Insuficiente pra equilibrar a perda já ocorrida, e muito menos pra impedir novas sangrias, que fatalmente virão.

Eslovaquia

Estagnação também na Eslováquia.

Calcula-se que a população da Rússia, hoje com 142 milhões, alta mortalidade (especialmente entre os Homens pelo alcoolismo) e baixas taxas de reposição, poderá cair a somente 120 milhões em 2050, e parcela altíssima disso da 3ª idade, o resto de adultos, e jovens e crianças praticamente inexistentes. Em outro texto que breve sobe pro ar falamos melhor do caso russo, amenizado pela reunificação com a Crimeia e o 1,5 milhão de ‘novo-russos’ que deixaram o Leste da Ucrânia e migraram a Rússia.

A Albânia tem hoje 300 mil pessoas a menos que há duas décadas e meia, o que representa uma sangria de 10%. A Romênia perdeu 2 milhões, o que também dá que 10% de sua população de 1989 deixou de existir. A Bulgária diminui em quase 2 milhões, o que dá 20% a menos de búlgaros hoje do que a apenas uma geração.

………

Alemanha (2)

A Alemanha já perdeu mais de 2 milhões de habitantes. Nessa década houve ligeira recuperação, mas devido a imigração – que por sua vez gera sérios conflitos políticos.

Tudo somado: apenas esses 5 países tem hoje 17 milhões de Homens e Mulheres a menos que há somente 25 anos. É como se o Chile tivesse deixado de existir. Se conhece o Chile, sabe que esse país não é tão pequeno.

A Letônia perdeu nada menos que 25% de sua população. Um quarto, amigos. É como se essa pequena nação estivesse sendo apagada do mapa. Na Lituânia, Ucrânia e Bulgária, a sangria também virou acima ou ao redor dos 20%. 15% na Bósnia, e acima ou perto de 10% na Croácia, Romênia e Albânia.

Não custa enfatizar ainda mais uma vez: uma vez iniciado, o problema da queda populacional se manifesta em bola de neve. Com a economia cada vez mais deficitária, pois são menos gente trabalhando pra sustentarem mais idosos, cada vez mais jovens deixam o país tentado sorte melhor na Europa do Oeste. É uma situação estilo “o último que sair apague a luz”.

Japao

O problema não se restringe a Europa. A população do Japão há tempos estagnou e começa a declinar.

Se isso não é uma implosão populacional, o que é?

………….

Arrematando: breve, o pesadelo da implosão populacional fustigará uma dor tão aguda a Alma europeia que eles se lembrarão com muitas saudades do tempo que tinham tanta gente morando lá que se davam ao luxo de ir colonizar outros continentes. Chegarão mesmo a invejar a hiper-povoada (e por enquanto hiper-fértil) Bangladesh. Eu não estou brincando nem exagerando.

O problema não se restringe ao Leste, como mostraremos detalhadamente pelo caso alemão.

……..

Italia

Na Itália, após uma estagnação de duas décadas e meia houve pequeno aumento – divido a migração, já que as taxas de natalidade italianas são as mais baixas do mundo.

Voltamos a falar da Implosão Populacional, problema seríssimo enfrentado pelas nações da Europa e do Leste da Ásia. Suas taxas de natalidade são baixíssimas, a população ao invés de aumentar vem diminuindo. Entenda bem que esse é um fato inédito na história. Em todos os tempos, em todas as raças, em todos os países, sempre o número de Homens e Mulheres encarnados em uma geração era maior que na anterior. As vezes vinham guerras, epidemias, terremotos, fome, que matavam em massa. Isso sempre houve, evidente.

O que não tira o ineditismo do problema atual, daí a dificuldade em se lidar com ele. Nunca em tempos de paz e prosperidade aconteceu o que está acontecendo agora: as pessoas não querem ter filhos, e a imensa maioria dos casais que os têm se limitam ao filho único.

Resultando que mesmo hoje esses países tem um desequilíbrio gravíssimo, muitos velhos pra poucos jovens. Se hoje isso é um “problema”, dentro de 30 a 40 anos será estado de calamidade pública. Quando a atual geração envelhecer, simplesmente não haverá quem a substitua no mercado de trabalho, e muito menos quem cuide dos velhos doentes nos lares.

Portugal

Em Portugal – que como Grécia e Itália nunca foi comunista – a situação é a mesma, estagnação e mais recentemente diminuição no número de habitantes.

A imigração, a atração de mão-de-obra jovem de nações mais pobres, ameniza mas não resolve o problema. Ameniza, é certo, e por isso que a Europa do Oeste ainda cresce sua população, porque se dependesse só dos brancos nativos, Bélgica, Itália, França, Inglaterra, Holanda, etc, também estariam desaparecendo.

Bem, vi partes do jogo da Holanda x Costa Rica pela Copa/14 na TV. Haviam mais negros vestindo a camisa laranja holandesa que a camisa branca costa-riquenha. Até o começo dos anos 80 não haviam negros na “Laranja Mecânica”, e nos anos 90, já com o pioneiro Ruud Gullit consagrado, eles ainda eram ínfima minoria.

No jogo da copa/14, contando o banco de reservas, eram metade da equipe. Essa imagem basta mais que mil palavras pra explicar porque a Holanda ainda aumenta. Presencie a seleção francesa em ação e verá que essa é a regra, longe de ser a exceção. Vendo cenas de um amistoso França x Jamaica, eu tive dificuldade em distinguir as equipes. Não é modo de falar.

………..

Então reforçados pelo excedente populacional da África, Ásia e América, boa parte da Europa Ocidental, e também EUA e Canadá, se mantém crescendo. Mas as vezes nem isso basta. O problema é mais crítico no Leste Europeu, que ficava atrás da antiga cortina de ferro do comunismo. Dos 15 países cujo número de habitantes vem encolhendo ao invés de aumentar, 13 ficavam totalmente no Leste, física, social e politicamente.

Albania

A Albânia já encolheu mais de 10%.

Mas a Grécia também vem encolhendo. Repito, o quadro que lhes passei é de 2011, portanto ainda não tão afetado pela crise que lá se instalou, resultando que o problema é ainda pior que o retratado. Embora fisicamente a Grécia fique também no Leste da Europa, social e politicamente ela faz parte do Oeste, porque nunca foi comunista.

Verdade que a redução lá ainda é pequena, nem se compara com vários outros países que perderam mais de 10 e mesmo mais de 20% da população em apenas duas décadas e meia. Mas se já está havendo sangria, ela tende a se agravar, é a bola de neve. O desequilíbrio entre velhos e jovens faz a economia patinar, pois é menos gente trabalhando tendo que manter muita gente que além de já estar aposentada ainda apresenta vários problemas de saúde, crônicos e de tratamento caro. Isso drena recursos demais da sociedade, o que só faz com que ainda mais jovens e adultos em idade produtiva resolvam emigrar.

………..

O que dizer de Japão e Alemanha? Terceira e quarta economias do globo, respectivamente, atrás de China e EUA. E mesmo assim estão perdendo população.

Russia

A Rússia perdeu quase 5 milhões de pessoas, de 147 pra 142 milhões. Na década de 10 pequena recuperação mas situação preocupante ainda.

Como no caso grego, a queda ainda foi pequena. O quadro apenas acaba de fazer a curva. Mas já fez a curva, e isso que é preocupante, alias muitíssimo preocupante, devido ao altíssimo grau de prosperidade social que esses países desfrutam. É famosa a longevidade japonesa. O que significa, e tudo só tende a se agravar, que o desequilíbrio na balança etária está se tornando cada vez pior. Certamente há muitos mais idosos que crianças na sociedade japonesa.

Ainda há muitos adultos em idade produtiva, então o tecido social nesse momento se mantém. Entretanto, dentro de 30 anos, quando a atual geração se aposentar, será catástrofe, será calamidade pública.

Eslovenia

Eslovênia: praticamente sem crescimento há 2 décadas e meia.

Veremos então um país com um mar de gente velha, com poucos adultos e em que crianças e jovens serão praticamente inexistentes.

Você não precisa ser doutor em economia, ciências sociais ou estatística pra entender que essa sociedade vai implodir.

O Japão resiste a absorver imigrantes que não tenham ascendência japonesa. Bem, eu diria que eles terão que abrandar essa regra, se quiserem sobreviver.

Terão que abrir suas fronteiras aos asiáticos, que estão ali ao lado e gostariam de ir trabalhar em terras nipônicas. Será uma escolha difícil. O Japão é conhecido por ser uma das sociedades mais harmônicas do planeta, em termos raciais.

Romenia

Romênia perdeu 2 milhões de pessoas, 10% de sua população.

Por isso, um povo muito educado. O japonês é famoso por sua cortesia, por nunca perturbar os outros se não for absolutamente necessário. Não se usam celulares no metrô exceto em emergências, exatamente ao contrário do que ocorre em nossa Pátria Amada. As pichações são raras, e já escrevemos uma série de emeios sobre esse tema, breve levanto esse material para rede. Nos jogos da copa do mundo no Brasil, os japoneses chamaram a atenção do mundo todo.

Não dentro de campo, pois ali o desempenho foi horrível, duas derrotas (uma por sonoros 4×1) e um empate sem gol. Mas sim nas arquibancadas. Após as partidas, a torcida japonesa fez algo que ninguém faz: limpou a sujeira que a torcida brasileira deixou pelo chão. Permaneceram por mais de meia hora na tarefa. Se pros brasileiros causa sensação ver alguém limpando a via pública, pros japoneses é o exato oposto, eles não entendem como alguém descarta seu lixo no chão, vira as costas e vai embora.

…………..

Estonia

Estônia: diminuição de 10% no número de habitantes.

Obviamente esse altíssimo grau de civilidade só é possível pela enorme coesão étnica japonesa. Pois bem. Embora educadíssimos, o povo japonês agora se depara com um problema gravíssimo: eles quase não tem filhos. E mesmo a imigração seletiva de americanos que tem ascendência japonesa e seus cônjuges já não está mais dando conta de fazer crescer ou mesmo manter o nível populacional.

Então de um jeito ou de outro o Japão terá que deixar de ser quem é. Ou mantém a pureza étnica e definha já no século 21, ou ganha fôlego abrindo seu mercado de trabalho pra asiáticos que não tem ascendência nipônica. Aí se mantém, não é nenhum fim do mundo, veja a França e Holanda, abertas a imigração e estão muito bem.

Entretanto, certamente os filipinos e indonésios que então se integrarão como parte da população japonesa não têm o mesmo padrão ético, por não ter o mesmo padrão étnico.

Macedonia

Macedônia estagnada há 3 décadas e meia.

Na copa de 2054, você não verá japoneses limpando o estádio. Se esse país fechar a fronteira, simplesmente não haverão japoneses jovens que possam se dar ao luxo de ir a outros continentes acompanhar a seleção de qualquer modalidade esportiva. Serão tantos idosos que todos os recursos da pátria serão drenados apenas em manter eles encarnados.

E se o Japão abrir as fronteiras, bem, outras raças não fazem isso. E não me refiro de forma pejorativa aos asiáticos e africanos, não. Você viu algum branco europeu limpando o estádio? Viu algum inglês, belga, francês, italiano, holandês, seja branco nativo ou negro/árabe imigrante, ficando meia hora após o fim da partida recolhendo lixo do chão? Pois eu não vi. Exato o oposto é verdadeiro, eles imediatamente se dirigiram aos bares da beira-mar pra encher a cara.

Bielo-Russia

Bielo-Rússia: também em queda.

………………

Resumindo, amigos, o dilema japonês é esse. Se abre pra imigração, ou desaparece. Por “A” ou por “B”, o Japão que conhecemos encerra sua trajetória sobre a Terra. Aí o maremoto de Fukushima-2011 (também já tema de série de emeios, breve no ar) deu uma mãozinha ao processo, não?

E o que dizer então da Alemanha? É certamente uma situação ainda mais grave. Pois é tão rica quanto o Japão, e já se abriu a migração há muito. Quem esteve em Berlim fala que em certas partes da capital alemã você fica em dúvida se não desembarcou por engano em Istambul. Quem esteve nesses bairros berlinenses e também na Turquia pouca diferença notou.

Espanha

Espanha: as taxas de natalidade são as mais baixas do mundo. Na primeira década do milênio atraiu muita imigração. Na última contagem já houve queda.

Mesmo assim a população alemã vem diminuindo. Veja, em uma década a perda foi de 2 milhões. Como no caso russo, nos últimos 3 anos voltou a haver ligeiro aumento. Mas muito suave, incapaz de estancar a tendência geral de queda. Breve vai voltar a haver sangria, e pelo efeito da bola de neve, ela tende a ser bem elevada.

Atualização de setembro de 16: vimos a partir de 2015 as consequências seríssimas do dilema alemão. A premiê Ângela Merkel abriu as fronteiras do país pros refugiados dos ataques do Império Ianque ao Oriente Médio, Ásia islâmica e África. Milhões de sírios, líbios, iraquianos, afegãos, iemenitas, etc, rumaram a Europa, já que suas nações foram destroçadas.

A maioria dos países europeus faz de todo para se livrar desses visitantes indesejáveis, ou na pior das hipóteses acolher o mínimo possível. Mas Ângela Merkel, ciente que a Alemanha necessita desesperadamente sangue novo ou suas indústrias irão falir pelo altíssimo custo da mão-de-obra – já que não há gente suficiente para trabalhar, é simples assim – resolveu acolher centenas de milhares de imigrantes, e exortou outros países da União Europeia a fazer o mesmo. O resultado foi um fracasso completo, tanto interna quanto externamente.

Republica Checa

República Checa: estagnação desde o fim do comunismo.

No quesito política externa, nenhum outro estado europeu quis seguir o exemplo alemão, e isso gerou uma séria crise política, diversos dirigentes europeus começaram a questionar profundamente se a Alemanha pode mesmo ser a cabeça da UE, ao menos enquanto Merkel for a 1ª-ministra. E internamente os resultados foram desastrosos. Os imigrantes recém-chegados em sua imensa maioria são pessoas honestas, que querem apenas ter uma vida digna que lhes foi negadas em suas pátrias de origem.

Mas o choque cultural é muito grande. A Alemanha éum dos países mais liberais do mundo, em termos de comportamento. Entretanto, ao acolher de um vez centenas de milhares de muçulmanos oriundos de países em guerra, houve um ‘choque térmico’ imenso: diversos crimes gravíssimos foram cometidos por esses imigrantes, sendo o mais grave o abuso sexual de centenas de Mulheres alemãs no ‘reveillon’ de 16 na cidade de Colônia pela massa de muçulmanos.

Croacia

Croácia: queda de 10%.

Se os alemães nativos tivessem filhos em número suficiente para manter sua população (média de 2 por casal) toda essa confusão jamais teria ocorrido. Entretanto, está muitíssimo abaixo disso. Essa foi a razão pela qual Merkel achou que era necessário trazer de uma vez essa massa rude e curtida pela guerra as terras alemãs. Deu no que deu.

Sabem amigos, eu não gosto de ser Profeta quando as profecias são ruins. Mas eu alertei em 2014 que tempos difíceis viriam, por conta da implosão populacional europeia em geral e alemã em particular. Os que acompanham meu Trabalho desde a época do modal do emeio são testemunhas.

Ocorreu exatamente como eu previ, e em curtíssimo espaço de tempo, menos de 2 anos. E infelizmente é só o começo. Muitos outros choques virão, gerando dor imensa para todos, alemães e imigrantes igualmente, porque a matemática é uma ciência exata. Se uma sociedade não tem filhos, precisa importar mão-de-obra jovem de outras sociedades ou deixa de existir.

Hungria

Hungria: em queda desde os anos 80.

………..…

No caso alemão, além dos gráficos, eu selecionei alguns mapas, que falam tudo por imagens.

Não custa enfatizar de novo, a fonte é esse sítio aqui que aliás é alemão.

http://www.citypopulation.de/

Respeito a quem merece, daqui pra baixo vamos ver o que os mapas de Thomas Brinkhoff nos dizem sobre seu país-natal.

Ao contrário do que se poderia pensar, o azul indica queda populacional, e aquele tom mais amarelado, aumento. Você precisa prestar atenção na posição da flecha, se pra baixo ou pra cima, e não na sensação que a coloração te passa. A escala está estruturada da seguinte forma:Alemanha2

AZUL CLARINHO: QUEDA ACENTUADA

AZUL TURQUESA: QUEDA MODERADA

VERDE: AUMENTO MODERADO

BEGE/AMARELADO: AUMENTO ELEVADO

Observe a foto a direita que agora fica claro: apenas o Sul da Alemanha, a Baviera onde fica Munique e a região de Franquefurte, está bem das pernas, e apenas ali há aumento populacional elevado como um todo, nas metrópoles e também nas cidades menores e no campo.

Alemanha

Antiga Alemanha Oriental em queda livre.

No Oeste da Alemanha há um crescimento moderado, e em todos os estados que pertenceram a antiga Alemanha Oriental há queda populacional, exceto naquele que abriga a capital do país, Berlim.

……..

Isso você já observa num dos mapas, que trata dos estados como um todo. Porque em duas fotos que vem a seguir a análise é mais minuciosa, por municípios, e você verá que mesmo na antiga Alemanha Ocidental há problemas seríssimos na parte Central e Setentrional.

Alemanha1

Mas na porção ocidental do Norte da Alemanha – que é riquíssimo e nunca foi comunista – apenas as grandes metrópoles (Hamburgo e Hannover) e seu entorno aumentam a população. No interior há queda acentuada.

Antes, quero fazer um adendo. Disse que dos 15 países europeus que têm queda populacional, 13 faziam parte do que se chama Leste Europeu, a região que foi comunista. Um, a Grécia, embora fisicamente também no oriente do continente, social e politicamente é parte do Oeste Europeu.

E a Alemanha? Bem, num caso único, por ter sido partida pelos que a venceram na segunda guerra, a Alemanha foi parte tanto do Oeste quanto do Leste Europeu. A Alemanha Ocidental era uma potência capitalista, enquanto a Alemanha Oriental era tão parte da cortina de ferro quanto a Polônia ou a Romênia.

Politicamente essa divisão se foi. Mas economicamente ela permanece. Veja que todos os cinco estados que faziam parte da antiga Alemanha Oriental tem redução no número de habitantes. A capital Berlim engloba territórios de ambas as finadas Alemanhas, é sabido que a capital foi dividida ao meio espelhando em escala menor o que ocorreu com a nação como um todo. Assim, se Berlim cresce, não se pode dizer que seja um estado da antiga Alemanha Oriental, porque não o é de todo.

sudeste de Bonn

Bonn (capital da finada Alemanha Ocidental) cresce muito, seus subúrbios crescem moderadamente. Mas o interior – numa das partes mais ricas do planeta! – tem diminuição elevada de população.

Dos 5 estados exclusivamente da antiga Alemanha Oriental, todos perdem população. Dos 6 que foram da Alemanha Oriental (agora total ou parcialmente, incluindo Berlim), 5 perdem população. Dos 6 estados alemães nessa condição de sangria, 5 são da antiga Alemanha Oriental, e um da Ocidental, um bem pequeno, na fronteira com França e Luxemburgo.

O muro de tijolos caiu, e politicamente houve a re-unificação. Resta agora derrubar o muro econômico, e reduzir as diferenças entre Leste e Oeste nesse campo também.

……….

Mas fica pior. Quando você aumenta e escala de observação e analisa município por município, você vê que há também uma divisão entre Norte e Sul da Alemanha.

Grande Berlim

Berlim, atual capital da Alemanha reunificada: crescimento moderado no núcleo e subúrbios a leste, crescimento elevado nos subúrbios a oeste. Mas queda vertiginosa ao redor.

O Sul de Franquefurte e Munique está muito rico, e cresce por inteiro. Mas no Centro e no Norte, só há crescimento no entorno das metrópoles. O interior está sendo despovoado. Isso, repito, mesmo na rica e próspera ex-Alemanha Ocidental.

Dresdem, Leipzig e Erfurt, as maiores cidades da antiga Alemanha Oriental excluindo a capital Berlim, ainda crescem. Mas ao redor delas está se formando um deserto.

Em Rostock, o maior porto da finada Alemanha Oriental, a mesma situação se repete.

……….

Berlim, por ser a capital, é mais rica. Ela cresce, e gera um cinturão de prosperidade a seu redor. Nota bem que há um anel de crescimento em torno dessa metrópole. Não apenas a urbe ainda atrai gente pra morar em seu Centro, em sua parte densamente urbanizada, mas também em número suficiente pra oxigenar, pra dar vida a seu cinturão verde no entorno.

Alemanha19

No geral, as grandes e médias cidades ainda atraem mão-de-obra jovem, e aumentam, mesmo na antiga Alemanha Oriental. Mas na ‘Metrópole do Reno’ – que é o coração industrial do país – esse já não é o caso.

E agora veem o que quero lhes chamar a atenção: as regiões de Hannover e Hamburgo estão na mesma situação. As metrópoles ainda atraem Homens e Mulheres que querem morar ali, e há mesmo um excedente que se instala nas cidades menores que gravitam em torno desses grandes centros. Mas quando nos afastamos um pouco, chegamos aos municípios que não fazem divisa com a metrópole, há queda acelerada de população.

Note que a região que faz fronteira com a Dinamarca – um dos rincões mais prósperos de todo planeta!!!! – está sendo despovoado. No Centro do país a situação se repete.

Metropole do Reno

Em escala maior, a ‘Metrópole do Reno‘: trata-se da maior conurbação alemã, maior que a Grande Berlim. E, repetindo, seu coração industrial. Mas quase todas as cidades que a compõem estão perdendo habitantes num ritmo assustador.

E isso na antiga Alemanha Ocidental. Os problemas são os mesmos da antiga Alemanha Oriental, e as imagens mostram isso cristalinamente.

…….

É certo, no Leste o problema é ainda mais agudo. Leipzig e Dresdem crescem, mas apenas o Centro da cidade, a parte urbanizada mesmo. No interior, a queda de população é tão severa que o estado como um todo diminui. Em Berlim, Hamburgo e Hannover, a situação é um pouco menos pior, há queda no interior, mas a prosperidade é um pouco maior, de forma que não apenas a metrópole cresce, mas leva junto seus subúrbios expandidos, resultando que o estado como um todo ainda consegue estar positivo.

Ainda assim, é muito preocupante o pequeno aumento populacional na Alemanha. É preocupante que Hamburgo esteja na mesma situação que Berlim, e melhor apenas que Leipizg e Rostock.

sudoeste de Berlim

Sudoeste de Berlim: as flechas vermelhas dizem tudo.

Afinal, Hamburgo é o segundo maior porto da Europa, um dos maiores do mundo. Empregos ali é o que não faltam. Não custa dizer de novo, a fronteira alemã-dinarquesa é um oásis de riqueza, e mesmo assim as pessoas estão indo embora.

……..

O problema da implosão populacional, que se iniciou no Leste Europeu, já se espalhou pro Oeste desse continente, e também pro Japão.

sudeste da Alemanha

Sul da antiga Alemanha Oriental: estado de calamidade pública. O muro político se foi. Mas pela debandada geral (‘o último apaga a luz’) vemos que o muro econômico persiste.

Ainda não tão grave, já chegou também a América, e inclusive a China. O que agrava a questão no “primeiro mundo” (entre aspas porque a riqueza dessas nações nem sempre amealhada de forma justa, exatamente o contrário é verdadeiro), posto que América Latina e China a tempos, junto com outras partes da Ásia e África, cumprem o papel de suprir a Europa e EUA com sua mão-de-obra excedente.

Bem, já não teremos tanto excedente assim pra exportar, ao contrário, as levas de haitianos e bolivianos que estão vindo pro Brasil mostra que estamos fazendo a curva, de exportador pra importador de mão de obra. Esse enriquecimento do Brasil, que os haitianos vieram aproveitar, gera falta de mão-de-obra nos EUA de duas maneiras: primeiro vão menos brasileiros pra lá, e segundo vão menos haitianos também.

norte da Alemanha

Centro-Norte da Alemanha: situação bastante preocupante, especialmente porque aqui é na antiga Alemanha Ocidental.

Nota: o texto é de 2014, quando o Brasil ainda passava pelos últimos espasmos do ciclo de prosperidade que se instalou na virada do milênio, e de fato passou a atrair um pequeno contingente de estrangeiros. Com a recessão iniciada em 2015 a situação se alterou, menos haitianos estão vindo para cá, e vários inclusive retornaram a seu país. Ainda assim, muitos deles se enraizaram em solo brasileiro, até por terem o direito legal de residirem aqui. Ainda que em escala reduzida, houve essa situação nova pro Brasil, de ser um polo de atração da migração internacional. 

sul da Alemanha

Centro-Sul alemão: no interior se repete a debandada.

Evidente que o número de migrantes que para cá aportaram, mesmo no tempo das vacas gordas, é ínfimo em relação ao que os EUA/Europa recebem. Ainda assim, aponta uma mudança de direção.

A Europa está desesperada por absorver mão-de-obra. De forma que cada novo concorrente que entra nesse mercado – ainda que iniciante na arte, como o Brasil – encarece ainda mais o custo do trabalho na Europa, que já é altíssimo, drenando ainda mais recursos da economia europeia. Apenas o fato que milhares de haitianos já nem sequer consideraram a opção de ir pros EUA/Europa é uma mostra segura da mudança.

leste de 'Leipzig' - decrescimento

Novamente o leste alemão: só flechas vermelhas.

Mas o maior choque está por vir. Se a prosperidade brasileira foi breve – pelo país ter 200 milhões de habitantes, estar se des-industrializando, ter uma política econômica mais voltada para especulação que para produção – e por conta de tudo isso atraiu poucos migrantes, a situação é bem diferente na Ásia.

A China, em breve, passará pelo mesmo processo, de inverter a corrente. De exportadora passará a ser importadora de mão de obra. Aí você pode ter certeza que os EUA/Europa sentirão gravemente o golpe.

anel sul de Hamburgo

O riquíssimo Norte: Hamburgo e imediações ainda crescendo, mas porque sugam os jovens do interior.

Pois exatamente ao contrário a China é um país muito grande (1,3 bilhão de pessoas), é conhecida como ‘a fábrica do mundo’ porque totalmente ao contrário de Brasil, EUA e Europa ela vem se industrializando rapidamente, e sua economia mista estatal/iniciativa privada é exatamente voltada para produção, e não pro cassino chamado ‘bolsa de valores’. E em breve, muito breve, vai começar a faltar gente para trabalhar lá.

A “política do filho único” começa a apresentar seus frutos amargos, e justamente agora que o país se torna a potência industrial mundial, começam a faltar braços fortes pra tocar as fábricas, ameaçando o ‘grande salto’ que elite chinesa planeja dar pra solapar de vez os EUA como força dominante em escala global.

Bosnia

Bósnia também em queda.

Resultando que rapidamente, pra continuar se expandindo a “níveis chineses”, a China se tornará importadora de mão-de-obra, ao invés de exportadora, que é o que ela é há mais de um século. Mas não mais.

………

Ora, o cobertor já está curto. Essa implosão populacional – e estamos vendo ainda somente as primeiras ondas desse problema – tende a agravar todas as tensões políticas e econômicas no planeta, e já não são pequenas.

Cossovo

Cossovo: quase 10% de queda, pequena recuperação.

Tempos difíceis estão por se desdobrar na superfície do planeta ainda na primeira metade do século 21.

De forma multi-dimensional, essa civilização egoica, violenta, consumista e materialista que tem seu ápice nos Impérios Euro-Estadunidenses (das coroas espanhola e britânica agora aos EUA, o último meio milênio resumindo) está realmente implodindo a si mesma. A falta física de Homens e Mulheres que queiram continuar essa triste saga é apenas mais um sintoma do está absolutamente óbvio pros que tem olhos de ver e não se cegaram pelo consumismo.

Um grande choque se aproxima muito mais rapidamente do que você pode imaginar se sua fonte de informação é a mídia e academia oficiais. A hora de respondermos por nossas escolhas chegou.

Servia

Queda também na Sérvia.

Somos parte de uma Ordem Cósmica, e é nossa responsabilidade agirmos de forma a manter a Harmonia da Lei.

Estou apenas dizendo que existe Lei, existe uma Ordem Suprema no Universo, existe uma Consciência Maior que o ego humano que se manifesta pelo intelecto. Alias, Infinitamente Maior.

E não fosse assim, Alemanha e Japão, que são riquíssimos, não estariam implodindo. O estilo de vida baseado unicamente no poder da matéria e do intelecto está se encerrando.

O Milênio virou e a dissolução da velha ordem começou, como a Profecia disse que seria. Ainda é só o começo do processo. Se continuarem a negar a Lei Maior, o caos só tende a se agravar.

Há uma Lei no Universo, afinal.

Continua…

Deus proverá” – já disse que essa será a única certeza.