do vermelho ao amarelo, cor quente; do verde ao violeta, fria: princípio da ótica e Ciência Oculta

Arco-Íris  08/07/2014

Fiz essa mensagem dois dias depois do Alemanha 7×1 Brasil pela Copa do Mundo em B.H.-M.G., maior derrota da história do futebol brasileiro. Mas não iremos falar aqui do futebol em si mesmo, e sim usá-lo como gancho pra destrinchar um pouco mais da Ciência Oculta. Vamos pegar carona na Energia desse esporte pra falarmos de outros temas.
………..

Jogávamos (na véspera desse texto ser feito) uma pelada na Zona Norte de Curitiba. Meu time de laranja, o outro de verde. Porém, havia muita gente em campo, então não tinha colete pra todos. No nosso lado um cara jogava de camiseta vermelha. Até aí, beleza. Vermelho é similar ao laranja, então não causava problemas.

Porém um jogador da equipe contrária estava de amarelo. Aí estava nos confundindo, pois amarelo se parece mais com laranja que com o verde.

Pedi a um oponente do time de verde que cedesse seu colete a esse que estava de amarelo. Esse outro, que cedeu o colete verde, estava de camiseta azul. Assim fechou certinho, no time laranja o sem-colete vestia vermelho, cor parecida. No time verde, o sem-colete ostentava azul, tonalidade que é próxima ao verde.
…………

Falei ao que cedeu o colete verde:

– vermelho, laranja e amarelo são cores quentes, parecidas entre si. Obviamente o laranja é o intermediário entre as outras duas.

– já verde, azul e violeta são cores frias. Se parecem entre si, e diferem das quentes.

Eis aqui o princípio da ótica, que estuda como a luz se manifesta, com ‘m’ menor. Por mais que pareça óbvio, um dos colegas que jogava com a gente não havia se dado conta dessa associação, e alias por causa da inquirição dele esse texto saiu.

………….

Até aqui nenhuma novidade. Repito o que já sabem por um motivo: numa abordagem Holística e Multi-Dimensional, arrematarei “casando” a 3ª e a 4ª Dimensões:

Eis aqui também o princípio da Ciência Oculta, que estuda como a Luz se manifesta. Agora com ‘M’ maior, significando portanto não a luz física, mas a própria Energia, a própria Consciência se preferirem.

Do Vermelho ao Amarelo, 3ª Dimensão.

O Verde abre a 4ª Dimensão, e quando abrirmos e fecharmos o Raio Violeta, estaremos no Infinito.

Nirvana, Reino de Deus, Cruzamos a Grande Água. Chame como quiser, tudo é Um e o mesmo.

E daí a cor da fonte, pra já irmos moldando a frequência. Um passo a frente e você não está no mesmo lugar.

Volto ao tema. Farei uma série explorando a diferença entre 3ª e 4ª Dimensões, esse emeio é só a Abertura. E como isso se inter-relaciona com os chacras e a ótica.

………..

Por uma linearidade, por um modo de ver as coisas, a Energia Vermelha é a Energia mais densa, a Violeta a mais Sutil. Daí as 2 primeiras figuras, acima da manchete e na abertura da matéria.

Mas por uma outra linearidade, há a oposição entre quente e frio, simbolizada pela interação e reflexo entre o Vermelho e o Azul. coreia do sul

Aí não é o caso de falar em qual é mais sutil e qual é mais densa. São opostos que se complementam e se refletem de forma inversamente proporcional. Daí a bandeira da Coreia do Sul, um Yin-Yan em Vermelho e Azul.

Mas já vai de aperitivo: escrevi esses dias que “Fortaleza-CE se revela como a Cidade do Raio Vermelho.”

Fortaleza é Vermelha. Junto com Belém-PA, o Rio de Janeiro e Recife-PE, apresento o Raio Vermelho em sua Glória e Esplendor. São cidades quentes, não apenas na temperatura mas no jeito de ser do povo.

Já Curitiba é Azul. Não estou dizendo com isso que Curitiba seja melhor, mais evoluída. Longe disso. Se materialmente é riquíssima por outro lado em termos Conscienciais tem problemas seríssimos. A Consciência do Logos que se materializa como a cidade de Curitiba está em conflito, bastante densificada em alguns aspectos, e diversos problemas vem resultando desses desequilíbrios.

Ainda assim, a oposição permanece: Fortaleza é Vermelha, é quente em todas as dimensões. Rio, Recife, Belém, Manaus e boa parte do Nordeste também.

bandeira_coreaCuritiba é Azul, é fria muito além da sensação térmica. Assim como Florianópolis, a maior parte do interior do Sul, e em menor medida São Paulo, Porto Alegre e exagerando um pouco podemos incluir até Brasília como uma cidade mais fria que quente – repito, me refiro a vibração espiritual do povo, e não ao que os termômetros físicos apontam.

Belo Horizonte eu diria que é a vibração intermediária entre esses opostos. B.H. (onde o Brasil caiu de 7 pros frios, nórdicos e azuis teutônicos) é a ligação entre o Norte e o Sul de nossa Pátria Amada, e por isso mescla ambos. Por ‘Norte’ e ‘Sul’ mais uma vez não falo em termos físicos, obviamente, e sim que o Norte é ‘Vermelho’, e o ‘Sul’ Azul.

Uma não é melhor que a outra. Simplesmente são como são. Comparar é coisa do academicismo reinante entre a raça branca, que se prende as dimensões superficiais da Energia. Na Ciência Oculta fazemos o oposto, não se trabalha com ‘bem’ e ‘mal’, mas com as gradações magnéticas de frequência, sintonia e alinhamento.

Já fiz uma análise de como as gradações das raças se distribuem pela América, cadinho que está sendo mesclado pra parir a Nova Raça de Homens e Mulheres (os “Mansos que Herdarão a Terra”) que, Purificada, Purificará o planeta.

…………….

Breve volto ao tema. Por hoje, basta termos bem claro essa Oposição, o Alinhamento Reverso dos Raios que se complementam se opondo, repito, como na bandeira coreana.

do Vermelho ao VioletaQue Deus Pai-Mãe (Preto e Branco Maior, Rosa e Azul e Absoluto, a Grande Síntese do Vermelho ao Violeta) os Ilumine pela Eternidade.

Continua…

Deus proverá

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s